Livrinho 4ªF

1.251 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.251
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
19
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Livrinho 4ªF

  1. 1. EMEB José Luiz Jucá Contos De Assombração Ilustradores e Autores: Alunos do 2º Ano Ciclo II F 1ª Edição 2 1
  2. 2. Contos de Assombração 1ª Edição Autores:Equipe dedo 2º Ano Ciclo II F Alunos Gestão: 2
  3. 3. Vanessa de Magalhães Pina Graziela Valizi Bertoluci Braz Giovanna Lima dos Santos de Souza Coordenadoras Pedagógica: Anie Masquete Paruta Clemir de Almeida Roberta Cinto de AndradeProfessora: Elaine Cristina Meireles Gabane Digitação: Alunos do 2º Ano Ciclo II F Projeto Gráfico: PAPE: Priscila Ferreira Simão Editoração eletrônica e criação gráfica: PAPE: Priscila Ferreira Simão Revisão: Elaine Cristina Meireles Gabane Priscila Ferreira Simão Clemir de Almeida 3
  4. 4. Apresentação Sustos, fantasmas, seres misteriosos, casas abandonadas,arrastar de correntes, portas que rangem. Estes são oscomponentes de muitos contos de assombração. Nestas históriasvocê encontrará este cenário perfeito e temos certeza que irãosentir uma pontinha de medo nestas histórias de arrepiar... Alunos do 2º Ano Ciclo II F 4
  5. 5. Dedicatória Dedicamos esse trabalho às professoras dos 2ª anos dociclo II e aos alunos, em especial, à professora Elaine, por nosapresentar várias histórias e com elas proporcionar novosconhecimentos para a leitura e escrita. 5
  6. 6. 6
  7. 7. SumárioO menino da casa assombrada ......................... 8O Assustado ...................................................... 9A boneca assassina e o defunto ..................... 10A boneca assassina ......................................... 11O fantasma do cemitério ................................ 12O esqueleto de mentira .................................. 13Um casarão abandonado ................................ 14Moringa .......................................................... 15O fantasma ..................................................... 16Maria Sangrenta ............................................. 18Assombrações ................................................. 20A menina assassina e a noiva do Gabriel ........ 21Uma casa assombrada .................................... 23A faxineira ruiva .............................................. 29O Boneco assassino ........................................ 30Lista de alunos ................................................ 31Considerações Finais ...................................... 32 7
  8. 8. O menino da casa assombrada Um dia um menino estava com raiva e sua mãe fugiu decasa. No dia seguinte a mãe ficou preocupada com seu filho echamou a polícia: - Polícia!Polícia, meu filho saiu de casa e não voltou. Ajude-me!!! - Você sabe para onde ele foi? - Não sei onde ele está, quando saí, o deixei dormindo emcasa, e quando voltei, ele não estava mais. O policial falou: - Vou procurar, fique ai! Quando o telefone tocou a mãe atendeu e chorou, pois ocorpo do seu filho estava no IML, a mãe ficou assustada quandoviu aquilo! Chorava bastante em cima do caixão. Desde então seuespírito sempre aparece no cemitério. Addylla e Henrique 8
  9. 9. O Assustado Existia um homem que assustava todo mundo. Um dia o pai de uma menina falou: - Filha, vá para a casa! E a menina foi, e seu pai saiu com a sua mãe e quando amenina voltou viu os dois mortos. A menina saiu correndo assustada. As pessoas perguntaram o que tinha acontecido, poisouviram gritos por toda a rua. Muito assustada a menina falou que seu pai e sua mãeestavam mortos na cama. Ela chorava descontroladamente. O mistério ficou por muitos dias assombrando todo mundo,até que as pessoas ficaram muito assustadas e fizeram umaarmadilha para o assassino que um dia caiu num buraco emorreu asfixiado. Ana Paula 9
  10. 10. A boneca assassina e o defunto Numa bela cidade, vivia uma linda menina e sua mãe. Um dia a mãe da menina a mandou ir ao açougue. No meiodo caminho ela encontrou o “homem do saco” e ele falou: - Você quer uma boneca, menina linda? A menina respondeu: - Eu aceito esta boneca! - Então vamos ali atrás do muro que eu te dou a boneca. - Mas minha mãe me mandou ir ali ao açougue. - Tudo bem, eu te espero aqui. Falou o homem. Quando a menina voltou, ele estava esperando com umafaca e a menina começou a pedir socorro, e nunca maisapareceu. Larissa e Camila 10
  11. 11. A boneca assassina Um dia uma menina estava brincando e um homemcolocou uma macumba na boneca nela. A noite, a boneca foi no quarto da menina e a matou.Sentou no sofá e ficou assistindo TV como se nada tivesseacontecido. A mãe da menina chegou e ficou desesperada ao ver aquelacena, então resolveu queimar a boneca. As pessoas da cidade nunca compreenderam o que tinhaacontecido realmente. Charles 11
  12. 12. O fantasma do cemitério Um dia, eu estava passeando perto de um cemitério quetinha um fantasma. Fiquei com tanto medo que saí correndo e fui contar paraum amigo e ele foi até lá para ver o fantasma. Meu amigo disse que não tinha medo e começou a gritarbem alto: - Ei, fantasma, eu não tenho medo de você!!!! Quando de repente, viu uma sombra atrás de um túmulo, esaiu correndo, desesperado. Jurou que nunca mais entraria em um cemitério!!!! Gabriel 12
  13. 13. O esqueleto de mentira Numa noite de muita chuva, do lado da casa de um meninotinha uma casa abandonada, todos pensavam que a casa eraassombrada. Em outra noite o menino viu uma sombra, resolveu ir até acasa abandonada e descobrir o que estava acontecendo. Pulou a janela da casa e viu que tinha um esqueleto deplástico, pegou um porrete que estava no chão e bateu noesqueleto, quando descobriu que um homem tinha deixado oesqueleto na casa para assustar a vizinhança. O homem foi preso, o menino e a vizinhança viveram semmedos e mistérios. Jafé e Carlos 13
  14. 14. Um casarão abandonado Certo dia de chuva um casal estava muito feliz porque sabiaque a mulher estava grávida. Eles decidiram mudar de casa porque era muito pequena,então arrumaram as malas e foram em frente. Mas tinha um problema Gilliany, a filha do casal, não queriair, achava muito estranho, mas seus pais insistiram e ela acabouindo. Encontraram um casarão abandonado, entraram, deitaramnuma cama de casal e adormeceram. Quando o marido acordouviu que estava sem sua filha, olhou embaixo da cama eencontrou Gilliany cheia de sangue, morta. Descobriu que sua esposa tinha matado a menina de 1 ano,pois tinha muito ciúmes da criança. Acabaram tendo uma briga e ela matou suas filhas e seumarido, ela também morreu... Quem gosta de matar tem que morrer! Ela deve estar tramando, quer levar você e sua família! Cuidado... Você poderá ser a próxima vítima!!! Jeane Cintia 14
  15. 15. Moringa Tinha uma casa abandonada e um menino estava láassistindo um filme de terror na televisão, quando de repente...Uma mão preta veio por traz dele, e ele gritoudesesperadamente: - Socorro!!! Uma mão está me pegando! Saiu correndo e foi chamar seus colegas para verem o queestava acontecendo. Quando entraram na casa viram um homem dando muitasgargalhadas por causa da peça que tinha pregado no menino. José Dilson 15
  16. 16. O fantasma Certo dia um menino foi à uma casa mal assombrada, edisse que fantasma não existia, até ele ouvir um barulho e muitoassustado disse: - Quem esta aí? Um fantasma? Sei que não existe! De repente o fantasma apareceu e o menino correu, mas aiveio uma ventania tão forte que o menino caiu, e se machucou.Ele foi para casa e no caminho viu um vulto. O menino resolveuseguir aquele vulto estranho e viu um monte de pessoas mortasque se levantaram e gritaram: -Uuuuuuuuuuuuu! Ele correu para casa, pálido de tanto medo e sua mãe disse: - O que aconteceu? - Eu vi um fantasma! Disse o menino apavorado. - Filho, fantasma não existe, eu vou fazer um chá para vocêse acalmar tá? 16
  17. 17. Ele foi tomar o chá e adormeceu. No dia seguinte ofantasma apareceu e disse: - Agora é hora de sua mãe morrer, e ele falou: -Nãoooo!!! E assim acaba a história e o que aconteceu fica por conta dasua imaginação! Karina e Gilliany 17
  18. 18. Maria SangrentaEm uma casa tinha um espírito de uma mulher que se chamavaMARIA SANGRENTA, ela não gostava de crianças e na casamoravam várias crianças e ela se assustava todas as noites. Para chamar ela tinha que apagar as luzes, acender umavela e chamar no espelho três vezes e ela aparecia e falava: - Vou te pegar quando você estiver dormindo! E quando as crianças desceram na cozinha para pegarpipoca a mãe estava morta. E elas foram chamar o pai delasno quintal e eles também estavam mortos e as criançasdisseram: - E agora, quem chamaremos para nos ajudar? E Maria Sangrenta falou: - Eu quero ver o que vocês farão, as portas estão trancadase as janelas também. Agora vou arrancar as suas cabeças e voucomer seu fígado e vou comer seu coração. E as crianças gritaram: 18
  19. 19. - Ahhhhhhhhhhhh!!! Maria fez o que prometeu: matou as crianças e sentindo-sevitoriosa disse: - Quem será a próxima vítima? Assim, Maria Sangrenta saiupelo mato a procura de uma nova casa para assombrar. Mariana e Williana 19
  20. 20. Assombrações Era uma vez um menino que se chamava Léo. Ele gostava de assombrações e ficava perto de casaassombrando todos que passavam. Um dia, ele entrou numa casa assombrada e dizia quenão tinha medo, ficou lá dentro, dizendo que as pessoas nãofalavam a verdade, pois aquela casa não tinha nada deassombração, quando de repente apareceu um fantasmafazendo um barulho assustador. Léo mais que depressa saiu correndo, sem olhar para tráse dizendo que nunca mais iria assustar ninguém. Gabriel 20
  21. 21. A menina assassina e a noiva do Gabriel Um dia a menina Larissa e a noiva do Gabriel foram aocemitério para vê-lo no caixão, pois ela o havia matado. O tempo passou e Larissa estava com muita vontade dematar alguém então matou seu pai e a mãe desesperada gritou: - Pára, não faça isso! E ela com muita raiva matou a mãe também. Larissa foi para casa da noiva do Gabriel e contou tudo,disse que tinha matado seus próprios pais e orgulhosa a meninafalou: - Eles estavam muitos chatos! Eu não agüentava mais! - Sabe, eu nunca faria isto com meus pais mesmo eu sendouma assassina. _ falou a noiva do Gabriel. - Não me diga que você não faria a mesma coisa! -Não! Sabe, eu não gosto das pessoas que fazem isto comseus pais, eu tenho ódio dá até vontade de matar... 21
  22. 22. - Mas você não vai me matar, vai? - Eu acho que sim, isto que você fez é muito errado! - Por favor, não me mate já estou arrependida! Mas a noiva do Gabriel não teve dó e matou a menina afacadas. Depois disso, ela mata todas as pessoas que matam seuspais. Raquel 22
  23. 23. Uma casa assombrada Numa noite, um homem, sem ter onde morar com seustrês filhos, viu uma casa muito velha e como chegaram muitocansados, entraram para descansar, mas lá tinha um bicho muitogrande. O nome dele era Vertebral, comia pessoas e já tinhamatado muita gente. Ele matou a família que tinha acabado de chegar e depoisdisso ninguém mais ficou sabendo deles. Uriel e Rychard 23
  24. 24. A faxineira ruiva Uma faxineira estava limpando o chão da escola quandocaiu e bateu a cabeça. Dois meses depois ela acordou na autopsia, seperguntando: - Onde estou? E uma semana depois uma menina viu a misteriosafaxineira ruiva e saiu correndo. Quando olhou para trás, ficoutonta e caiu. Ninguém nunca mais a viu. Victor e William 24
  25. 25. O Boneco assassino Um homem tinha um boneco assassino e ele não sabia queseu boneco Chuck e a sua namorada Typhanie tinham suas carascortadas. À noite, o boneco subiu na cama de seu dono paraaterrorizá-lo, porém, ouvindo o barulho do telefone, Chuck seescondeu embaixo da cama. As portas começaram a se bater e as luzes a se apagaramsem que ninguém tocasse nelas. Chuck e Typhanie aproveitarampara assustar o homem. Amarraram suas mãos e seus pés, tamparam sua boca emataram ele. Yzac 25
  26. 26. Lista de alunosADDYLLA MAIZZA DOS SANTOS BESERRA ANA PAULA PEREIRA DOS SANTOS CAMILA SOARES PEREIRA CARLOS EDUARDO RIBEIRO DA SILVA CHARLES BRUNO ALVES SOARES GABRIEL GARVES DO CARMO GILLIANY MENDES DOS SANTOS HENRIQUE MARCELO DE SOUZA SILVA JAFE SILVANO DA SILVA JEANE CINTIA APARECIDO JOSÉ DILSON DOS SANTOS NETO KARINA GONÇALVES DOS SANTOS LARISSA DA SILVA MARIANA FERREIRA DA SILVA RAFAEL LOPES DE VERAS RAQUEL SANTOS DA SILVA RYCHARD PINHEIRO DOS SANTOS URIEL DA SILVA REIS VINÍCIUS ALVES DA SILVA MACIEL WILIANA SILVA DE OLIVEIRA WILLIAM VIEIRA YZAC SANTOS GONÇALVES VICTOR HUGO MATIAS DE SOUSA 26
  27. 27. Considerações Finais Através dos contos de assombração foi possível ampliarnossos conhecimentos sobre diferentes culturas, poistrabalhamos com diversos mitos da América Latina e comhistórias contadas por nossos pais. Vivenciamos momentos divertidos e assustadores, mas quecom certeza ficarão marcados em nossas vidas. Professora: Elaine 27
  28. 28. 28

×