Diretrizes OpenAire para repositorios

523 visualizações

Publicada em

Comunicação apresentada à CONFOA 2013 (Universidade de São Paulo, São Paulo, Brasil, de 06 a 08 de outubro de 2013) em Comunicações I - Políticas de Informação - Pedro Princípe, Eloy Rodrigues, José Carvalho e Ricardo Saraiva

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
523
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
20
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Diretrizes OpenAire para repositorios

  1. 1. Pedro Príncipe, Eloy Rodrigues, José Carvalho, Ricardo Saraiva Serviços de Documentação Universidade do Minho Diretrizes OpenAire REPOSITÓRIOS DE DADOS, REPOSITÓRIOS DE LITERATURA E SISTEMAS CRIS
  2. 2. Tópicos 1. Visão breve e geral do OpenAIRE: • O que é, quem beneficia e qual a importância do OpenAIRE • Políticas Open Access da Comissão Europeia • Concretização e expansão OpenAIRE (2009-2012) + OpenAIREplus (2011-2014) 2. Infraestrutura de informação baseada numa rede participativa • Rede de repositórios em expansão • Interoperabilidade de repositórios a partir de diretrizes 3. Diretrizes OpenAIRE para: • gestores de repositórios de literatura científica • gestores de repositórios de dados • gestores de sistemas CRIS – Current Research Information System ConfOA @ São Paulo, 7 Out. 2013 2
  3. 3. OpenAIRE 1 VISÃO GERAL OpenAIREplus ConfOA @ São Paulo, 7 Out. 2013 3
  4. 4. O que é OpenAIRE? • Uma infraestrutura participativa de Open Access na Europa para gerir publicações científicas e informação associada por via de uma rede de repositórios. • Agrega publicações Open Access e interliga-as com a informação de financiamento e os conjuntos de dados científicos. • Disponibiliza serviços de helpdesk e diretrizes técnicas de apoio para todos os parceiros envolvidos. ConfOA @ São Paulo, 7 Out. 2013 4
  5. 5. ConfOA @ São Paulo, 7 Out. 2013
  6. 6. ConfOA @ São Paulo, 7 Out. 2013
  7. 7. Quem beneficia? • • • • • • • Investigadores que acedem, depositam, partilham e ligam resultados de investigação. Iniciativas Nacionais OA para estabelecer, implementar ou alinhar políticas de dados científicos. Gestores de repositórios para aumentar a visibilidade do conteúdo do repositório. Decisores políticos e financiadores para monitorizar os resultados da investigação financiada. Gestores de ciência para apoiar na realização de relatórios, estatísticas e disseminação. Editores para aumentar a sua visibilidade e dos resultados da investigação publicados. Potenciais fornecedores de dados que queiram explorar a interligação da sua investigação. ConfOA @ São Paulo, 7 Out. 2013 7
  8. 8. OpenAIRE »» OpenAIREplus RESEARCHERS OPEN ACCESS REPOSITORIES FUNDERS PROJECT INFORMATION ConfOA @ São Paulo, 7 Out. 2013
  9. 9. OpenAIREplus • Ligação entre as publicações, os dados científicos e a informação dos financiadores. • Consolidar a rede de repositórios institucionais. • Integrar os repositórios de dados. • Importar programas de financiamento de diferentes fontes. • Apoiar o acesso aberto no espaço europeu de investigação • Propagar as políticas, o estudo de dados e de problemas de direitos de propriedade intelectual, • Abranger toda a Europa: Os investigadores, gestores de investigação, responsáveis institucionais e políticos. 24x7 serviços sustentáveis a longo prazo ConfOA @ São Paulo, 7 Out. 2013
  10. 10. POLÍTICAS OPEN ACCESS NA UE REQUER AOS INVESTIGADORES O DEPÓSITO DAS PUBLICAÇÕES NUM REPOSITÓRIO INSTITUCIONAL OU DISCIPLINAR. ConfOA @ São Paulo, 7 Out. 2013
  11. 11. ACESSO À INFORMAÇÃO CIENTÍFICA NA UE “[….] As políticas em prol do acesso aberto aos resultados da investigação científica devem ser aplicadas a toda a investigação que receba fundos públicos. […] Estas políticas respondem igualmente ao desejo da própria comunidade científica de que haja maior acesso à informação científica.” ConfOA @ São Paulo, 7 Out. 2013
  12. 12. 2 INFRAESTRUTURA REDE DE REPOSITÓRIOS em expansão e apoiando a interoperabilidade ConfOA @ São Paulo, 7 Out. 2013 13
  13. 13. Rede de pontos de contacto “Infraestrutura Humana” ConfOA @ São Paulo, 7 Out. 2013 14
  14. 14. Deposit Publications & data Visualize - Manage Enhanced Publications Curate & collaborate Search & Browse Get support (NOADs) +++ Link CERN Invenio Research impact Citations, usage statistics Linked Content +++ Statistics Classify APIs Text Mine De-duplicate Cite OpenAIRE HUB Metadata on publications Usage data 6,500,000 OA publications 350 validated repositories Guidelines for Funding Info CRIS Systems Guidelines for Publications Metadata on data Guidelines for Data archives ResearchID (ORCID, ..) EC funding Publication repositories Institutional & Thematic Open Access Journals National funding OpenDOAR … Data repositories Data Journals
  15. 15. Concretizando… Rede de repositórios Investigadores depositam em acesso aberto e/ou têm mandato CE Diretrizes OpenAIRE ConfOA @ São Paulo, 7 Out. 2013 Repositórios e revistas OpenAIRE compatíveis OpenAIRE agrega a info e oferece serviços
  16. 16. OpenAIRE Apoiando a Interoperabiliade de repositórios • Os repositórios Open Access são uma componente vital na estrutura global de e-research & e-science. • O potencial dos repositórios quando interligados é elevado. • O valor dos recursos agregados em coleções globais é gerador de muitas oportunidades na reutilização de dados. As diretrizes OpenAIRE são baseadas em normas e padrões devidamente documentados que asseguram a interoperabilidade de forma simples e ágil. ConfOA @ São Paulo, 7 Out. 2013
  17. 17. Interoperabilidade através de diretrizes Com a implementação das diretrizes OpenAIRE: • Ligar publicações a projetos com financiamento. • Agregar publicações em acesso aberto. • Interligar publicações aos dados científicos. • Integrar com outros sistemas de informação. • Disponibilizar serviços de valor acrescentado. 18
  18. 18. Diretrizes OpenAIRE 3 PARA GESTORES DE repositórios de literatura repositórios de dados sistemas CRIS ConfOA @ São Paulo, 7 Out. 2013 19
  19. 19. O que são as diretrizes OpenAIRE • OpenAIRE colaborou com parceiros chave para produzir o conjunto das diretrizes para diferentes fornecedores de dados, tudo baseado em normas de padrões já estabelecidos. • Providenciar suporte adicional para agregadores OAI e Revistas Open Access para a manutenção da proveniência do registo ao nível da revista. • Baseadas nas melhores práticas de utilização do protocolo OAI-PMH, formatos de metadados e controlo de vocabulários. ConfOA @ São Paulo, 7 Out. 2013 20
  20. 20. Diretrizes OpenAIRE “Guidelines for Data Providers” • Diretrizes para: • Repositórios de literatura (3.0) • Repositórios de dados (1.0) • Sistemas CRIS (em definição) • Com base em normas e padrões já existentes: • OAI-PMH • Dublin Core • Diretrizes DRIVER Guidelines • Diretrizes OpenAIRE 2.0 • DataCite • CERIF-XML ConfOA @ São Paulo, 7 Out. 2013 21
  21. 21. 1 Diretrizes OpenAIRE Repositórios de literatura Dublin Core (DRIVER) 2 Repositórios de dados Datacite 3CRIS Sistemas CERIF-XML 22
  22. 22. Como funcionam? • Identicação de publicações Open Access e de resultados de investigação financiada por intermédio de OAI-Sets: • ‘openaire’ • ‘openaire_data’ • • • • Agregação regular dos diferentes recursos (repositórios, revistas…) Garantia de compatibilidade com as versões anteriores. Possibilidade de validação e registo dos potenciais repositórios Enriquecer os metadados no espaço de informação OpenAIRE ConfOA @ São Paulo, 7 Out. 2013 23
  23. 23. Diretrizes REPOSITÓRIOS DE LITERATURA CIENTÍFICA • Orientar os gestores de repositórios para expor o conteúdo • não só de publicações financiadas pela Comissão Europeia • como também de outras publicações em acesso aberto. • Permitir aos gestores de repositórios apoiarem os autores no cumprimento da política de acesso aberto da Comissão Europeia. • Possibilitar aplicação semelhante para com os requisitos de outros financiadores de âmbito nacional ou internacional. ConfOA @ São Paulo, 7 Out. 2013 24
  24. 24. Diretrizes REPOSITÓRIOS DE LITERATURA CIENTÍFICA • O que é novo: • Renomeação do OAI-SET: • ‘ec_fundedresources’ »»» ‘openaire’ • Definição de elementos identificadores alternativos e de relação relação com outras publicações e com conjuntos de dados científicos. • Inclusão das recomendações sobre os elementos Dublin Core herdadas das Diretrizes DRIVER. ConfOA @ São Paulo, 7 Out. 2013 25
  25. 25. Diretrizes REPOSITÓRIOS DE DADOS • Fornecer instruções para os gestores de repositórios de dados científicos exporem os metadados de forma compatível com o OpenAIRE. • Incluir no OpenAIRE os dados arquivados em repositórios quando estão relacionados com um outro documento (ex. conjunto de dados citados por um artigo). • Adotou-se o esquema de metadados do DataCite (versão 2.2) como base para a agregação e importação de metadados dos conjuntos de dados (datasets) dos repositórios. ConfOA @ São Paulo, 7 Out. 2013 26
  26. 26. Diretrizes REPOSITÓRIOS DE DADOS • Vem proporcionar um esquema de metadados: • abrangente e integrador, agnóstico no domínio científico, • através da referência a um pequeno número de propriedades. • Com a implementação destas diretrizes o OpenAIRE está: • a facilitar a criação de publicações enriquecidas, • a construir os pilares necessários para edificar uma infraestrutura de pesquisa de publicações e dados interligados. ConfOA @ São Paulo, 7 Out. 2013 27
  27. 27. Diretrizes SISTEMAS CRIS • Apresentam a especificação do perfil de aplicação com base nos requisitos do modelo de dados OpenAIRE, vocabulários relevantes, entidades, descrição e os seus valores. • Uso de CERIF-XML como formato padrão pelo qual o OpenAIRE irá recolher informação dos sistemas CRIS. • CERIF como referência para os sistema CRIS para mapeamento e descrição de entidades como organização, projeto, dados, etc.). • Resulta da colaboração euroCRIS e OpenAIRE. ConfOA @ São Paulo, 7 Out. 2013 28
  28. 28. Intencionalmente SIMPLES Diretrizes OpenAIRE ConfOA @ São Paulo, 7 Out. 2013 29
  29. 29. DRIVER »»» OpenAIRE • De acordo com a expansão OpenAIRE em curso, a nova versão das diretrizes prevê a fusão das diretrizes DRIVER no contexto de diretrizes OpenAIRE • pertinência da divulgação destas diretrizes para além do espaço de intervenção das instiuições de investigação e ensino superior da Europa. ConfOA @ São Paulo, 7 Out. 2013 30
  30. 30. Diretrizes OpenAIRE Como participar? • Consultar e contribuir: guidelines.openaire.eu • Testar e registar: validator.openaire.eu • Mais informação e suporte: www.openaire.eu/helpdesk Wiki: http://guidelines.openaire.eu ConfOA @ São Paulo, 7 Out. 2013 31
  31. 31. Validador OpenAIRE  Testar a compatibilidade do repositório com o OpenIARE.  Verificar as implementação das especificações técnicas das diretrizes  Registar o repositório no OpenAIRE validator.openaire.eu ConfOA @ São Paulo, 7 Out. 2013
  32. 32. Registo no OpenAIRE ConfOA @ São Paulo, 7 Out. 2013
  33. 33. Registo no OpenAIRE ConfOA @ São Paulo, 7 Out. 2013
  34. 34. Join us! 6,041,204 publicações de 387 repositórios e 53 revistas OA ConfOA @ São Paulo, 7 Out. 2013
  35. 35. www.openaire.eu @openaire_eu facebook.com/groups/openaire linkedin.com/groups/OpenAIRE-3893548 openaccess@sdum.uminho.pt ConfOA @ São Paulo, 7 Out. 2013 36

×