Modal Rodoviário

6.666 visualizações

Publicada em

Técnico em Logística SENAC Rio-Trabalho em grupo, sob minha responsabilidade para obtenção de nota no 1º módulo do curso. Fundamentos do Modal rodoviário, alguns tipos de veículos, tipos de cargas...

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
6.666
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
12
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
208
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Modal Rodoviário

  1. 1. Fundamentos de Logística- Professor Lincoln Grupo : André, Cristiano, Douglas, Gilberto, Lenes, Uberlan
  2. 2. Conceito: Transporte Rodoviário é aquele que é realizado em estradas de rodagem, com utilização de veículos tais como carreta e caminhões por exemplo. O transporte rodoviário pode ser em território nacional ou internacional, inclusive utilizando estradas de vários países na mesma viajem. Características É o mais adequado para transporte de mercadorias, quer seja internacionalmente na exportação ou na importação, bem como para deslocamentos de curtas e médias distâncias. O modal rodoviário é bastante recomendado para o transporte de mercadorias de alto valor agregado ou perecível. Este modal perde quando se trata de produtos agrícolas a granel, por seu baixo valor.
  3. 3. Washington Luis Juscelino Kubtschek 1928 a Rodovia Rio-Petrópolis – a primeira rodovia asfaltada do Brasil Fundo Especial para Construção e Conservação de Estradas de Rodagens Federais. “Governar é povoar; mas, não se povoa sem se abrir estradas, e de todas as espécies; governar é, pois, fazer estradas"! • Integrar o Brasil • Povoar • Caráter Político-econômico
  4. 4.  CARGA SECA  PERECÍVEIS  LIQUIDOS  MISTA Produtos não perecíveis e que podem ser transportados independente das intempéries (sol, chuva, calor, frio, dia, noite, etc). Flores, verduras, legumes. Combustiveis, água, leite Geralmente sólidos e liquidos
  5. 5.  VUC 2,2m larg. Compr.máx. 6,3m  Toco ou caminhão pesado 6 t   Truck Caminhão que possui eixo duplo 10 a12 t, peso bruto de até 23t compr. 14m. Carretas Categoria em que uma parte possui força motriz (cavalo mecânico) acoplado a diferentes tipo de módulos de carga (semirreboque.)
  6. 6. • • • • • • • • Aberta: para cargas em geral, que não exijam maior proteção; Fechada: para cargas em geral, que precisam ser protegidas das ações do ambiente; Basculante: para cargas a granel que possam ser despejadas; Frigorífica: para cargas que requerem temperatura controlada; Tanque: para transporte de líquidos a granel; Cegonheira: para transporte de veículos Porta-contêineres: para transporte contêineres em geral Zorra ou Carreta prancha Através da combinação cavalo mecânico e semirreboques obtém-se algumas nomenclaturas diferenciadas como bitrem, treminhão ou rodotrem.
  7. 7. 5ª Roda Dolly
  8. 8. Flexibilidade e Agilidade no acesso às cargas Interação com as regiões mais remotas. Simplicidade de seu funcionamento Rapidez de disponibilidade A unidade de carga chega até a mercadoria Entrega na porta do comprador.
  9. 9. Custo de fretamento mais expressivo Capacidade de Tração bastante reduzida Elevado grau de poluição Malha em constante manutenção e construção
  10. 10. O Brasil possui dimensões continentais, sendo o 5º em extensão territorial. Com cerca de um milhão e meio de quilômetros de rodovias não pavimentadas, contra cerca de 200 mil quilômetros de rodovias pavimentadas.
  11. 11. Percentagem de Utilização 40% Rodoviário Outros Modais 60%

×