Programa de coleta
seletiva nas
comunidades
do PEIC
Conceição Rodrigues de Lima
Março/2015
Reestruturação do
serviço de
tratamento do lixo
nas comunidades do
PEIC
Justificativa
Os moradores e direção do
PEIC em busca de soluções
imediatas de formas de
escoamento e destino
adequado par...
Objetivos
Manter a praia limpa;
Praia do Perequê
Envolver a comunidade no processo
de coleta seletiva;
Recuperar os materiais passíveis de
reciclagem;
Reduzir o volume de resíduos para
o lixão ou aterro sanitário;
Preparar a comunidade
para mudança de valores
Metodologia
Etapa 1
Planejamento
Aprendizagem da realidade local
de cada comunidade através de
um breve diagnóstico:
(conhecendo o lixo produzido (o
caminh...
Conhecendo o local;
Planejamento da parte
operacional, adaptação e
educação ambiental
Conhecendo o mercado
Etapa 2
Implantação
Divisão das tarefas (palestras,
distribuição de embalagens, aquisição
de coletores específicos.
Organização do
lixo produzido
pela
comunidade
(Marujá)
Coleta do material reciclável
(Enseada da Baleia)
Transporte do material
reciclável (Vila Rápida)
Transporte de materiais recicláveis da
comunidade Marujá pelo morador
Transporte do material reciclável
com barco do Peic
Material reciclável no pier de
Cananéia
Encaminhamento Material para
reciclagem
Material reciclável misturado
com lixo após carnaval/2011.
Lixo do Marujá sem triagem
após carnaval/2011 (Doação)
Coleta seletiva no
escritório do PEIC
Educação
Ambiental:
Mutirão de limpeza de praia
na comunidade Perequê,
tendo como público alvo os
moradores e Núcleo Bezer...
Limpeza Praia em
parceria com IPEC e
AMOIP.
Etapa 3
Manutenção
Manutenção:
• Acompanhamento e gerenciamento da coleta;
• Armazenagem e destino do material coletado;
• Levantamento da qu...
CONCLUSÃO
As comunidades que estão participando do programa
são: Núcleo Pereque; Enseada da Baleia; Marujá; Vila
R á pida;...
Antes da implantação do programa, o lixo
org â nico estava sendo enterrado.
Atualmente, algumas fam í lias vem
fazendo com...
Devido o barco do PEIC ter tido
problemas mecânicos, não foi possível dar
continuidade no transporte dos materiais
reciclá...
A comunidade Maruj á destinou o
material reciclável diretamente com
comprador via Ariri – Registro
desde junho/2011 até 20...
Desde o in í cio da temporada de
2012, a comunidade Perequê está
dando continuidade ao programa,
transportando os materiai...
BALANÇO DA COLETA SELETIVA NO PERÍODO
DE SETEMBRO/2010 A MAIO/2013:
LOCAL QUANTIDADE (KG) VALOR (R$) VALOR GASTO
Pontal Le...
• Do valor arrecadado, R$ 287,87 foi
utilizado para compra de lanche para
monitoria, aquisi ç ã o de adesivos e frete
para...
SAÍDAS (gastos)
DATA VALOR UTILIZAÇÃO
Dez/2010 R$122,73 Aquisição lanche p/
integrantes da monitoria amb.
05/02/11 R$ 130,...
BALANÇO DA COLETA SELETIVA
ANO: 2013 Resp: Conceição
LOCAL QUANTIDADE (KG) VALOR (R$) VALOR GASTO
Base
Núcleo Perequê
268,...
Balanço da coleta seletiva
2014
LOCAL QUANTIDADE
(KG)
VALOR
(R$)
VALOR
GASTO
Base 279,5 56,57
Enseada da Baleia 32,0 64,00...
• Reciclar é colaborar com o meio ambiente. Se hoje,
cada um tratar seu lixo com consci ê ncia e
responsabilidade, com cer...
Obrigada
cao.rlima@gmail.com
Conceição Rodrigues de Lima
Março/2015
Coleta seletivapeic versao_final
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Coleta seletivapeic versao_final

337 visualizações

Publicada em

Programa de coleta seletiva nas comunidades do PEIC. Trabalho de destinação adequado para o lixo produzido nas comunidades

Publicada em: Meio ambiente
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
337
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
10
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Coleta seletivapeic versao_final

  1. 1. Programa de coleta seletiva nas comunidades do PEIC Conceição Rodrigues de Lima Março/2015
  2. 2. Reestruturação do serviço de tratamento do lixo nas comunidades do PEIC
  3. 3. Justificativa Os moradores e direção do PEIC em busca de soluções imediatas de formas de escoamento e destino adequado para o lixo produzido nas comunidades.
  4. 4. Objetivos
  5. 5. Manter a praia limpa; Praia do Perequê
  6. 6. Envolver a comunidade no processo de coleta seletiva;
  7. 7. Recuperar os materiais passíveis de reciclagem;
  8. 8. Reduzir o volume de resíduos para o lixão ou aterro sanitário;
  9. 9. Preparar a comunidade para mudança de valores
  10. 10. Metodologia
  11. 11. Etapa 1 Planejamento
  12. 12. Aprendizagem da realidade local de cada comunidade através de um breve diagnóstico: (conhecendo o lixo produzido (o caminho do lixo e iniciativas já existentes);
  13. 13. Conhecendo o local;
  14. 14. Planejamento da parte operacional, adaptação e educação ambiental
  15. 15. Conhecendo o mercado
  16. 16. Etapa 2 Implantação
  17. 17. Divisão das tarefas (palestras, distribuição de embalagens, aquisição de coletores específicos.
  18. 18. Organização do lixo produzido pela comunidade (Marujá)
  19. 19. Coleta do material reciclável (Enseada da Baleia)
  20. 20. Transporte do material reciclável (Vila Rápida)
  21. 21. Transporte de materiais recicláveis da comunidade Marujá pelo morador
  22. 22. Transporte do material reciclável com barco do Peic
  23. 23. Material reciclável no pier de Cananéia
  24. 24. Encaminhamento Material para reciclagem
  25. 25. Material reciclável misturado com lixo após carnaval/2011.
  26. 26. Lixo do Marujá sem triagem após carnaval/2011 (Doação)
  27. 27. Coleta seletiva no escritório do PEIC
  28. 28. Educação Ambiental: Mutirão de limpeza de praia na comunidade Perequê, tendo como público alvo os moradores e Núcleo Bezerra de Menezes com participação de 45 pessoas;
  29. 29. Limpeza Praia em parceria com IPEC e AMOIP.
  30. 30. Etapa 3 Manutenção
  31. 31. Manutenção: • Acompanhamento e gerenciamento da coleta; • Armazenagem e destino do material coletado; • Levantamento da quantidade coletada de cada tipo de material; • Atividades contínuas de informações e sensibilização; • Divulgação dos resultados.
  32. 32. CONCLUSÃO As comunidades que estão participando do programa são: Núcleo Pereque; Enseada da Baleia; Marujá; Vila R á pida; Pontal Leste; Base do PEIC e Instituto de Pesca; Uma vez implantado o programa, as comunidades foram agraciadas com coletores de material reciclável de segunda mão em bom estado de conservação da empresa MECA; Com a implanta ç ã o do programa, a comunidade Vila R á pida teve a iniciativa de coletar o lixo trazido pelo mar;
  33. 33. Antes da implantação do programa, o lixo org â nico estava sendo enterrado. Atualmente, algumas fam í lias vem fazendo compostagem nos quintais e motivados a implantação de hortas.
  34. 34. Devido o barco do PEIC ter tido problemas mecânicos, não foi possível dar continuidade no transporte dos materiais recicláveis das comunidades. Atualmente as comunidades Enseada da Baleia, Vila Rápida e Pontal Leste vendem o alumínio esporadicamente e o restante do material é misturado com o lixo comum e encaminhado para a coleta municipal semanalmente, via Prefeitura Municipal.
  35. 35. A comunidade Maruj á destinou o material reciclável diretamente com comprador via Ariri – Registro desde junho/2011 até 2012. Atualmente vem encaminhando à coleta municipal sem separar, destinando (venda) apenas o alumínio;
  36. 36. Desde o in í cio da temporada de 2012, a comunidade Perequê está dando continuidade ao programa, transportando os materiais em seus próprios barcos. Os moradores desta comunidade vem negociando diretamente com o comercio de materiais recicl á veis e encaminhando todo material passível de reciclagem;
  37. 37. BALANÇO DA COLETA SELETIVA NO PERÍODO DE SETEMBRO/2010 A MAIO/2013: LOCAL QUANTIDADE (KG) VALOR (R$) VALOR GASTO Pontal Leste............................. Marujá...................................... Perequê................................... Vila Rápida.............................. Enseada Baleia........................ Base......................................... Outros (Limpeza Praia, resíduo obra).......................... Pilhas...................................... 298,0.......................................... 2.910,1 + 5247,0 (doação)...... 1058,2........................................ 512,0.......................................... 285,5.......................................... 981,0.......................................... 3.372,5....................................... 40,0............................................ R$ 38,22 R$ 204,16 R$ 132,65 R$ 87,85 R$ 27,80 R$ 116,46 R$ 552,45 TOTAL 14.664,3 1.159,59 TOTAL BASE OUTROS 668,91 287,73 SALDO 381,18 OBSERVAÇÃO: O valor arrecadado com a venda dos materiais recicláveis das comunidades foi entregue para as mesmas, conforme recibo em anexo.
  38. 38. • Do valor arrecadado, R$ 287,87 foi utilizado para compra de lanche para monitoria, aquisi ç ã o de adesivos e frete para transporte de coletores (essa importância foi retirada da venda de materiais da “base” e “outros”); • Foi entregue aproximadamente 40 kg de pilhas e baterias para o Programa “Papa Pilhas” do Banco Santander S/A
  39. 39. SAÍDAS (gastos) DATA VALOR UTILIZAÇÃO Dez/2010 R$122,73 Aquisição lanche p/ integrantes da monitoria amb. 05/02/11 R$ 130,00 Transporte dos coletores doados pela empresa MECA – Americana/SP 15/06/11 R$ 35,00 Aquisição de papel contact para confecção de adesivos para coletores. Mai/2013 R$ 378,00 Aquisição camisetas personalizadas p/ funcionários
  40. 40. BALANÇO DA COLETA SELETIVA ANO: 2013 Resp: Conceição LOCAL QUANTIDADE (KG) VALOR (R$) VALOR GASTO Base Núcleo Perequê 268,5 334,0 R$ 35,87 R$ 41,59 TOTAL 602,5 R$ 77,46 SALDO OBSERVAÇÃO: * O dinheiro arrecadado com a venda das materiais recicláveis foi utilizado para complementar a aquisição de camisetas p/ funcionários do PEIC e com o restante foi adquirido uma garrafa térmica e 02 (duas) peneiras p/ pia da cozinha.
  41. 41. Balanço da coleta seletiva 2014 LOCAL QUANTIDADE (KG) VALOR (R$) VALOR GASTO Base 279,5 56,57 Enseada da Baleia 32,0 64,00 Núcleo Perequê 186,5 37,05 Sítio Jacariú 371,0 58,30 TOTAL 817,0 215,92 110,30 SALDO 105,62 OBS: - Com o dinheiro arrecadado c/ a venda dos materiais recicláveis foi adquirido porta copos (R$ 22,00)
  42. 42. • Reciclar é colaborar com o meio ambiente. Se hoje, cada um tratar seu lixo com consci ê ncia e responsabilidade, com certeza, vamos deixar nosso PLANETA mais limpo para nós mesmos e para os próximos habitantes.
  43. 43. Obrigada cao.rlima@gmail.com Conceição Rodrigues de Lima Março/2015

×