Pantanal 
PRODUÇÃO DE MUDAS: 
instalações 
16 de setembro de 2014 
Marçal H. A. Jorge 
Curso: Produção de mudas de hortali...
Pantanal 
O VIVEIRO 
Local o nde são 
concentradas todas as 
atividades referentes à 
produção de mudas 
Curso: Produção d...
Pantanal 
A produção de mudas 
requer investimentos 
corretos e, 
principalmente, o 
envolvimento da 
comunidade. 
Curso: ...
Pantanal 
O sucesso da atividade 
depende diretamente da 
qualidade das mudas 
produzidas: 
•Sistema radicular e parte aér...
Pantanal 
ASPECTOS A SEREM 
CONSIDERADOS 
Climatolog ia da região 
•A estrutura é definida em função de dados 
climatológi...
Pantanal 
Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
Pantanal 
ASPECTOS A SEREM 
CONSIDERADOS 
Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
Pantanal 
Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA 
Latitude Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set...
Pantanal 
Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA 
Fonte: USP 
Data; VelocVentoMedia; VelocVent...
Pantanal 
Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA 
Plantas de dia curto 
Plantas de dia curto s...
Pantanal 
Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA 
Plantas de dia longo 
Plantas de dia longo s...
Pantanal 
Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA 
Plantas indiferentes 
Existem plantas que fl...
Pantanal 
ASPECTOS A SEREM 
CONSIDERADOS 
Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA 
Tomate, ceno...
Pantanal 
ASPECTOS A SEREM 
CONSIDERADOS 
Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA 
Espinafre, a...
Pantanal 
ASPECTOS A SEREM 
CONSIDERADOS 
O l ocal 
•Próximo à comunidade/associação. Isso facilita a 
presença constante ...
Pantanal 
ASPECTOS A SEREM 
CONSIDERADOS 
Ac e sso 
•Facilitar o trânsito de pessoas e equipamentos. 
Curso: Produção de m...
Pantanal 
ASPECTOS A SEREM 
CONSIDERADOS 
Área 
•A área total do viveiro deve ser composta por 
área produtiva (sementeira...
Pantanal 
ASPECTOS A SEREM 
CONSIDERADOS 
Suprimen to de água 
•Água, de boa qualidade, e em abundância, para 
irrigação. ...
Pantanal 
ASPECTOS A SEREM 
CONSIDERADOS 
Ervas d aninhas 
•Erradicação de espécies indesejáveis dentro da 
área do viveir...
Pantanal 
ASPECTOS A SEREM 
CONSIDERADOS 
San idade 
•Erradicação de pragas e doenças que possam 
comprometer a qualidade ...
Pantanal 
ASPECTOS A SEREM 
CONSIDERADOS 
Declividade da área 
•A declividade deve ser de, no máximo, 2% (ideal), 
para nã...
Pantanal 
ASPECTOS A SEREM 
CONSIDERADOS 
Luz 
•O viveiro deve ser instalado em local totalmente 
ensolarado; 
•As semente...
Pantanal 
ASPECTOS A SEREM 
CONSIDERADOS 
Vento 
•Recomenda-se instalar o viveiro em local 
protegido de eventuais rajadas...
Pantanal 
ASPECTOS A SEREM 
CONSIDERADOS 
Mão- d e-obra 
•Disponibilidade de mão-de-obra, tanto para a 
realização das prá...
Pantanal 
ASPECTOS A SEREM 
CONSIDERADOS 
Gerenciamento 
•Planejamento da produção visando cobrir todas 
as fases do proce...
Pantanal 
TIPOS DE VIVEIROS 
(Considerando o tempo de vida útil) 
•Viveiros provisórios; 
•Viveiros Permanentes; 
•Espera ...
Pantanal 
TIPOS DE VIVEIROS 
(Considerando a proteção do sistema radicular) 
•Viveiros com mudas em raiz nua; 
•Viveiros c...
Pantanal 
Alguns cuidados na implantação do 
viveiro 
•Capacidade produtiva (quantidade de mudas nas diferentes épocas); 
...
Pantanal 
Com isso, o tamanho do viveiro vai 
depender da: 
•Quantidade de mudas para plantio e replantio; 
•Espécies a se...
Pantanal 
Tipos de materiais utilizados na 
construção do viveiro 
Isso depende de uma série de fatores 
como: 
•Investime...
Pantanal 
Ferramentas, máquinas, equipamentos e 
outros materiais necessários: 
•Pás, enxadas, enxadões, foice, facão, tes...
Pantanal 
Casa de crescimento 
Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
Pantanal 
Casa de crescimento 
água 
luz 
umidade 
temperatura 
Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Alta...
Pantanal 
Casa de crescimento 
Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
Pantanal 
Casa de crescimento 
Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
Pantanal 
Aclimatação 
Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
Pantanal 
Aclimatação 
Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
Pantanal 
Rustificação 
Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
Pantanal 
Rustificação 
Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
Pantanal 
Rustificação 
Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
Pantanal 
OBRIGADO! 
VISITE NOSSO SITE 
www.cnph.embrapa.br
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

2014 setembro - curso mudas teresina - 5 instalações

532 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
532
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
65
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

2014 setembro - curso mudas teresina - 5 instalações

  1. 1. Pantanal PRODUÇÃO DE MUDAS: instalações 16 de setembro de 2014 Marçal H. A. Jorge Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
  2. 2. Pantanal O VIVEIRO Local o nde são concentradas todas as atividades referentes à produção de mudas Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
  3. 3. Pantanal A produção de mudas requer investimentos corretos e, principalmente, o envolvimento da comunidade. Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
  4. 4. Pantanal O sucesso da atividade depende diretamente da qualidade das mudas produzidas: •Sistema radicular e parte aérea bem formadas; •Bom estado nutricional; •Livres de pragas e doenças. Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
  5. 5. Pantanal ASPECTOS A SEREM CONSIDERADOS Climatolog ia da região •A estrutura é definida em função de dados climatológicos registrados na região. Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
  6. 6. Pantanal Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
  7. 7. Pantanal ASPECTOS A SEREM CONSIDERADOS Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
  8. 8. Pantanal Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA Latitude Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez 10o N 11.6 11.8 12.1 12.4 12.6 12.7 12.6 12.4 12.2 11.9 11.7 11.5 8o N 11.7 11.9 12.1 12.3 12.5 12.6 12.5 12.4 12.2 12.0 11.8 11.6 6o N 11.8 11.9 12.1 12.3 10.4 12.5 12.4 12.3 12.2 12.0 11.9 11.7 4o N 11.9 12.0 12.1 12.2 12.3 12.4 12.3 12.2 12.0 12.0 11.9 11.9 2o N 12.0 12.0 12.1 12.2 12.2 12.2 12.2 12.2 12.1 12.1 12.0 12.0 Equador 12.1 12.1 12.1 12.1 12.1 12.1 12.1 12.1 12.1 12.1 12.1 12.1 2o S 12.2 12.2 12.1 12.1 12.0 12.0 12.0 12.0 12.1 12.1 12.2 12.2 4o S 12.3 12.2 12.1 12.0 11.9 11.8 11.9 12.0 12.1 12.2 12.3 12.4 6o S 12.4 12.3 12.1 12.0 11.9 11.7 11.8 11.9 12.1 12.2 12.4 12.5 8o S 12.5 12.4 12.1 11.9 11.7 11.6 11.7 11.9 12.1 12.3 12.5 12.6 10o S 12.6 12.4 12.1 11.9 11.7 11.5 11.6 11.8 12.0 12.3 12.6 12.7 12o S 12.7 12.5 12.2 11.8 11.6 11.4 11.5 11.7 12.0 12.4 12.7 12.8 14o S 12.8 12.6 12.2 11.8 11.5 11.3 11.4 11.6 12.0 12.4 12.8 12.9 16o S 13.0 12.7 12.2 11.7 11.4 11.2 11.2 11.6 12.0 12.4 12.9 13.1 18o S 13.1 12.7 12.2 11.7 11.3 11.1 11.1 11.5 12.0 12.5 13.0 13.2 20o S 13.2 12.8 12.2 11.6 11.2 10.9 11.0 11.4 12.0 12.5 13.2 13.3 22o S 13.4 12.8 12.2 11.6 11.1 10.8 10.9 11.3 12.0 12.6 13.2 13.5 24o S 13.5 12.9 12.3 11.5 10.9 10.7 10.8 11.2 11.9 12.6 13.3 13.6 26o S 13.6 12.9 12.3 11.5 10.8 10.5 10.7 11.2 11.9 12.7 13.4 13.8 28o S 13.7 13.0 12.3 11.4 10.7 10.4 10.6 11.1 11.9 12.8 13.5 13.9 30o S 13.9 13.1 12.3 11.4 10.6 10.2 10.4 11.0 11.9 12.8 13.6 14.0 32o S 14.0 13.2 12.3 11.3 10.5 10.0 10.3 10.9 11.9 12.9 13.7 14.2 34o S 14.2 13.3 12.3 11.3 10.3 9.8 10.1 10.9 11.9 12.9 13.9 14.4 36o S 14.3 13.4 12.4 11.2 10.2 9.7 10.0 10.7 11.9 13.0 14.0 14.6 38o S 14.5 13.5 12.4 11.1 10.1 9.5 9.8 10.6 11.8 13.1 14.2 14.8 40o S 14.7 13.6 12.4 11.1 9.9 9.3 9.6 10.5 11.8 13.1 14.3 15.0 Fonte: USP
  9. 9. Pantanal Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA Fonte: USP Data; VelocVentoMedia; VelocVentoMaximaMedia; NebulosMedia; NumDiasPrecip; PrecipTot; TempMaxMedia; TempMinMedia; URMedia 01/2013; 2.043011; 12; 8.666667; 25; 363.2; 31.46129; 22.519355; 88.655172; 02/2013; 1.746835; 3; 8.481013; 25; 240.5; 31.626923; 21.953846; 86.442308; 03/2013; 1.72043; 3; 8.225806; 28; 478.3; 31.56129; 22.625806; 88.5; 04/2013; 1.788889; 3; 7.644444; 26; 442; 31.82; 22.813333; 87.466667; 05/2013; 1.411719; 3.08664; 6; 9; 333.6; 32.178571; 23.341379; 85.633929; 06/2013; 1.54; 3; 5.411111; ; 125.6; 33.046667; 23.42; 83.875; 07/2013; 1.464722; 3.08664; 5.298913; ; 127.5; 32.964516; 22.832258; 81.701613; 08/2013; 1.565446; 3.08664; 4.879032; ; 21.9; 34.451613; 24.048387; 78.790323; 09/2013; 1.754812; 3.08664; 6.194444; ; 80.4; 34.256667; 24.36; 79.2; 10/2013; 1.615231; 3.08664; 5.739247; ; 70.6; 34.929032; 24.422581; 75.298387; 11/2013; 1.726232; 4.11552; 6.460674; ; 68.9; 33.423333; 23.976667; 80.375; 12/2013; 1.692674; 4.11552; 5.524194; ; 139.8; 33.993548; 24.174194; 76.298387;
  10. 10. Pantanal Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA Plantas de dia curto Plantas de dia curto são aquelas que florescem quando a duração da noite (período escuro) é igual ou maior do que determinado valor, denominado fotoperíodo crítico (15h). Plantas de dia curto florescem no fim do verão, no outono ou no inverno.
  11. 11. Pantanal Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA Plantas de dia longo Plantas de dia longo são as que florescem quando submetidas a períodos de escuridão inferiores ao fotoperíodo crítico (15h). Plantas desse tipo das quais a alface é um exemplo, florescem no fim da primavera ou no verão. Para algumas plantas basta uma única exposição ao fotoperíodo indutor para florescer, enquanto outras precisam de vários dias sucessivos de fotoperíodos adequados.
  12. 12. Pantanal Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA Plantas indiferentes Existem plantas que florescem independente do fotoperíodo. Nesse caso, a floração ocorre em resposta a outros estímulos. O tomate e o feijão de corda são exemplos de plantas indiferentes.
  13. 13. Pantanal ASPECTOS A SEREM CONSIDERADOS Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA Tomate, cenoura, feijão-de-corda, pimentão, pimenta – plantas de dia neutro Cebola, morango – materiais são classificados em quatro grupos: de dias curtos (DC); de dias intermediários (DI); de dias longos (DL); e de dias muito longos (DML). As DC iniciam a bulbificação em dias com pelo menos 12 horas de luz; as DI exigem dias com 13 ou mais horas de luz; as DL exigem mais de 14 horas de luz diária; e as DML exigem dias com duração superior a 15 horas.
  14. 14. Pantanal ASPECTOS A SEREM CONSIDERADOS Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA Espinafre, alho, beterraba, rabanete, alface – plantas de dia longo Pepino, abóbora, batata – planta de dia curto
  15. 15. Pantanal ASPECTOS A SEREM CONSIDERADOS O l ocal •Próximo à comunidade/associação. Isso facilita a presença constante das pessoas envolvidas na rotina. Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
  16. 16. Pantanal ASPECTOS A SEREM CONSIDERADOS Ac e sso •Facilitar o trânsito de pessoas e equipamentos. Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
  17. 17. Pantanal ASPECTOS A SEREM CONSIDERADOS Área •A área total do viveiro deve ser composta por área produtiva (sementeiras, bancadas, ...) e área não produtivas (depósito, caminhos, estradas, ...); •Recomenda-se cercar a área do viveiro para se evitar a entrada de animais e a depredação. Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
  18. 18. Pantanal ASPECTOS A SEREM CONSIDERADOS Suprimen to de água •Água, de boa qualidade, e em abundância, para irrigação. Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
  19. 19. Pantanal ASPECTOS A SEREM CONSIDERADOS Ervas d aninhas •Erradicação de espécies indesejáveis dentro da área do viveiro. Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
  20. 20. Pantanal ASPECTOS A SEREM CONSIDERADOS San idade •Erradicação de pragas e doenças que possam comprometer a qualidade das mudas. Pense sempre no controle preventivo. Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
  21. 21. Pantanal ASPECTOS A SEREM CONSIDERADOS Declividade da área •A declividade deve ser de, no máximo, 2% (ideal), para não aparecerem problemas com erosão; •Para áreas com declive acentuado, recomenda-se a construção das sementeiras em patamares; •Drenagem: valas, terraços, curvas em nível. Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
  22. 22. Pantanal ASPECTOS A SEREM CONSIDERADOS Luz •O viveiro deve ser instalado em local totalmente ensolarado; •As sementeiras e as bancadas devem ser implantadas com o comprimento voltado para o sentido norte-sul; •A vegetação mais próxima deve estar a mais ou menos 10 metros do viveiro. Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
  23. 23. Pantanal ASPECTOS A SEREM CONSIDERADOS Vento •Recomenda-se instalar o viveiro em local protegido de eventuais rajadas de vento ou utilizar quebra-ventos; •Características desejáveis: folhagem perene, crescimento rápido, copa bem formada, raízes profundas e ramos flexíveis. Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
  24. 24. Pantanal ASPECTOS A SEREM CONSIDERADOS Mão- d e-obra •Disponibilidade de mão-de-obra, tanto para a realização das práticas culturais como para a vigilância da área; Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
  25. 25. Pantanal ASPECTOS A SEREM CONSIDERADOS Gerenciamento •Planejamento da produção visando cobrir todas as fases do processo; •Estoque de insumos e demais materiais; •Acompanhamento periódico da produção (todas as fases). Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
  26. 26. Pantanal TIPOS DE VIVEIROS (Considerando o tempo de vida útil) •Viveiros provisórios; •Viveiros Permanentes; •Espera ou expedição. Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
  27. 27. Pantanal TIPOS DE VIVEIROS (Considerando a proteção do sistema radicular) •Viveiros com mudas em raiz nua; •Viveiros com mudas em recipientes. Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
  28. 28. Pantanal Alguns cuidados na implantação do viveiro •Capacidade produtiva (quantidade de mudas nas diferentes épocas); •Local limpo com ambiente funcional; •Sementeiras e bancadas de, no máximo, 1 metro de largura; •Área de preparo e armazenamento devem estar, preferencialmente, perto da entrada do viveiro (evitar a circulação de pessoas entre as sementeiras e as bancadas) Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
  29. 29. Pantanal Com isso, o tamanho do viveiro vai depender da: •Quantidade de mudas para plantio e replantio; •Espécies a serem plantadas; •Comprimento das sementeiras e das bancadas; •Largura dos caminhos internos; •Seções (preparo, depósito, bancadas, …) dentro do viveiro. Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
  30. 30. Pantanal Tipos de materiais utilizados na construção do viveiro Isso depende de uma série de fatores como: •Investimento inicial; •Disponibilidade de material; •Praticidade; •Vida útil; • … Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
  31. 31. Pantanal Ferramentas, máquinas, equipamentos e outros materiais necessários: •Pás, enxadas, enxadões, foice, facão, tesoura de poda, podão, ancinho, regadores, baldes, mangueira, serrote, martelo, alicate, troquês, jogo de chaves, chave de cano, lima, peneiras, ….; •Carrinho de mão, betoneira, balança, pulverizador costal, …; •Sombrite, plástico, tela de galinheiro, insumos, grampos, pregos, arame liso, esticador, barbante, marcador, saquinhos, … Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
  32. 32. Pantanal Casa de crescimento Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
  33. 33. Pantanal Casa de crescimento água luz umidade temperatura Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
  34. 34. Pantanal Casa de crescimento Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
  35. 35. Pantanal Casa de crescimento Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
  36. 36. Pantanal Aclimatação Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
  37. 37. Pantanal Aclimatação Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
  38. 38. Pantanal Rustificação Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
  39. 39. Pantanal Rustificação Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
  40. 40. Pantanal Rustificação Curso: Produção de mudas de hortaliças, maio de 2014, Altamira, PA
  41. 41. Pantanal OBRIGADO! VISITE NOSSO SITE www.cnph.embrapa.br

×