QLIK: 5 perigos em visualização de dados (e como evitá-los)

514 visualizações

Publicada em

Usamos gráficos para nos ajudar a compreender dados de negócios há décadas. Mas mesmo quando os dados eram diferentes, os gráficos continuavam basicamente os mesmos.
Agora, tudo está mudando.

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
514
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
12
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
22
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

QLIK: 5 perigos em visualização de dados (e como evitá-los)

  1. 1. 5 perigos em visualização (e como evitá-los) de dados
  2. 2. Usamos gráficos para nos ajudar a compreender dados de negócios há décadas. Mas mesmo quando os dados eram diferentes, os gráficos continuavam basicamente os mesmos. Agora, tudo está mudando.
  3. 3. Os nossos gráficos tornaram-se interativos
  4. 4. Você pode trabalhar diretamente com os dados que você vê. Você pode interagir com os elementos visuais para se aprofundar. E você pode navegar por todas as suas informações como nunca antes.
  5. 5. ...e isso leva a insights. Você pode interagir na velocidade do seu pensamento...
  6. 6. De repente, os dados complexos se tornam mais claros.  Você pode ver casos isolados, padrões, tendências e correlações que não podem ser vistos em simples linhas e colunas.
  7. 7. E, então, as imagens passam a valer mais do que mil palavras.
  8. 8. Mas, para desfrutar os benefícios da visualização de dados, você deve evitar os perigos. Então, vamos falar sobre eles...
  9. 9. 1 Abuso de cores 2 Uso incorreto dos gráficos de pizza 3 Bagunça visual 4 Design ruim 5 Dados ruins 5 perigos em visualização de dados
  10. 10. Abuso de cores Perigo
  11. 11. As cores têm sua função, mas não as use em excesso nas visualizações de dados. A cor errada pode levar a confusão ou, pior, interpretação incorreta.
  12. 12. A análise sempre vem em primeiro lugar. Portanto, a despeito do que o seu departamento de branding possa dizer, as cores da marca nem sempre são a melhor escolha para visualizações. Considere os daltônicos, e use as formas e cores que a maioria das pessoas pode distinguir com maior facilidade. Não dependa exclusivamente das cores para transmitir significados. Sempre escolha as suas cores cuidadosamente Dica
  13. 13. Uso incorreto dos gráficos de pizza Perigo
  14. 14. Todos nós adoramos as nossas pizzas. Mas nada é mais desagradável que uma fatia fina. Se tentar espremer informações de mais em um gráfico de pizza, você perderá a imagem geral. Detalhes em excesso deixam a sua audiência insatisfeita e confusa. Evite usar gráficos de pizza lado a lado — é uma forma estranha de comparar dados.
  15. 15. Use gráficos de pizza para os dados certos Dica Os gráficos de pizza funcionam melhor para conjuntos de dados limitados, que permitem que você diferencie cada fatia isoladamente. Use gráficos de pizza para comparar as partes de um todo. Não os use para comparar diferentes conjuntos de dados. Organize as suas fatias da maior à menor, para facilitar a comparação.
  16. 16. Bagunça visual Perigo
  17. 17. Fazer descobertas em uma visualização bagunçada é o mesmo que achar uma agulha em um palheiro.
  18. 18. Informações de mais acabam com o propósito de clareza. E elementos desnecessários - ou lixo gráfico - tumultuam a visualização, obscurecem o significado e levam a conclusões imprecisas.
  19. 19. Limite o número de KPIs em um painel para 9 ou menos. Indicadores em excesso distraem as pessoas. Mantenha as visualizações simples. Quanto menos houver para interpretar, mas fácil será compreender. Se os seus elementos visuais estiverem bagunçados, experimente um formato diferente. O formato mais limpo, em geral, é o melhor. Mantenha as coisas simples Dica
  20. 20. Design ruim Perigo
  21. 21. Design não é apenas a aparência e a sensação. Design é o funcionamento. – Steve Jobs
  22. 22. Só porque uma visualização é bonita, isso não significa que ela é eficiente. Visualizações eficientes incorporam as melhores práticas de design para melhorar a comunicação de dados.
  23. 23. Não apenas crie elementos visuais e painéis; faça o seu design. Trabalhe com designers para garantir que a visualização seja tão eficiente quanto possível. Colabore com designers profissionais Dica
  24. 24. Dados ruins Perigo
  25. 25. Grandes visualizações começam com grandes dados. Se a sua visualização revelar resultados inesperados, você pode ter sido vítima de dados ruins. Não deixe que a sua visualização se torne o bode expiatório para dados ruins.
  26. 26. Use os seus gráficos para identificar os problemas com os seus dados. Resolva os problemas antes de apresentar os seus dados. Não deixe que a sua visualização seja culpada por causa de dados ruins. Compreenda a diferença entre uma descoberta inesperada e um problema com dados. Identifique e corrija previamente os problemas com dados Dica
  27. 27. Agora você conhece os segredos para criar visualizações eficientes. Então, o que você está esperando?
  28. 28. Vá. Faça o design. Descubra.
  29. 29. Infosthetics.com: Explore a relação entre design criativo e visualização de informações. Flowingdata.com: Descubra como designers, estatísticos e cientistas da computação usam os dados para compreender melhor o mundo. Visual.ly: Crie, compartilhe e explore grandes conteúdos visuais online. Perceptualedge.com: Obtenha insights visuais de BI recentes a partir do blog do especialista Stephen Few. Visualização de dados: Use a demo do QlikView e vídeos para escolher o melhor gráfico para qualquer tipo de dados. Quer mais ideias criativas e exemplos de visualizações de primeira classe? Comece aqui:
  30. 30. © 2014 QlikTech International AB. Todos os direitos reservados. Os logos da Qlik® , QlikView® , QlikTech® e QlikTech são marcas registradas da QlikTech International AB, registrados em diversos países. Outras marcas e logos mencionados aqui são marcas registradas de seus respectivos proprietários. qlik.com

×