Projeto de InteraçãoInstituto Faber-Ludens     Douglas Schmidt
Muhammad Yunus em 1976 estuda como reduzir a pobreza extremanas áreas rurais de Bangladesh.Do seu estudo surgiu o micro-cr...
Yunus percebeu uma demanda de trabalho autônomo não aproveitadopela economia por falta de recursos financeiros direcionados...
Empréstimos de valores baixos que possam ser pagos.Pagamentos semanais e bem pequenos.Formação de grupos de empréstimo que...
Alguns acreditam que o micro-crédito não funciona porque não temescala econômica,E se os júros cobrados pelos bancos for m...
Os bancos tradicionais são máquinas caras e pouco eficientes, sãoinstituições centralizadoras e engessadas.Precisa de muita...
O Crowdfunding é geralmente filantrópico e funciona a base dedoações. São diversas pessoas doando a uma causa.O P2P lending...
O Kiva é o maior (e o primeiro) serviço de P2P Lending micro-crédito no mundo.Eles usam instituições de micro-crédito trad...
O Kickstarter é o maior portal de Crowdfunding por doações nomundo.Se um projeto é aprovado, os doadores ganham uma recomp...
O Catarse foi o primeiro portal de Crowdfunding por doações noBrasil.Segue o mesmo modelo do Kickstarter.
Um exemplo de P2P Lending que não busca relações com causas dealívio a pobreza.Este é um outro “ramo” desses novos serviço...
No Brazil, o Fair Place é o primeiro serviço de P2P Lending e busca ofomento ao empreendedorismo e saldo de dívidas.Suas a...
Novamente temos um problema relevante:O acesso desses serviços de micro-crédito à quem realmente precisa.A tecnologia envo...
Descobrir que tipo de artefato ou serviço pode pode desempenharum papel importante na melhora da qualidade de vida dessas ...
Pesquisa de etnografia visual e sonda cultural.Estudo da atividade e comparação com atividades semelhantes(brincadeiras, ac...
Um Crowdfunding tangível a todos
Um Crowdfunding tangível a todos
Um Crowdfunding tangível a todos
Um Crowdfunding tangível a todos
Um Crowdfunding tangível a todos
Um Crowdfunding tangível a todos
Um Crowdfunding tangível a todos
Um Crowdfunding tangível a todos
Um Crowdfunding tangível a todos
Um Crowdfunding tangível a todos
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Um Crowdfunding tangível a todos

565 visualizações

Publicada em

Um Crowdfunding Tangível a Todos é um pré-projeto de interação para o Instituto Faber-Ludens de Design de Interação.
Orientação de Rodrigo Gonzatto.

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
565
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
8
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Um Crowdfunding tangível a todos

  1. 1. Projeto de InteraçãoInstituto Faber-Ludens Douglas Schmidt
  2. 2. Muhammad Yunus em 1976 estuda como reduzir a pobreza extremanas áreas rurais de Bangladesh.Do seu estudo surgiu o micro-crédito, uma ferramenta poderosa parareduzir a miséria.Em 1983 o diferente banco Grameen foi fundado.Em 2006 Yunus, representando o banco, recebeu um Nobel da paz.
  3. 3. Yunus percebeu uma demanda de trabalho autônomo não aproveitadopela economia por falta de recursos financeiros direcionados.Os bancos tradicionais não emprestavam para pobres com medo dainadimplência, eles não tem bons mecanismos de cobrança.Yunus testou sua ideia com dinheiro do próprio bolso emprestandopara alguns pequenos produtores rurais.Hoje o micro-crédito é amplamente utilizado pelo mundo, muitasvezes por bancos tradicionais.
  4. 4. Empréstimos de valores baixos que possam ser pagos.Pagamentos semanais e bem pequenos.Formação de grupos de empréstimo que gera pressão social para opagamento das dívidas.Empréstimos principalmente a mulheres.
  5. 5. Alguns acreditam que o micro-crédito não funciona porque não temescala econômica,E se os júros cobrados pelos bancos for muito baixo, não há margempara operar,Portanto as instituições de micro-crédito só funcionam, ouextorquindo os pobres, ou com ajuda (subsídio) do estado.Tudo um contra-senso terrível ao conceito original.
  6. 6. Os bancos tradicionais são máquinas caras e pouco eficientes, sãoinstituições centralizadoras e engessadas.Precisa de muitas pessoas trabalhando para atender o público maispobre, não atende direito o volume de procuras.Para termos júros baixos e escala financeira, um novo modeloinspirado nas novas tecnologias e na Internet.Esse novo modelo começa a tomar forma com o crowdfunding e oPeer-to-Peer lending (empréstimo entre pessoas).
  7. 7. O Crowdfunding é geralmente filantrópico e funciona a base dedoações. São diversas pessoas doando a uma causa.O P2P lending é mais próximo ao micro-crédito, são empréstimoscom interesse, mas o recurso vem de um grupo, e não do banco.Os dois modelos têm se espalhado pelo mundo com sucesso.A grande maioria têm como base a Internet.Mas uma questão importante ainda deve ser solucionada, a dificuldadedos usuários ao acesso à tecnologia.
  8. 8. O Kiva é o maior (e o primeiro) serviço de P2P Lending micro-crédito no mundo.Eles usam instituições de micro-crédito tradicionais como“propagadores” do serviço pelo mundo.
  9. 9. O Kickstarter é o maior portal de Crowdfunding por doações nomundo.Se um projeto é aprovado, os doadores ganham uma recompensa -estipulada por faixas de valores.
  10. 10. O Catarse foi o primeiro portal de Crowdfunding por doações noBrasil.Segue o mesmo modelo do Kickstarter.
  11. 11. Um exemplo de P2P Lending que não busca relações com causas dealívio a pobreza.Este é um outro “ramo” desses novos serviços de P2P Lending quebuscam fomentar o empreendedorismo ou o alívio de dívidas.
  12. 12. No Brazil, o Fair Place é o primeiro serviço de P2P Lending e busca ofomento ao empreendedorismo e saldo de dívidas.Suas atividades estão atualmente suspensas por lentidão na aprovaçãoda justiça do negócio de “empréstimos pessoais pela Internet”.
  13. 13. Novamente temos um problema relevante:O acesso desses serviços de micro-crédito à quem realmente precisa.A tecnologia envolvida nesses serviços é restritiva se queremosrealmente atingir a pobreza extrema.
  14. 14. Descobrir que tipo de artefato ou serviço pode pode desempenharum papel importante na melhora da qualidade de vida dessas pessoas.E realizar um estudo sobre a aplicabilidade do crowdfunding e P2Plending como ferramentas de micro-empréstimos em áreas de difícilacesso ao crédito.Criar um protótipo de um artefato simples que tangencie um meiodigital ou um novo tipo de serviço que atenda as necessidades dapesquisa.
  15. 15. Pesquisa de etnografia visual e sonda cultural.Estudo da atividade e comparação com atividades semelhantes(brincadeiras, acordos sociais, etc).Protótipo de artefato/serviço e testes com usuários.

×