Os critérios para cadastramento no
OpenDOAR e os repositórios
institucionais luso-brasileiros
Maria Fernanda M. Melis
Bibl...
INTRODUÇÃO
• Com a difusão da filosofia e estratégias do
movimento de acesso aberto o número de
repositórios em todo o mun...
INTRODUÇÃO
• Este crescimento fez com que surgisse a necessidade
de serviços que reunissem em um único lugar essas
iniciat...
DIRETÓRIOS INTERNACIONAIS

4 de 24
A ESCOLHA DO DIRETÓRIO
• O OpenDOAR foi escolhido para esta pesquisa tendo por
base os seguintes motivos:
– Informações pr...
O OPENDOAR
• O Directory of Open Access Repositories
(OpenDOAR) é um diretório de repositórios
acadêmicos de acesso aberto...
O OPENDOAR
• Oferece vários filtros de pesquisa. São eles: área do
conhecimento, software utilizado, país, tipo de
conteúd...
O OPENDOAR
• Após a submissão do registro as informações do
repositório são checadas manualmente por uma
equipe do diretór...
OBJETIVO
• Analisar o emprego dos critérios de qualidade
adotados pelo diretório OpenDOAR em relação aos
repositório insti...
IMPORTANTE!
• Durante a pesquisa não foi questionado se o
emprego da tipologia utilizada para a classificação
dos repositó...
METODOLOGIA

11 de 24
ESTRATÉGIAS UTILIZADAS

Pesquisas no
OpenDOAR

Contatos, via email, com a
equipe do
OpenDOAR

Visita aos RI
da amostra

12...
AMOSTRA

Filtro
Repository
Type

Filtro
Country

91 RI lusobrasileiros

38 portugueses

53 brasileiros

13 de 24
RESULTADOS E DISCUSSÃO

14 de 24
CRITÉRIOS UTILIZADOS PARA A RECUSA DE UM
CADASTRO:
•
•
•
•

Site repetidamente inacessível;
Não ser um repositório e sim u...
HIGIENIZAÇÃO DA BASE DE DADOS DO
DIRETÓRIO:
• Se deu devido um controle de qualidade;

• Foi utilizado um software de veri...
LINKS REPETIDAMENTE INACESSÍVEIS:
• Detectados 6 repositórios (3 brasileiros e 3 portugueses) com
links repetidamente inac...
LINKS EXTERNOS E REFERÊNCIAS
BIBLIOGRÁFICAS:
• Pelo menos 3 cadastros possuem coleções que
contém apenas referências bibli...
DUPLICIDADE DE REGISTROS:
• Durante a visita detectou-se um repositório brasileiro
com cadastro duplicado.

19 de 24
DEMAIS CRITÉRIOS:
•
•
•
•
•

Ser um portal de periódicos;
Não conter documentos de acesso aberto;
Ser um catálogo de bibli...
RESUMINDO...
Critérios do OpenDOAR
Site repetidamente inacessível
Ser um portal de periódicos
Não conter documentos de ace...
CONCLUSÃO
• Os critérios adotados pelo diretório são de cunho
operacional;
• Para melhorar ainda mais a credibilidade do d...
CONCLUSÃO
• Os diretórios internacionais devem desenvolver
critérios operacionais e de qualidade e informá-los,
de maneira...
OBRIGADA!

Maria Fernanda Melis
mfernanda.melis@gmail.com

24 de 24
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Os critérios para cadastramento no OpenDOAR e os RI luso-brasileiros - comunicações i

330 visualizações

Publicada em

Comunicação apresentada à CONFOA 2013 (Universidade de São Paulo, São Paulo, Brasil, de 06 a 08 de outubro de 2013) em Comunicações I - Políticas de Informação - Maria Fernanda Mascarenhas Melis

Publicada em: Educação
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
330
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
8
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Os critérios para cadastramento no OpenDOAR e os RI luso-brasileiros - comunicações i

  1. 1. Os critérios para cadastramento no OpenDOAR e os repositórios institucionais luso-brasileiros Maria Fernanda M. Melis Bibliotecária Bolsista do Ibict <mfernanda.melis@gmail.com> 1 de 24
  2. 2. INTRODUÇÃO • Com a difusão da filosofia e estratégias do movimento de acesso aberto o número de repositórios em todo o mundo cresceu significativamente. 2 de 24
  3. 3. INTRODUÇÃO • Este crescimento fez com que surgisse a necessidade de serviços que reunissem em um único lugar essas iniciativas de acesso aberto, os chamados diretórios internacionais. • Estes diretórios potencializam a disseminação e a visibilidade dos conteúdos armazenados. 3 de 24
  4. 4. DIRETÓRIOS INTERNACIONAIS 4 de 24
  5. 5. A ESCOLHA DO DIRETÓRIO • O OpenDOAR foi escolhido para esta pesquisa tendo por base os seguintes motivos: – Informações precisas em seu site; – Ter passado por uma higienização na base dados e uma consequente redução no número de repositórios cadastrados; – Possuir uma variedade de filtros e opções de estatísticas; – Ser um dos serviços SHERPA. 5 de 24
  6. 6. O OPENDOAR • O Directory of Open Access Repositories (OpenDOAR) é um diretório de repositórios acadêmicos de acesso aberto. • Foi desenvolvido pela Universidade de Nottingham, no Reino Unido, em conjunto com a Universidade de Lund, na Suécia. 6 de 24
  7. 7. O OPENDOAR • Oferece vários filtros de pesquisa. São eles: área do conhecimento, software utilizado, país, tipo de conteúdo, língua e tipo de repositório. • Por meio deste diretório é possível acessar estatísticas acerca dos repositórios cadastrados. Dentre elas: estado de funcionamento dos repositórios, políticas de conteúdo adotadas, crescimento da base de dados do diretório, etc. 7 de 24
  8. 8. O OPENDOAR • Após a submissão do registro as informações do repositório são checadas manualmente por uma equipe do diretório. • Segundo o site, em 2012, o OpenDOAR passou por uma higienização em sua base de dados e teve o número de repositórios cadastrados reduzido. 8 de 24
  9. 9. OBJETIVO • Analisar o emprego dos critérios de qualidade adotados pelo diretório OpenDOAR em relação aos repositório institucionais luso-brasileiros. 9 de 24
  10. 10. IMPORTANTE! • Durante a pesquisa não foi questionado se o emprego da tipologia utilizada para a classificação dos repositórios em institucionais concordava com a literatura especializada. 10 de 24
  11. 11. METODOLOGIA 11 de 24
  12. 12. ESTRATÉGIAS UTILIZADAS Pesquisas no OpenDOAR Contatos, via email, com a equipe do OpenDOAR Visita aos RI da amostra 12 de 24
  13. 13. AMOSTRA Filtro Repository Type Filtro Country 91 RI lusobrasileiros 38 portugueses 53 brasileiros 13 de 24
  14. 14. RESULTADOS E DISCUSSÃO 14 de 24
  15. 15. CRITÉRIOS UTILIZADOS PARA A RECUSA DE UM CADASTRO: • • • • Site repetidamente inacessível; Não ser um repositório e sim um portal de periódicos; Não conter documentos de acesso aberto; Conter apenas referências bibliográficas ou remeter a links externos; • Ser um catálogo de biblioteca; • Requerer login para acesso ao documento, mesmo que gratuito; • Ser uma base de dados proprietária ou um revista que requer assinatura. 15 de 24
  16. 16. HIGIENIZAÇÃO DA BASE DE DADOS DO DIRETÓRIO: • Se deu devido um controle de qualidade; • Foi utilizado um software de verificação de links; • Cadastros excluídos somente após um conjunto de verificações, tais como: reiteradas tentativas de acesso aos repositórios, visitas ao site da instituição responsável, eliminação de portas componentes da url e pesquisas pelo repositório na Internet; • Houve falta de controle sobre o registros excluídos. 16 de 24
  17. 17. LINKS REPETIDAMENTE INACESSÍVEIS: • Detectados 6 repositórios (3 brasileiros e 3 portugueses) com links repetidamente inacessíveis mais de três vezes consecutivas; • Os links inacessíveis podem estar quebrados ou terem sido mudados; • Não é informada a quantidade de vezes que um link precisa estar inacessível para que o registro seja excluído. 17 de 24
  18. 18. LINKS EXTERNOS E REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS: • Pelo menos 3 cadastros possuem coleções que contém apenas referências bibliográficas e/ou remetem para links externos; • Não foi especificado pelo diretório se podem haver exceções a esse critério. 18 de 24
  19. 19. DUPLICIDADE DE REGISTROS: • Durante a visita detectou-se um repositório brasileiro com cadastro duplicado. 19 de 24
  20. 20. DEMAIS CRITÉRIOS: • • • • • Ser um portal de periódicos; Não conter documentos de acesso aberto; Ser um catálogo de biblioteca; Requerer login para acesso ao documento; Ser uma base de dados proprietária ou uma revista. Foram respeitados. 20 de 24
  21. 21. RESUMINDO... Critérios do OpenDOAR Site repetidamente inacessível Ser um portal de periódicos Não conter documentos de acesso aberto Conter apenas referências bibliográficas ou remeter à links externos Ser um catálogo de biblioteca Requerer login para acesso ao documento Ser uma base de dados proprietária ou um revista que requer assinatura Atendidos? NÃO SIM SIM NÃO SIM SIM SIM 21 de 24
  22. 22. CONCLUSÃO • Os critérios adotados pelo diretório são de cunho operacional; • Para melhorar ainda mais a credibilidade do diretório sugerese a adoção das seguintes ações: – Higienização periódica da base de dados; – Informar aos gestores sobre a ocorrência de higienização na base de dados; – Maior refinamento e informações sobre os critérios adotados para cadastramento de repositórios no diretório; – Controle dos itens excluídos. 22 de 24
  23. 23. CONCLUSÃO • Os diretórios internacionais devem desenvolver critérios operacionais e de qualidade e informá-los, de maneira explícita, para que sejam utilizados e prol do movimento de acesso aberto. 23 de 24
  24. 24. OBRIGADA! Maria Fernanda Melis mfernanda.melis@gmail.com 24 de 24

×