A construção do espaço brasileiro 3

309 visualizações

Publicada em

Os climas no território brasileiro

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
309
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A construção do espaço brasileiro 3

  1. 1. A Construção do Espaço Brasileiro IFSP – PHG – Geografia 3º ANO
  2. 2. O conceito de massa de ar • Uma massa de ar corresponde a uma grande porção de ar da troposfera com características físicas de temperatura, umidade, densidade, etc., com elevado grau de homogeneidade. De acordo com o local onde a massa de ar tem origem, adquire diferentes designações, tais como: massa de ar tropical marítima, massa de ar tropical continental, massa de ar polar, etc.
  3. 3. A influência das correntes marítimas
  4. 4. Os climas no Brasil O território brasileiro apresenta uma relativa variedade de climas, devido ao seu território extenso (8,5 milhões de km2 ), à diversidade de formas de relevo, à altitude e dinâmica das correntes e massas de ar. Porém, essa variedade é limitada pela faixa zonal em que este território se encontra: cerca de 90% do território brasileiro localiza-se entre os trópicos de Câncer e Capricórnio, motivo pelo qual usamos o termo "país tropical". Atravessado na região norte pela Linha do Equador e ao sul pelo Trópico de Capricórnio, a maior parte do Brasil situa-se em zonas de latitudes baixas, nas quais prevalecem os climas quentes e úmidos, com temperaturas médias em torno de 20 ºC.
  5. 5. As proposta de classificação climática • Existem diversas proposta de classificações climáticas baseadas no estudo da dinâmica das massas de ar, dos elementos e dos fatores do clima. • A classificação climática de Strahler, por exemplo, pertence a uma escola climatologia chamada Dinâmica, pois ela se baseia na dinâmica geral da atmosfera, através das massas de ar.
  6. 6. A classificação de Köppen • Uma outra classificação, a de Wilhelm Köppen, estuda separadamente os elementos do clima. Ela baseia-se, predominantemente, na temperatura, nas precipitações e na distribuição dos valores destes dois elementos do clima durante as estações do ano. • Esta é uma das classificações mais utilizadas na apresentação e estudo dos climas brasileiros.
  7. 7. Porque clima tropical de “altitude” • Na região Sudeste do Brasil o relevo tem importante influência no clima. A presença de serras, como a do Mar, da Mantiqueira, do Espinhaço entre outras, com altitudes entre 500 e 1000 metros, reduz as temperaturas médias e faz aumentar a quantidade de chuvas pelo efeito orográfico.
  8. 8. Serra da Mantiqueira

×