1 recepção de produtos - 01-07-14

124 visualizações

Publicada em

Material voltado para assuntos voltados a Logistica

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
124
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
5
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

1 recepção de produtos - 01-07-14

  1. 1. Prezados Alunos, Desejo-lhes boas vindas ao curso de ARRUMADOR E CONFERENTE DE CARGAS E PRODUTOS em especial o SUBMÓDULO 5 – RECEPÇÃO DE PRODUTOS! Vamos trabalhar juntos para desenvolver novos conhecimentos e aprofundar as competências que vocês já possuem! SEGURANÇA NA OPERAÇÃO DO CAMINHÃO BASCULANTE
  2. 2. VÍDEO – 1 BOM DIA!!!!!!!!!!!!!!! CONSIDEREM, UMA BOA NOITE
  3. 3. CBO (CÓDIGO BRASILEIRO DE OCUPAÇÃO) CÓDIGO 7832
  4. 4. CBO (CÓDIGO BRASILEIRO DE OCUPAÇÃO) CÓDIGO 7832 Preparam cargas e descargas de mercadorias;  Movimentam mercadorias em navios, aeronaves, caminhões e vagões; entregam e coletam encomendas;  manuseiam cargas especiais;  reparam embalagens danificadas e controlam a qualidade dos serviços prestados
  5. 5. CBO (CÓDIGO BRASILEIRO DE OCUPAÇÃO) CÓDIGO 7832  Operam equipamentos de carga e descarga;  Conectam tubulações às instalações de embarque de cargas;  Estabelecem comunicação, emitindo, recebendo e verificando mensagens, notificando e solicitando informações, autorizações e orientações de transporte, embarque e desembarque de mercadorias.
  6. 6. CBO (CÓDIGO BRASILEIRO DE OCUPAÇÃO) CÓDIGO 7832 FORMAÇÃO E EXPERIÊNCIA Para o exercício dessas ocupações não se requer nenhuma escolaridade e cursos de qualificação. O tempo de experiência exigido para o desempenho pleno da função é de menos de um ano.
  7. 7. BOM DESENVOLVIMENTO DO TREINAMENTO Comprometimento Participação Dedicação Respeito (com si mesmo e ao próximo) Trabalho em equipe Valorização Visão
  8. 8. BOM DESENVOLVIMENTO DO TREINAMENTO Horário Atividade didática e prática Segurança Intervalos Compromisso pessoal Celular
  9. 9. BOM DESENVOLVIMENTO DO TREINAMENTO SEGURANÇA NA OPERAÇÃO DO CAMINHÃO BASCULANTE
  10. 10. AVALIAÇÃO Avaliação é: A avaliação é um processo natural que acontece para que o professor tenha uma noção dos conteúdos assimilados pelos alunos, bem como saber se as metodologias de ensino adotadas por ele estão surtindo efeito na aprendizagem dos alunos.
  11. 11. AVALIAÇÃO Avaliação é: Há muito tempo atrás avaliar significava apenas aplicar provas, dar uma nota e classificar os alunos em aprovados e reprovados.
  12. 12. NOME: CLAUDINEI OLIVEIRA  Instrutor , Examinador de Trânsito e Diretor Geral homologado pelo DETRAN Graduado em (Pedagogia e Administração); Técnico Mecânico, APRESENTAÇÃO PESSOAL
  13. 13. NOME: CLAUDINEI OLIVEIRA Habilitado em treinamentos de Formação Profissional e Normas Regulamentadoras; Habilitado em Cursos pelo – DETRAN. APRESENTAÇÃO PESSOAL
  14. 14. A minha música para o início do curso APRESENTAÇÃO PESSOAL
  15. 15. Informar: Nome completo; Formação; Função/Cargo; Experiência Profissional; Expectativa do curso; SEGURANÇA NA OPERAÇÃO DO CAMINHÃO BASCULANTEAPRESENTAÇÃO PESSOAL
  16. 16. PARA APRENDER É PRECISO AGIR. Pesquisa científica realizada por: Held & Hein 1963. Pegaram 2 gatos e colocaram um dispositivo.
  17. 17. VÍDEO – 2 PARA APRENDER É PRECISO AGIR
  18. 18. PARA APRENDER É PRECISO AGIR. VAMOS COLOCAR EM PRÁTICA. UTILIZANDO DINÂMICA DE EQUIPE
  19. 19. 11 07 2014 EU TENHO CERTEZA QUE ESSA TURMA ACANAR SEUS OBJETIVOS
  20. 20. 11 07 2014 EU TENHO CERTEZA QUE ESSA TURMA ALCANÇARÁ SEUS OBJETIVOS
  21. 21. RECEPÇÃO DOS PRODUTOS 23
  22. 22. RECEPÇÃO DE PRODUTOS VÍDEO – 3 Evolução da Logística
  23. 23. RECEPÇÃO DE PRODUTOS Definição: A recepção é uma atividade que tem como principal objetivo assegurar que o vendedor entregou ao armazém:  o produto certo,  em boas condições,  nas quantidades certas e no momento certo.
  24. 24. RECEPÇÃO DE PRODUTOS As atividades necessárias para Recepção são: 1º Identificar o veículo de transporte; 2º Paletizar ou encaixotar conforme for apropriado; 3º Descarregar o veículo; 4º Preparar a contagem do material recebido; 5º Comparar a contagem com guia de remessa;
  25. 25. RECEPÇÃO DE PRODUTOS As atividades necessárias para Recepção são: 6º Separar artigos na categoria vendável ou não vendável: 7º Libertar o veículo; 8º Preparar o relatório dos produtos recebidos; 9º Despachar os artigos.
  26. 26. RECEPÇÃO DE PRODUTOS Vantagens de um sistema de gerenciamento de recebimento de materiais:  Racionalização e agilização, âmbito operacional, das rotinas e procedimentos, em todos os segmentos do processo;  Maior integração com os sistemas envolvidos;  Estabelecimento de critérios administrativos mais adequados, para tratamento de pendências;  Minimização das ocorrências de erros no processamento das informações.
  27. 27. RECEPÇÃO DE PRODUTOS VÍDEO – 4 Gerenciamento de materiais
  28. 28. SISTEMA DE RECEBIMENTO DE MATERIAIS COMPRAS FORNECEDOR TRANSPORTADOR IMPORTAÇÃO CONTABILIDADE CONTAS A PAGAR GESTÃO DE ESTOQUE Autorização de Fornecimento Dados sobre pendências com fornecedores Nota fiscal Conhecimento de transporte Dados de compras Atualização de saldos Acompanhamento de entrada materiais importados Dados contábeis, dados para recuperação de impostos, dados para escrituração fiscal e controle de entrada de Notas Fiscais Dados para controle de entrada de materiais , dados sobre pendências com fornecedores, atualização da posição de fornecedores, Acompanhamento do processo de liberação da documentação Dados de entrada dos materiais em estoque
  29. 29. RECEPÇÃO DE PRODUTOS ENTRADA DE MATERIAIS: A primeira fase, correspondente á entrada de materiais, representa o início do processo de Recebimento, tendo como propósito efetuar a recepção dos veículos transportadores, proceder à triagem da documentação suporte do recebimento, encaminhá-los para descarga e efetuar o cadastramento dos dados pertinentes para o sistema.
  30. 30. RECEPÇÃO DE PRODUTOS Sendo o Recebimento uma interface, conforme caracterizado anteriormente, os materiais adquiridos no mercado fornecedor são passiveis de dupla recepção, diferenciados em momentos locais distintos. ENTRADA DE MATERIAIS:
  31. 31. RECEPÇÃO DE PRODUTOS 1 – NA PORTARIA DA EMPRESA: 1.1 - Se a compra, objeto da Nota Fiscal em análise, está autorizada na empresa; 1.2 - Se a compra devidamente autorizada tem programação estando no prazo de entrega contratual; 1.3 - Se o número do documento de compra consta na Nota Fiscal; 1.4 - Cadastramento das informações referentes a compras atualizadas para as quais se inicia o processo de recebimento.
  32. 32. •Quando o veículo chega na portaria, o profissional responsável pelo seu recebimento deverá ter em mãos uma relação de todas as entregas programadas para o armazém. 34 CONTROLE DE CARGA DE VÉICULOS
  33. 33. •A programação de entregas pode ser anotada em um quadro como este apresentado na sua apostila. 35 CONTROLE DE CARGA DE VÉICULOS
  34. 34. 36 PROGRAMAÇÃO DE ENTREGA
  35. 35. O responsável pelo recebimento dos veículos na portaria deve, primeiramente, verificar se há programação para o recebimento da carga e se o veículo chegou no horário programado. 37 CONTROLE DE CHEGADA DE VEÍCULOS
  36. 36. Um outro formulário bastante usado na portaria de recebimento de veículos em terminais de carga é o Plano de Chegada de Veículos. 38 CONTROLE DE CHEGADA DE VEÍCULOS
  37. 37. 39 CONTROLE DE CHEGADA DE VEÍCULOS
  38. 38. As figuras a seguir apresentadas são modelos de Nota Fiscal e de Manifesto de Transporte que devem acompanhar a mercadoria transportada nos veículos de transporte rodoviário. 40 CONTROLE DE CHEGADA DE VEÍCULOS
  39. 39. 41 CONTROLE DE CHEGADA DE VEÍCULOS
  40. 40. 42 CONTROLE DE CHEGADA DE VEÍCULOS
  41. 41. Antes de autorizar o recebimento da carga e encaminhar o veículo para a descarga propriamente dita, é necessário proceder a um exame rápido da Nota Fiscal de entrega e do Manifesto de Transporte 43 FORMA DE REALIZAÇÃO DE DESCARGA DO VEÍCULO
  42. 42. Verificar os seguintes elementos dos documentos: FORMA DE REALIZAÇÃO DE DESCARGA DO VEÍCULO  Se a compra, objeto da Nota Fiscal em análise, está autorizada pela empresa;  Se a compra devidamente autorizada tem programação prevista e se a entrega está dentro do prazo contratual;  Se o número do pedido de compra está especificado na Nota Fiscal.
  43. 43. ESQUEMA DE RECEBIMENTO DE UM VEÍCULO CHEGADA DO VEÍCULO ACEITAR A ENTREGA? REGEITAR A ENTREGA? AUTORIZAÇÃO 1. Existe uma plataforma para descarga 2. Há necessidade de equipamento mecanizado para descarga
  44. 44. ESQUEMA DE RECEBIMENTO DE UM VEÍCULO AUTORIZAÇÃO 3. Qual equipamento será necessário para descarga? 4. Este equipamento está disponível? 5. Existe mão-de-obra suficiente para descarga?
  45. 45. Os objetivos da fase de recebimento de mercadorias em terminais ou armazéns são os seguintes:  Retirar a carga do veículo;  Encaminhar a carga para o local onde ficará estocada ou para o local de formação de carga na doca de embarque  Conferir a mercadoria;  Efetuar a triagem da mesma; ESQUEMA DE RECEBIMENTO DE UM VEÍCULO
  46. 46. As descargas manuais, mecanizadas ou automáticas fazem uma grande diferença na performance do seu setor de recebimento. FORMAS DE REALIZAÇÃO DE DESCARGA DE DESCARGA DO VEÍCULO  Retirar a carga do veículo;  Encaminhar a carga para o local onde ficará estocada ou para o local de formação de carga na doca de embarque  Conferir a mercadoria;  Efetuar a triagem da mesma;
  47. 47. Descargas manuais, exige planejamento: FORMAS DE REALIZAÇÃO DE DESCARGA DE DESCARGA DO VEÍCULO 1) Cada operário entra no caminhão e pega uma unidade de volume (caixa, saco, item) carregando-o até o local de recepção;
  48. 48. Descargas manuais, exige planejamento: FORMAS DE REALIZAÇÃO DE DESCARGA DE DESCARGA DO VEÍCULO 2) Forma-se uma linha de operários ligeiramente separados entre si desde o interior do veículo até o local de recepção. O primeiro operário apanha a carga e passa para o segundo e assim por diante, até que a carga seja depositada no local de recepção pelo último homem da linha.
  49. 49. Descargas mecânica é mais dinâmica e eficiente: FORMAS DE REALIZAÇÃO DE DESCARGA DE DESCARGA DO VEÍCULO  Guindastes podem retirar a carga do veículo e colocá-las no local de recepção;  Esteiras rolantes e carrinhos facilitam a movimentação das cargas para dentro do armazém;  Empilhadeiras podem tanto retirar a carga do veículo como levá-las ao local de recepção.
  50. 50. Descargas automática: FORMAS DE REALIZAÇÃO DE DESCARGA DO VEÍCULO É o método mais moderno que não utiliza mão-de-obra e lança mão de equipamentos modernos controlados por computador.
  51. 51. EXERCÍCIOS DE FIXAÇÃO
  52. 52. Marque com um “X” a única alternativa correta EXERCÍCIOS DE FIXAÇÃO 1) Um formulário usualmente utilizado na portaria de recebimento de veículos em terminais de cargas é? ( ) a) Nota Fiscal (X) b) Plano de Chegada de Veículos ( ) c) Manifesto de Carga
  53. 53. Marque com um “X” a única alternativa correta EXERCÍCIOS DE FIXAÇÃO 2) Qual é o método mais moderno de descarga de veículos? ( ) a) Mecanizada ( ) b) Manual (X) c) Automática
  54. 54. Marque com um “X” a única alternativa correta EXERCÍCIOS DE FIXAÇÃO 3) O pessoal de recebimento de mercadorias em armazéns/terminais de cargas deve (verdadeiro, V, ou falso, F) : a) (V) Verificar se o número do pedido de compra está especificado na Nota Fiscal. b) (F) Designar a doca de expedição de mercadorias c) (F) Certificar-se que existe mão-de-obra suficiente para efetuar a descarga.
  55. 55. CORREÇÃO DOS EXERCÍCIOS DE FIXAÇÃO EXERCÍCIOS DE FIXAÇÃO
  56. 56. Marque com um “X” a única alternativa correta EXERCÍCIOS DE FIXAÇÃO 1) Um formulário usualmente utilizado na portaria de recebimento de veículos em terminais de cargas é? ( ) a) Nota Fiscal (X) b) Plano de Chegada de Veículos ( ) c) Manifesto de Carga
  57. 57. Marque com um “X” a única alternativa correta EXERCÍCIOS DE FIXAÇÃO 2) Qual é o método mais moderno de descarga de veículos? ( ) a) Mecanizada ( ) b) Manual (X) c) Automática
  58. 58. Marque com um “X” a única alternativa correta EXERCÍCIOS DE FIXAÇÃO 3) O pessoal de recebimento de mercadorias em armazéns/terminais de cargas deve (verdadeiro, V, ou falso, F) : a) (V) Verificar se o número do pedido de compra está especificado na Nota Fiscal. b) (F) Designar a doca de expedição de mercadorias c) (F) Certificar-se que existe mão-de-obra suficiente para efetuar a descarga.
  59. 59. TESTES DE CONHECIMENTOS
  60. 60. ASSOCIE A PALAVRA ENIGMÁTICA COM A ALTERNATIVA CORRESPONDENTES ( ) é documento, emitido pelo Fornecedor quando da aquisição de materiais , para notificação ao fisco dos impostos.
  61. 61. ASSOCIE A PALAVRA ENIGMÁTICA COM A ALTERNATIVA CORRESPONDENTES ( ) Emissão de vendas a prazo, que parte do valor total e deve conter alguns dados adicionais, como os valores e os prazos da parcelas em que a venda a prazo for cobrada.
  62. 62. ASSOCIE A PALAVRA ENIGMÁTICA COM A ALTERNATIVA CORRESPONDENTES ( ) é um título de crédito, cuja quitação prova o pagamento, obrigação oriunda de compra de mercadorias ou de recebimento de serviços emitida pelo credor (vendedor da mercadoria) contra de vendedor ( comprador).
  63. 63. CORREÇÃO DOS TESTES DE CONHECIMENTOS
  64. 64. RECEPÇÃO DE PRODUTOS Existe documentos que antecedem o processo de recebimento, então identifique os documentos ocultos e após a identificação, coloquem de acordo com a alternativa correta. 1 Duplicata 2 Nota Fiscal 3 Fatura
  65. 65. RECEPÇÃO DE PRODUTOS Nota Fiscal, antecede o processo de recebimento: Nota Fiscal é documento, emitido pelo Fornecedor quando da aquisição de materiais , para notificação ao fisco dos impostos.
  66. 66. RECEPÇÃO DE PRODUTOS Nota Fiscal, antecede o processo de recebimento: Nota Fiscal é documento, emitido pelo Fornecedor quando da aquisição de materiais , para notificação ao fisco dos impostos.
  67. 67. RECEPÇÃO DE PRODUTOS FATURA: Em se tratando de vendas a prazo, a empresa vendedora deve emitir uma fatura, que parte do valor total da Nota ou Notas Fiscais, a qual deve conter alguns dados adicionais, como os valores e os prazos da parcelas em que a venda a prazo for cobrada, indicando-se também em que o banco a(s) duplicata(s) será(ão) cobrada(s).
  68. 68. RECEPÇÃO DE PRODUTOS FATURA: É importante salientar que a Fatura é só um informativo, não sendo considerada título hábil para cobrança.
  69. 69. RECEPÇÃO DE PRODUTOS DUPLICATA: A Duplicata é uma cópia da Fatura, em que se tratando de apenas um vencimento, daí seu nome (dupla cópia). Caso a Fatura corresponda a mais de um pagamento, serão emitidas tantas duplicatas quantos forem os vencimentos e valores parciais.
  70. 70. RECEPÇÃO DE PRODUTOS DUPLICATA: A Duplicata é um título de crédito, cuja quitação prova o pagamento, obrigação oriunda de compra de mercadorias ou de recebimento de serviços emitida pelo credor (vendedor da mercadoria) contra de vendedor ( comprador).
  71. 71. RECEPÇÃO DE PRODUTOS NOTA FISCAL FATURA: A Duplicata Tendo em vista que a Fatura é apenas um documento informativo, algumas informações a mais do contido na Nota Fiscal, muitas empresas aderem a um sistema de aglutinar tais documentos numa única peça, A Nota Fiscal Fatura fica fazendo a cobrança de todas as vendas por meio de duplicatas.
  72. 72. RECEPÇÃO DE PRODUTOS NOTA FISCAL E FATURA: Conhecidas as nuanças contábeis, é importante entendermos a utilização da Nota Fiscal no contexto de Administração de Materiais, tendo em vista, que foi mencionado, que tal documento é vital para os procedimentos de recebimento, motivo pelo qual, para efeito de entendimento, pode-se assim dividi-lo.
  73. 73. ASSOCIE A PALAVRA ENIGMÁTICA COM A ALTERNATIVA CORRESPONDENTES (NOTA FISCAL) é documento, emitido pelo Fornecedor quando da aquisição de materiais , para notificação ao fisco dos impostos.
  74. 74. ASSOCIE A PALAVRA ENIGMÁTICA COM A ALTERNATIVA CORRESPONDENTES (FATURA) Emissão de vendas a prazo, que parte do valor total e deve conter alguns dados adicionais, como os valores e os prazos da parcelas em que a venda a prazo for cobrada.
  75. 75. ASSOCIE A PALAVRA ENIGMÁTICA COM A ALTERNATIVA CORRESPONDENTES (DUPLICATA) é um título de crédito, cuja quitação prova o pagamento, obrigação oriunda de compra de mercadorias ou de recebimento de serviços emitida pelo credor (vendedor da mercadoria) contra de vendedor ( comprador).

×