Tuberculose[1]

1.875 visualizações

Publicada em

0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.875
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
66
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Tuberculose[1]

  1. 1. ACADÊMICOS<br />ÁGATHA QUIRINO<br />CONCEIÇÃO CRISTINA<br />EMMANUELLE MANZI<br />EUCIMARA CAMARGOS<br />ISABELA HUBNER<br />JULIANA DIAS<br />MARILDA ALICE<br />RAFAEL TALISON<br />
  2. 2. INTRODUÇÃO<br /> A tuberculose - chamada antigamente de "peste cinzenta", e conhecida também em português como “tísica pulmonar” ou "doença do peito" - é uma das doençasinfecciosas documentadas desde mais longa data e que continua a afligir a humanidade nos dias atuais. É causada pelo MycobacteriumTuberculosis ou Bacilo de Koch. Estima-se que a bactéria causadora tenha evoluído há 40.000 anos, a partir de outras bactérias do gênero Mycobacterium.<br /> (BRASIL, 2010)<br />
  3. 3. PREVENÇÃO E CONTROLE<br />Uma das formas de prevenção da doença é a vacinação com BCG, administrado no braço direito da criança ainda na maternidade ou centro de saúde .<br />No Brasil, a vacina BCG está indicada para crianças de 0 a 4 anos, é obrigatória para menores de um ano. A vacina diminui o aparecimento de formas mais graves da doença, como a meningite tuberculosa e a tuberculose miliar.<br />Outra forma de prevenção é através da quimioprofilaxia, que consiste no uso diário de uma medicação pelo período de seis meses a doze meses indicado para pessoas infectadas pelo bacilo, evitando assim o adoecimento. <br /> (BRASIL,2010)<br />
  4. 4. DADOS EPIDEMIOLÓGICOS<br /><ul><li>TB é a 9ª causa de internações por doenças infecciosas.
  5. 5. Média anual em torno de 90 - 95 mil casos de TB notificados.
  6. 6. 7° lugar em gastos com internação (SUS) por doenças infecciosas.
  7. 7. 4ª causa de mortalidade por doenças infecciosas.
  8. 8. O Brasil ocupa o 15º lugar entre os 22 países responsáveis por 80% do total de casos de tuberculose no mundo. Estima-se uma prevalência de 50 milhões de infectados com cerca de 111.000 casos novos e 6.000 óbitos ocorrendo anualmente.</li></ul> (BRASIL,2010)<br />
  9. 9. TRANSMISSÃO<br /> Através das gotas eliminadas no ar pela tosse, fala, e espirro de uma pessoa com tuberculose pulmonar. <br /> Obs: Ás gotículas maiores, que se depositam no chão ou sobre os objetos como pratos, copos, talheres, não oferecem perigo de transmissão da doença. <br /> (BRASIL, 2010)<br />
  10. 10. SINTOMAS<br />O sintoma mais frequente da tuberculose é a tosse, muitas vezes acompanhada de expectoração, além da tosse, podem surgir febre baixa, geralmente no final da tarde, fraqueza no corpo, perda de apetite, sudorese noturna, dores no peito, nas costas, ás vezes escarro com sangue.<br /> (BRASIL,2010)<br />
  11. 11. DIAGNÓSTICO<br />O diagnóstico é feito via análise dos sintomas e radiografia do tórax. Exames laboratoriais das secreções pulmonares e escarro do indivíduo são procedimentos confirmatórios. <br /> (BRASIL, 2010)<br />
  12. 12. TRATAMENTO<br /> O tratamento é feito à base de antibióticos, com duração de aproximadamente seis meses. É imprescindível que este não seja interrompido – fato que pode ocorrer, principalmente, devido aos efeitos colaterais, tais como enjôos, vômitos, indisposição e mal estar geral. <br /> As medicações são distribuídas gratuitamente pelo sistema de saúde, através de seus postos municipais de atendimento; seu uso incorreto ou a interrupção do tratamento sem ordem do médico leva ao aparecimento de bacilos resistentes, dificultando a cura. <br /> (BRASIL, 2010)<br />
  13. 13. BRASIL, 2010. Ministério da Saúde. Manual de recomendações para controle da tuberculose no Brasil. Disponível em: < http://portal.saude.gov.br/portal > Acesso em 27/02/2011.<br />WIKIPÉDIA.Tuberculose. 2008. Disponível em: < http://pt.wikipedia.org/wiki/Tuberculose > Acesso em 15/02/2011.<br />REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS<br />

×