BIOLOGIA
Características dos Seres vivos
BIOLOGIAA palavra Biologia deriva do latim;       bios= vida e logus= estudo.É muito fácil, portanto, definir Biologia: é ...
Dessa forma, o próprio conceito de  biologia modifica-se: é a ciência  que estuda os seres vivos e suas  manifestações vit...
O que é vida? Vida é...A biologia ainda não possui um consenso arespeito do que seja a vida. É um assuntocontroverso, pois...
A biologia tornou-se um campo deinvestigação tão vasto quegeralmente não é estudada como umaúnica disciplina, mas antes di...
PRINCIPAIS SUBDIVISÕES DA           BIOLOGIA-CITOLOGIA- estuda a célula, tanto sob o pontode vista estrutural (morfológico...
EVOLUÇÃO- estuda os possíveismecanismos através dos quais os seresvivos sofreram e ainda sofremmodificações, dando origem ...
ANATOMIA- estuda a estrutura e a formadas células, tecidos, órgãos ou sistemas(em partes).-TAXONOMIA E SISTEMÁTICA– estuda...
CARACTERÍSTICAS GERAIS   DOS SERES VIVOS
.          São várias as propriedade que, sozinhas ou em    conjunto, diferem um ser vivo de um ser bruto. Dentre    elas,...
Organização celular:A imensa maioria dos seres vivos é formadapor unidades fundamentais denominadascélulas.       Célula-é...
1. EUCARIONTES-   (eu=verdadeiro+cario=núcleo)São formadas por membrana celular,   citoplasma e núcleo (com carioteca ou  ...
Estruturas Celulares:Procariótica e Eucariótica
Composição química:As substâncias químicas que compõem ocorpo dos seres vivos podem ser divididasem dois grupos: as orgâni...
As substâncias inorgânicas são formadas  por moléculas simples, com pequeno  número de átomos. São elas,  principalmente: ...
A composição química aproximada da  matéria viva é de cerca de:75 a 85% de água,1% de sais minerais,1% de carboidratos,2 a...
NÍVEIS DE ORGANIZAÇÃO DOS        SERES VIVOS
C) Metabolismo: é o conjunto de processos químicosresponsáveis pela transformação e utilização de matériae energia pelos o...
NÍVEIS DE ORGANIZAÇÃO DOS        SERES VIVOS
ÁTOMO      MENOR    PARTÍCULA   ESTÁVEL DA  MATÉRIA, CAPAZ  DE CONSERVAR        AS CARACTERÍSTICAS DE UM ELEMENTO     QUÍM...
MOLÉCULA CONJUNTO DE ÁTOMOS.
CÉLULA CONJUNTO DE MOLÉCULAS ORGANIZADAS FORMANDO A UNIDADE MORFOFUNCIONAL DA MAIORIA DOS SERES VIVOS.
TECIDO CONJUNTO DE CÉLULAS SEMELHANTES EM FORMA E FUNÇÃO.
ÓRGÃO CONJUNTO DE TECIDOS.
SISTEMA CONJUNTO DE ÓRGÃOS CAPAZES DE REALIZAR UMA TAREFA ESPECÍFICA NO ORGANISMO.
ORGANISMO CONJUNTO DE SISTEMAS CAPAZES DE ALIMENTAR, REPRODUZIR, EVOLUIR.
POPULAÇÃO  CONJUNTO DE ORGANISMOS DA MESMA ESPÉCIE   DELIMITADOS GEOGRAFICAMEN   -TE, OU SEJA,  QUE CONVIVEM EM UMA REGIÃO...
COMUNIDADE  CONJUNTO DE   POPULAÇÕES   DELIMITADAS GEOGRAFICAMEN-       TE.
ECOSSISTEMA CONJUNTO DE FATORES BIÓTICOS E ABIÓTICOS QUE SE INTERAGEM EM UM AMBIENTE DELIMITADO
BIOSFERA CONJUNTO DE ECOSSISTEMAS QUE RECOBREM A SUPERFÍCIE TERRESTRE.
Nutrição, crescimento e metabolismo Nutrição é o processo pelo qual os seres  vivos conseguem novas moléculas do  ambiente...
Metabolismo (metabolé= transformar)é a soma de processos químicos e físicos que ocorrem dentro de um organismo vivo.Divide...
ANABOLISMO( aná= para cima;bollein=projetarCapacidade que o organismo possui de  transformar uma substância em outra  que ...
CATABOLISMO (kata= para baixo)Quebra de uma substância para obter energia. Ex.:Fermentação e Respiração celular    Libera ...
FORMAS DE NUTRIÇÃOAUTOTRÓFICA:( auto=sozinho;trofo=alimento)É aquela realizada pelos seres  capazes de sintetizar o seu  p...
HETEROTÓFICA:(hetero=diferente) É realizada pelos animais, fungos e  pela maioria das bactérias , que não  são capazes de ...
d) Reprodução: é a capacidade que os seres vivos têm de darorigem a novos indivíduos semelhantes a eles. Existembasicament...
e) evolução: Os seres vivos podem sofrer modificações ao longo dotempo através de processos que os levam a uma maior adapt...
Esquema da fotossíntese
6 CO2 + 12 H2O               C6H12O6 + 6 H2O + 6 O2    Seiva bruta                       Seiva elaborada                  ...
I) regeneração: é recuperar partesperdidas. Ex: cicatrização
j)Crescimento: é o aumento de tamanho de um corpo. Nosseres vivos ocorre devido a incorporação e transformação dealimentos...
m) Reação: Todos os seres vivos têm acapacidade de perceber e de reagir aestímulos do meio.
Afinal o que é vida?Segundo alguns cientistas, os organismos vivos possuem certascaracterísticas que não são encontradas e...
Os viróidesSão mais simples que os vírus.Eles consistem apenasnuma molécula circular de RNA não envolta porcápsula protéic...
Os príonsAtualmente se sabe que eles não são formas particulares de vida. Eles sãoproteínas que provocam doenças neurodege...
O que são?Príons não são vírus, nem bactérias: sãomodificações de proteínas normais do corpo. Emboraem sua forma normal es...
Características dos Seres Vivos    1-Composição química    2- Organização celular    3- Reprodução    4-Hereditariedade   ...
Educandário Imaculada Conceição              Orientação de PesquisaTítuloObjetivoMetodologiaCronograma- data de entregaFon...
Relatório   CAPA                  EIC                         Visita a feira do livroNome do colégioTítulo do trabalhoNome...
CORPO DO TRABALHO INTRODUÇÃO: informa o objetivo e métodos (meios) para atingi-lo. Quando feito em grupo, especifica-se os...
Bibliografia - BIOLOGIAMARCZWSKI, M & VÉLEZ, E. - Ciências Biológicas, Editora FTD, 3volumes. - 1999.AMABIS & MARTHO. - Bi...
Caract ser vivo
Caract ser vivo
Caract ser vivo
Caract ser vivo
Caract ser vivo
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Caract ser vivo

2.643 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.643
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
259
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
34
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Caract ser vivo

  1. 1. BIOLOGIA
  2. 2. Características dos Seres vivos
  3. 3. BIOLOGIAA palavra Biologia deriva do latim; bios= vida e logus= estudo.É muito fácil, portanto, definir Biologia: é oestudo da vida .O difícil é definir vida. Por razões prática oufilosóficas, os cientistas parecem concordarcom a inexistência de um conceitouniversal de vida. O que propõem écaracterizar a vida através de propriedadesapresentadas apenas pelos seres vivos eque os diferenciam dos seres brutos.
  4. 4. Dessa forma, o próprio conceito de biologia modifica-se: é a ciência que estuda os seres vivos e suas manifestações vitais.Vida = não se define vida em apenas uma frase.Mas sim uma diversidade de suas formas e o queas constitui.
  5. 5. O que é vida? Vida é...A biologia ainda não possui um consenso arespeito do que seja a vida. É um assuntocontroverso, pois existem inúmeras opiniõescontrastantes, desde as mais físicas até asmais metafísicas, que coexistem, poisnenhuma é refutada ou mesmo comprovada.Existem idéias religiosas do que seja a vida:um sopro divino, o encontro entre o espírito ea matéria, uma manifestação da alma, etc.
  6. 6. A biologia tornou-se um campo deinvestigação tão vasto quegeralmente não é estudada como umaúnica disciplina, mas antes divididaem várias disciplinas subordinadas,mas que, no seu conjunto, estudam avida nas mais variadas escalas.
  7. 7. PRINCIPAIS SUBDIVISÕES DA BIOLOGIA-CITOLOGIA- estuda a célula, tanto sob o pontode vista estrutural (morfológico ou anatômico),quanto funcional (fisiológico).-HISTOLOGIA- estuda os tecidos sob o ponto devista anatômico ou fisiológico.-EMBRIOLOGIA - estuda a formação e odesenvolvimento dos embriões.-GENÉTICA - estuda a natureza química domaterial hereditário, os mecanismos de suatransmissão ao longo das gerações e os modosde ação desse material.
  8. 8. EVOLUÇÃO- estuda os possíveismecanismos através dos quais os seresvivos sofreram e ainda sofremmodificações, dando origem a espéciesnovas.-ECOLOGIA- estuda as relações dos seresvivos entre si e com o meio ambiente.-FISIOLOGIA- estuda o funcionamentodas células, tecidos, órgãos ou sistemas.
  9. 9. ANATOMIA- estuda a estrutura e a formadas células, tecidos, órgãos ou sistemas(em partes).-TAXONOMIA E SISTEMÁTICA– estuda asprováveis relações de parentesco entre osseres, classificando-os em grupos deacordo com suas semelhanças
  10. 10. CARACTERÍSTICAS GERAIS DOS SERES VIVOS
  11. 11. . São várias as propriedade que, sozinhas ou em conjunto, diferem um ser vivo de um ser bruto. Dentre elas, as mais importantes são: Organização celular, composição química, reprodução, material genético, metabolismo, respiração, nutrição, evolução (seleção natural,adaptação) movimento, crescimento, regeneração, ciclo vital e respostas a estímulos ambientais. SERES VIVOS SÃO ENTIDADES QUE APRESENTAM AS PROPRIEDADES DE MULTIPLICAÇÃO,VARIAÇÃO E HEREDITARIEDADE.
  12. 12. Organização celular:A imensa maioria dos seres vivos é formadapor unidades fundamentais denominadascélulas. Célula-é a unidade morfológica efisiológica dos seres vivos. Quanto ao número de células, os seresvivos podem ser:Unicelulares (bactérias, protozoários e algunsfungos)Pluricelulares (maioria dos fungos, vegetais eanimais). De acordo com sua estrutura celular ascélulas são classificadas em eucarióticas eprocarióticas.
  13. 13. 1. EUCARIONTES- (eu=verdadeiro+cario=núcleo)São formadas por membrana celular, citoplasma e núcleo (com carioteca ou membrana nuclear = envoltório).Ex: protistas , fungos , vegetais e animais .2. PROCARIONTES(pro=que vem antes+cario=núcleo)São formadas por membrana celular, citoplasma e nucleóide (material nuclear não delimitado pela carioteca= sem carioteca).Ex: bactérias e cianobactérias (cianofíceas ou algas azuis)
  14. 14. Estruturas Celulares:Procariótica e Eucariótica
  15. 15. Composição química:As substâncias químicas que compõem ocorpo dos seres vivos podem ser divididasem dois grupos: as orgânicas e asinorgânicas .As substâncias orgânicas são formadas pormoléculas complexas e têm o carbono (c)como elemento principal ligado a átomos dehidrogênio e de nitrogênio São elas: oscarboidratos, os lipídios, as proteínas asvitaminas e os ácidos nucléicos.São substâncias maiores e mais complexasque as inorgânicas. São produzidas peloorganismo e em laboratórios.
  16. 16. As substâncias inorgânicas são formadas por moléculas simples, com pequeno número de átomos. São elas, principalmente: a água e os sais minerais.Através da composição química, pode-se diferenciar seres vivos de seres brutos. Os seres vivos são formados por moléculas orgânicas e inorgânicas, e os seres brutos, apenas por moléculas inorgânicas.
  17. 17. A composição química aproximada da matéria viva é de cerca de:75 a 85% de água,1% de sais minerais,1% de carboidratos,2 a 3 % de lipídios,10 a 15% de proteínas e1% de ácidos nucléicos.
  18. 18. NÍVEIS DE ORGANIZAÇÃO DOS SERES VIVOS
  19. 19. C) Metabolismo: é o conjunto de processos químicosresponsáveis pela transformação e utilização de matériae energia pelos organismos. O metabolismo(metabole=mudar) pode ser dividido em dois processosbásicos: * Anabolismo: Síntese(produção) de substânciasutilizadas para o crescimento do organismo e reparaçãode suas perdas. *Catabolismo: Degradação (quebra) de substânciascom liberação da energia necessária às funçõesorgânicas.HOMEOSTASE=manutenção do meio interno emequilíbrio dinâmico.Os seres brutos não possuem metabolismo
  20. 20. NÍVEIS DE ORGANIZAÇÃO DOS SERES VIVOS
  21. 21. ÁTOMO MENOR PARTÍCULA ESTÁVEL DA MATÉRIA, CAPAZ DE CONSERVAR AS CARACTERÍSTICAS DE UM ELEMENTO QUÍMICO.
  22. 22. MOLÉCULA CONJUNTO DE ÁTOMOS.
  23. 23. CÉLULA CONJUNTO DE MOLÉCULAS ORGANIZADAS FORMANDO A UNIDADE MORFOFUNCIONAL DA MAIORIA DOS SERES VIVOS.
  24. 24. TECIDO CONJUNTO DE CÉLULAS SEMELHANTES EM FORMA E FUNÇÃO.
  25. 25. ÓRGÃO CONJUNTO DE TECIDOS.
  26. 26. SISTEMA CONJUNTO DE ÓRGÃOS CAPAZES DE REALIZAR UMA TAREFA ESPECÍFICA NO ORGANISMO.
  27. 27. ORGANISMO CONJUNTO DE SISTEMAS CAPAZES DE ALIMENTAR, REPRODUZIR, EVOLUIR.
  28. 28. POPULAÇÃO CONJUNTO DE ORGANISMOS DA MESMA ESPÉCIE DELIMITADOS GEOGRAFICAMEN -TE, OU SEJA, QUE CONVIVEM EM UMA REGIÃO COMUM.
  29. 29. COMUNIDADE CONJUNTO DE POPULAÇÕES DELIMITADAS GEOGRAFICAMEN- TE.
  30. 30. ECOSSISTEMA CONJUNTO DE FATORES BIÓTICOS E ABIÓTICOS QUE SE INTERAGEM EM UM AMBIENTE DELIMITADO
  31. 31. BIOSFERA CONJUNTO DE ECOSSISTEMAS QUE RECOBREM A SUPERFÍCIE TERRESTRE.
  32. 32. Nutrição, crescimento e metabolismo Nutrição é o processo pelo qual os seres vivos conseguem novas moléculas do ambiente, utilizadas na reconstrução do corpo, ou para permitir o crescimento e o desenvolvimento do organismo. Nesse processo uma parte do alimento é levado à célula, quebrado e oxidado e transformado em partículas menores através de um processo chamado de RESPIRAÇÃO CELULAR, onde é produzido energia.
  33. 33. Metabolismo (metabolé= transformar)é a soma de processos químicos e físicos que ocorrem dentro de um organismo vivo.Divide-se em dois processos: ANABOLISMO E CATABOLISMO.
  34. 34. ANABOLISMO( aná= para cima;bollein=projetarCapacidade que o organismo possui de transformar uma substância em outra que sirva para seu desenvolvimento e reparação. Corresponde a um conjunto de reações de construção .Ex.:Formação de proteínas a partir de aminoácidos. Armazena energia
  35. 35. CATABOLISMO (kata= para baixo)Quebra de uma substância para obter energia. Ex.:Fermentação e Respiração celular Libera energia
  36. 36. FORMAS DE NUTRIÇÃOAUTOTRÓFICA:( auto=sozinho;trofo=alimento)É aquela realizada pelos seres capazes de sintetizar o seu próprio alimento, através da FOTOSSÍNTESE.
  37. 37. HETEROTÓFICA:(hetero=diferente) É realizada pelos animais, fungos e pela maioria das bactérias , que não são capazes de sintetizar o seu próprio alimento.
  38. 38. d) Reprodução: é a capacidade que os seres vivos têm de darorigem a novos indivíduos semelhantes a eles. Existembasicamente dois tipos de mecanismo reprodutivo: osexuado e o assexuado.Na reprodução sexuada ou gâmica há união de duas célulasdenominadas gametas (sptz+óvulo).Na reprodução assexuada ou agâmica apenas um indivíduoparticipa, dando origem a outros indivíduos, todosgeneticamente idênticos entre si. gâmica âgamica
  39. 39. e) evolução: Os seres vivos podem sofrer modificações ao longo dotempo através de processos que os levam a uma maior adaptação aomeio. Os ácidos nucléicos (DNA, RNA) são fundamentais nos processosevolutivos.f) movimento: Os seres vivos apresentam movimentos em respostas amúltiplos estímulos. Movimento é qualquer alteração na posição inicial deum corpo. Um tipo especial de movimento é a locomoção- deslocamentodo indivíduo por suas próprias forças.
  40. 40. Esquema da fotossíntese
  41. 41. 6 CO2 + 12 H2O C6H12O6 + 6 H2O + 6 O2 Seiva bruta Seiva elaborada Energia luminosa Clorofila
  42. 42. I) regeneração: é recuperar partesperdidas. Ex: cicatrização
  43. 43. j)Crescimento: é o aumento de tamanho de um corpo. Nosseres vivos ocorre devido a incorporação e transformação dealimentos, sendo conseqüência da nutrição e do metabolismo. Osseres brutos também podem apresentar crescimento, mas devidoà deposição de material sobre sua superfície. Nesse caso, diz-seque o crescimento é de fora para dentro. Nos seres vivos ocrescimento ocorre de dentro para fora.l) Ciclo vital: nasce , cresce, reproduz, morre.
  44. 44. m) Reação: Todos os seres vivos têm acapacidade de perceber e de reagir aestímulos do meio.
  45. 45. Afinal o que é vida?Segundo alguns cientistas, os organismos vivos possuem certascaracterísticas que não são encontradas em objetos inanimados.Essas características têm sido listadas, como fizemosaqui.Segundo John Maynard Smith (1986), cita “entidades com aspropriedades de multiplicação, variação e hereditariedade sãovivas e entidades que não apresentam uma ou mais dessaspropriedades não são”. O problema se torna maior quando nosdeparamos com formas como o VÍRUS, VIRÓIDES E PRÍONS quenão tem estrutura celular, mas têm algumas característicascuriosas.Vírus é formado por um tipo de ácido nucléico (DNA ou RNA),protegidos por cápsula protéica. Outros possuem em envelopeformado por membrana lipoprotéica semelhante à das células.
  46. 46. Os viróidesSão mais simples que os vírus.Eles consistem apenasnuma molécula circular de RNA não envolta porcápsula protéica. Essa molécula fica sempre dentro decélulas hospedeiras e tem a capacidade deautoduplicação e de sofrer mutações. Passam de umacélula p/ outra somente pelo contato direto entre elas,os viróides provocam desenvolvimento anormal nasplantas, podendo levar a morte.
  47. 47. Os príonsAtualmente se sabe que eles não são formas particulares de vida. Eles sãoproteínas que provocam doenças neurodegenerativas, como a doença da vacalouca (encefalopatia espongiforme bovina- doença que provoca cavidades noencéfalo, deixando-o como uma esponja)e várias doenças na espécie humana,como doença de Creutzfeldt-Jakob(tipo de encefalopatia espongiformehumana). Sabe-se que na doença de Creutzfeldt-Jakob a versão normal daproteína príon presente nas células cerebrais é corrompida por príonsinfecciosos, mudando de forma e resultando em danos cerebrais e em morte.Mas pouco se conhece a respeito das funções dos príons normais. O príon foidescrito pela 1ª vez em 1982. A forma normal dessas proteínas ocorre namembrana celular das células nervosas. No entanto, podem sofrer alterações naforma dando origem a proteínas anormais,os príons que causam doenças. Comisso,há um aumento do número de príons, dando a falsa impressão de que elesse reproduzam. tratamentos contra o mal de Alzheimer.De acordo com os pesquisadores, testes em laboratório revelaram que os príonsnaturalmente presentes no cérebro podem prevenir o desenvolvimento de umaproteína-chave associada à doença.
  48. 48. O que são?Príons não são vírus, nem bactérias: sãomodificações de proteínas normais do corpo. Emboraem sua forma normal essas proteínas sejaminofensivas, o acúmulo da forma modificada podelevar à morte de neurônios. Quando aparecem?A maioria das doenças causadas por príons aparecena idade adulta. A faixa etária exata varia de acordocom o tempo de incubação de cada doença e suacausa.
  49. 49. Características dos Seres Vivos 1-Composição química 2- Organização celular 3- Reprodução 4-Hereditariedade Material genético 5- Metabolismo 6-Homeostase 7-Respiração 8-Nutrição 9-Evolução-mutação 10-Ciclo vital 11-Regeneração 12-Crescimento 13- Respostas a estímulos 14- Níveis de organização dos seres vivos
  50. 50. Educandário Imaculada Conceição Orientação de PesquisaTítuloObjetivoMetodologiaCronograma- data de entregaFontes de consultaAvaliaçãoData___/____/____
  51. 51. Relatório CAPA EIC Visita a feira do livroNome do colégioTítulo do trabalhoNome do(s) autor(es) PauloLocal JoséData Florianópolis Março- 2008
  52. 52. CORPO DO TRABALHO INTRODUÇÃO: informa o objetivo e métodos (meios) para atingi-lo. Quando feito em grupo, especifica-se os componentes e suas funçõesou tarefas. Os agradecimentos também são feitos na introdução.RESULTADOS: apresentados de forma clara e objetiva, bem como suaanálise que deve estabelecer relações de causa e efeito. CONCLUSÃO: é o alto do trabalho pois foi para chegar até ele que se Encaminhou todo o processo. Deve ser fundamentado no texto. Poderá conter, também, opinião do(s) aluno(s) e sugestões para investigações posteriores. ANEXOS: material que complementa a descrição do relatório, como: mapas, tabelas. gráficos, fotografias, etc. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS: material consultado
  53. 53. Bibliografia - BIOLOGIAMARCZWSKI, M & VÉLEZ, E. - Ciências Biológicas, Editora FTD, 3volumes. - 1999.AMABIS & MARTHO. - Biologia das Células, Ed. MODERNA, 3 volumes.-2007.SOARES, J. L. - Fundamentos de Biologia. Ed. SCIPIONE - 3 volumes-1999.MERCADANTE, C. Et alii - BIOLOGIA, Ed. MODERNA - volume único-1999.PAULINO, W. R. - Biologia Atual - Ed. ÄTICA - 3 volumes- 2006.LOPES, S. - Bio - Ed. SARAIVA - 3 volumes.- 2006.SÉRGIO LINHARES & FERNANDO GEWANDSZNAJDER - Biologia Hoje -Volume 1 - Ed. ÁticaApostila de Pré-vestibularRevistas- Veja;Ciência Hoje; Super; Galileu; Caminhos da Terra; Saúde,etc..

×