Palestra Alshop - Patricia Andrade

1.075 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.075
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
11
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
17
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • Twitter com nike/livestrongComo inspirar as pessoas com motivação e esperança
  • Palestra Alshop - Patricia Andrade

    1. 1. tendências, estratégias e nova metodologia no varejo : o neoconsumidor 3.0
    2. 2. sobre o que vamos conversar hoje: desafios da propaganda neoconsumidor: um consumidor cada vez mais multicanal redes sociais: um novo ambiente para se relacionar e ser relevante conteúdo: um novo modelo de comunicação, base para ativar as redes sociais. nativos digitais: uma nova geração multicanal, que demanda um novo jeito de comunicar
    3. 3. novos desafios da indústria da propaganda
    4. 4. os canais estão integrados on e off line são uma só coisa afinal, o consumidor é um só
    5. 5. e esse consumidor é como a fofoqueira da janela • ser a primeira a saber da fofoca • contar que sabe • ser influente com esse conhecimento para ele, conteúdo relevante (informação e entretenimento) ela busca... moeda social =
    6. 6. o consumidor quer saber primeiro entreter, informar, agregar serviços passa a ser um caminho para as marcas se relacionarem com ele
    7. 7. o consumidor quer contar que sabe o diálogo é uma nova exigência do consumidor é preciso conhecê-lo, saber o que é relevante pra ele, dizer, ouvir e responder
    8. 8. o consumidor quer influenciar sua rede de relacionamento é preciso monitorar para saber como participar das discussões sobre sua marca e não temos mais controle sobre o que se diz sobre uma marca
    9. 9. em síntese consumidor que quer saber antes marca quer ser influente em suas relações quer contar que sabe que oferece conteúdo através de informação, serviços e entretenimento que sabe dialogar em vez de tentar controlar o que se fala sobre ela que sabe construir relacionamento: seja em seu ambiente (crm), seja no ambiente do consumidor (redes sociais) o novo consumidor demanda uma nova abordagem de marca
    10. 10. I.nativos digitais: uma nova geração multicanal, que demanda um novo jeito de comunicar.
    11. 11. atualmente.... digital não é mídia
    12. 12. atualmente.... digital é atitude
    13. 13. atitude para ser adotada em todas as mídias
    14. 14. atitude é ex.:
    15. 15. tour de france + ciclista lance armstrong + cancer SMS mensagens de força e esperança campanha online • banners interativos twitter • 4 mil seguidores site wearyellow.com (venda de camisetas Nike) midia expontânea tour tem ampla divulgação na europa 36000 msgs (moderação) 13 etapas 25 dias evento videos redes sociais
    16. 16. cannes 2010 cyber grandprix chalkbot - nike livestrong foundation ( ganhou tbm GP integrated e prata em midia )
    17. 17. atitude que fez com que a comunicação evoluísse
    18. 18. um para muitos
    19. 19. ou um para um
    20. 20. muitos para muitos
    21. 21. em 2008 – terremoto na china tempo total: poucos minutos tempo total antes da web: 3 meses
    22. 22. o digital nos leva... ...a uma nova postura ...a uma nova sociedade ...a uma nova cultura ...a uma nova comunicação
    23. 23. é um novo jeito do ser humano se relacionar
    24. 24. Fonte: 2008 Brand Mercenaries / DM9DDB Gen Y Informal, sem regras. Gen X Título, carreira e reconhecimento. Mais foco, profundidade O que importa é o grupo, trabalho em time. Multitarefas, tudo agora. Seguem regras, mas não gostam. Negociam equilíbrio pessoal x profissional. Se não estão felizes saem imediatamente. Pensamento em nuvem . Pensamento sequencial. 15-29 anos população 48MM 30-44 anos população 36MM As marcas participam da sua rede. Experiências reais são alternativa ao mundo virtual (cocooning digital). Acredita na sua rede, não nos experts. “Digital native” – fato da vida. Exigência sócio-ambiental. 0-14 anos população 50MM Gen Z
    25. 25. Fonte: 2008 Brand Mercenaries / DM9DDB Gen Y Informal, sem regras. Gen X Título, carreira e reconhecimento. Mais foco, profundidade O que importa é o grupo, trabalho em time. Multitarefas, tudo agora. Seguem regras, mas não gostam. Negociam equilíbrio pessoal x profissional. Se não estão felizes saem imediatamente. Pensamento em nuvem . Pensamento sequencial. 15-29 anos população 48MM 30-44 anos população 36MM As marcas participam da sua rede. Experiências reais são alternativa ao mundo virtual (cocooning digital). Acredita na sua rede, não nos experts. “Digital native” – fato da vida. Exigência sócio-ambiental. 0-14 anos população 50MM Gen Z
    26. 26. Fonte: 2008 Brand Mercenaries / DM9DDB Gen Y Informal, sem regras. Gen X Título, carreira e reconhecimento. Mais foco, profundidade O que importa é o grupo, trabalho em time. Multitarefas, tudo agora. Seguem regras, mas não gostam. Negociam equilíbrio pessoal x profissional. Se não estão felizes saem imediatamente. Pensamento em nuvem . Pensamento sequencial. 15-29 anos população 48MM 30-44 anos população 36MM As marcas participam da sua rede. Experiências reais são alternativa ao mundo virtual Acredita na sua rede, não nos experts. “Digital native” – fato da vida. Exigência sócio-ambiental. 0-14 anos população 50MM Gen Z
    27. 27. focus group com gen z
    28. 28. nova linguagem novo modelo de operar é conversa, não promoção marca é uma, entre muitos é diálogo, não publicidade é pessoal, não massivo longtail, personalização massiva sem limites entre web e mundo real é contínuo, não pontual velocidade de resposta a mais mudanças transparência e interatividade empowerment, co-criação ser precursor em estabelecer E como interagir com as gerações Y e Z
    29. 29. é um novo ser humano é uma nova relação
    30. 30. quando nasceram, o pc já tinha 10 anos ( hoje tem 25) o super mario estava sendo lançado quando bebê palm – 11 anos ipod – 17 anos icq era lançado w.w.w
    31. 31. tweet speed pensamento paralelo atenção parcial contínua - shuffle apelo virtual - interface conectividade PLAYrecompensa fantasia
    32. 32. e com essa nova geração existe uma nova postura
    33. 33. e como se comunicar com essa nova geração?
    34. 34. o pensamento digital não pode estar apenas nas mídias digitais
    35. 35. • o poder da televisão sempre reverbera na internet. • os twitters mais seguidos são de artistas e programas. • o bbb10 apostou suas fichas nas redes sociais não dá pra separar tv e internet
    36. 36. mas o digital tb não pode ser apenas mais um meio do mix
    37. 37. atualizeo360º
    38. 38. pense convergente
    39. 39. convergência é atitude de marca off experiência de marca produto digital (on) consumidor relacio- nametno atitude de marca partindo de uma atitude de marca livre de formatos. (que não precisa de uma caixinha) e através dela, envolver as pessoas numa experiência que mobilize
    40. 40. pq na atitude de compra, o consumidor já mudou.
    41. 41. diferentes perfis, com diferentes hábitos de compra todos eles cada vez mais multicanais.
    42. 42. vw suécia : convergente the fun theory
    43. 43. Cannes 2010 - cyber grandprix the fun theory bluemotion technology
    44. 44. the fun theory 3 experiências • escada ( 66% ) • lixo ( 72 kl - 1 dia) • reciclados ( 100 -1 noite ) videos • youtube • facebook - fanpage blog da campanha site carro ( test drive ) midia expontânea • NYT, Discovery, NBC, etc.. site premio : invenções • 700 ideias inscritas • 35 paises discussão global sobre a teoria
    45. 45. redes sociais:um novo ambiente para se relacionar e ser relevante.
    46. 46. neste momento, uma legião de pessoas está falando da sua marca. para o bem para o mal x
    47. 47. + informados + rápidos + onipresentes evaicontinuarfalando + exigentes + participativos + influentes eles têm mais ferramentas que lhe dão controle
    48. 48. esse universo é gigantesco, e vai continuar crescendo isso é o fenômeno: redes sociais
    49. 49. Offline Social network 10 Online Social network contatos ativos por pessoa
    50. 50. 595 mil Artigos de wikipedia em português Orkut é o 4ª. maior audiência do mercado brasileiro de internet com 28,8MM usuários únicos/mês Youtube é a 6ª. maior audiência domiciliar do país, com 25MM de visitantes únicos/mês. 45% dos usuários publicaram sua opinião pessoal sobre um produto ou serviço na internet. 40% atualizam constantemente suas páginas pessoais nas redes sociais 53% dos usuários brasileiros participam de redes sociais como Orkut e Facebook 7% das pessoas têm seu próprio blog 34,5% do tempo gasto na internet é utilizado em redes sociais, blogs e fóruns. Aumento de 3.909% no n° de brasileiros no “Tweetter” em 1 ano. Durante o mesmo período, Facebook cresceu 752% No Brasil Fonte: Nielsen NetRatings / Wikipedia / TGI Ibope cenário digital: redes sociais
    51. 51. 21 milhões de usuários/mês 8,3 milhões de usuários/mês 27 milhões de usuários/mês 4,2 milhões de usuários/mês Online Social Networks Brasil *IbopeNetRatings Julho/09
    52. 52. 21 milhões de usuários/mês 8,3 milhões de usuários/mês 27 milhões de usuários/mês 4,2 milhões de usuários/mês 18 milhões de usuários/mês *IbopeNetRatings Julho/09 *IbopeNetRatings Abril/09 +50% em 3 meses
    53. 53. 21 milhões de usuários/mês 8,3 milhões de usuários/mês 27 milhões de usuários/mês 4,2 milhões de usuários/mês 12 milhões de usuários/mês 18 milhões de usuários/mês *IbopeNetRatings Julho/09 *IbopeNetRatings Abril/09 +50% +75% em 3 meses
    54. 54. 21 milhões de usuários/mês 8,3 milhões de usuários/mês 27 milhões de usuários/mês 4,2 milhões de usuários/mês 12 milhões de usuários/mês 1 milhão de usuários/mês 18 milhões de usuários/mês *IbopeNetRatings Julho/09 *IbopeNetRatings Abril/09 +50% +75% +730% em 3 meses
    55. 55. 21 milhões de usuários/mês 8,3 milhões de usuários/mês 27 milhões de usuários/mês 4,2 milhões de usuários/mês 12 milhões de usuários/mês 1 milhão de usuários/mês 18 milhões de usuários/mês 760 mil usuários/mês *IbopeNetRatings Julho/09 *IbopeNetRatings Abril/09 em 3 meses +50% +75% +730% +453%
    56. 56. há dois anos já se vende mais computadores do que TV
    57. 57. QUEMACESSA AINTERNETPASSA 3VEZESMAIS TEMPOONLINE DOQUEVENDOTV
    58. 58. os celulares potencializam a penetração 187milhões de linhas ativas no brasil 140milhões de pessoas têm celular 9celulares a cada10brasileiros
    59. 59. MOBILEINTERNET 7,3% de todos os celulares tem acesso a internet = 11 MM de pessoas... 127 maracanãs a população da cidade de São Paulo
    60. 60. e como se comunicar nas redes sociais?
    61. 61. fazer comunicação em redes sociais significa entrar nas conversas que estão acontecendo ou iniciar uma nova. mas para sermos bem aceitos, nossa idéia terá que respeitar as “leis” de cada comunidade, com um comportamento transparente e pertinente. pertinente significa não estar sempre em todo lugar, e sim naqueles que fazem sentido para sua idéia e produto. comunicação nas redes sociais
    62. 62. case : ferrorama
    63. 63. o que é relevante para uma marca oferecer no: twitter orkut facebook mobile youtube etc comunicação nas redes sociais
    64. 64. serviços? • cerca de 200 milhões de aplicativos para iphone são baixados mensalmente. • centenas de marcas já possuem serviços e campanhas baseadas em aplicativos.
    65. 65. diversão?
    66. 66. Diversão + serviços? COLHEITA FELIZ 1,5 milhão de usuários brasileiros 40 milhões de usuários brasileiros 3,9 milhões de usuários brasileiros em 3 meses. BUDDY POKE FORMSPRING
    67. 67. COLHEITA FELIZ TEM 20MM DE INSTALAÇÕES MINIBIS TEVE 25MM DE ARVORES PLANTADAS EM 1 SEMANA
    68. 68. Diversão? Serviços? sim pq essas pessoas que estão nas redes sociais têm algo em comum:
    69. 69. eles são como a fofoqueira da janela • ser a primeira a saber da fofoca • contar que sabe • ser influente com esse conhecimento eles buscam ela busca... moeda social ou seja, conteúdos exclusivos
    70. 70. diversão serviços e por serem como fofoqueiras na janela eles precisam de um elemento a mais…
    71. 71. diversão serviços e por serem como fofoqueiras na janela eles precisam de um elemento a mais… + relacionamento
    72. 72. relacionamento numa campanha participativa, integrada às redes sociais, o trabalho começa de verdade quando vai pra rua.
    73. 73. 30% a criação da campanha deve ser apenas da energia 70% mobilizar deve ser da energia monitoramento em redes sociais ativação de influenciadores digitais e rp ativação em redes sociais campanha (off x on)
    74. 74. mais do que fazer produtos não óbvios, a brastemp convidou as pessoas a desobvializar as coisas. e as pessoas participaram.
    75. 75. mais do que fazer produtos não óbvios, a brastemp convidou as pessoas a desobvializar as coisas. e as pessoas participaram. mas algo deu errado: o jantar não óbvio não aconteceu. e agora? mas algo deu errado: o jantar não óbvio não aconteceu. e agora?
    76. 76. mais do que fazer produtos não óbvios, a brastemp convidou as pessoas a desobvializar as coisas. e as pessoas participaram. mas algo deu errado: o jantar não óbvio não aconteceu. e agora? um time de profissionais acompanhava a tudo: :: monitorou repercussão :: criou uma série de novas ações :: contornou junto a jornalistas :: e por fim.... fizemos a ação no rj e a campanha vem crescendo desde então.
    77. 77. isso chama relacionamento ativo e é assim que acreditamos que deva ser a análise de resultados. em real time, pra melhorá-los em real time
    78. 78. só que tudo isso só acontece se for impulsionado por algo relevante….
    79. 79. conteúdo: um novo modelo de comunicação, base para ativar as redes sociais.
    80. 80. antes, dizia-se que mídia é mensagem. moderno virou dizer que mensagem é mídia. pra gente, conteúdo é mídia e mensagem
    81. 81. para relacionar-se é preciso ser relevante e oferecer conteúdo é a melhor maneira de ser relevante. serviço informação entretenimento
    82. 82. empacotando
    83. 83. desafios da propaganda neoconsumidor: um consumidor cada vez mais multicanal redes sociais: um novo ambiente para se relacionar e ser relevante conteúdo: um novo modelo de comunicação, base para ativar as redes sociais. nativos digitais: uma nova geração multicanal, que demanda um novo jeito de comunicar
    84. 84. novosparadigmas stop saying start doing mensagem controle persuação atitude participação/ relacionamento conteúdo
    85. 85. o consumidor é convergente multicanal quer conteúdo e quer relacionar- se está falando de sua marca
    86. 86. off experiência de marca produto digital (on) consumidor relacio- nametno atitude de marca partindo de uma atitude de marca livre de formatos. (que não precisa de uma caixinha) e através dela, envolver as pessoas numa experiência que mobilize comunicaçãoconvergente
    87. 87. criação 70% do esforço monitoramento em redes sociais ativação de influenciadores digitais e rp ativação em redes sociais campanha (off x on) relacionamentoativo mobilizar 30% de esforço
    88. 88. conteúdo serviço informação entretenimento é precisoserrelevante
    89. 89. e pra compartilhar um pensamento final...
    90. 90. betaisgood. always. não por acaso, esse também é um lema do mundo digital experimentar sempre tentar, testar, aproveitar oportunidades, continuar desenvolvendo apostar no que está dando certo, desistir do que não está dando certo
    91. 91. 5 min
    92. 92. esta é a Gabi, estamos preparados para ela?
    93. 93. Obrigada patricia.andrade@dm9ddb.com.br

    ×