PROF. CADU GEOGRAFIA – SARTRE COC
Página 1 de 7
SARTRE COC
DISCIPLINA: GEOGRAFIA
SÉRIE: 3° ANO
LISTA 3 DE REVISÃO
1. (Uerj...
PROF. CADU GEOGRAFIA – SARTRE COC
Página 2 de 7
a) à política protecionista liberal implantada em quase todos os países in...
PROF. CADU GEOGRAFIA – SARTRE COC
Página 3 de 7
4. Na década de 1980, Ronald Reagan (nos Estados Unidos) e Margareth Thatc...
PROF. CADU GEOGRAFIA – SARTRE COC
Página 4 de 7
(Eric Hobsbawm. Era dos extremos, 1995. Adaptado.)
- Os problemas econômic...
PROF. CADU GEOGRAFIA – SARTRE COC
Página 5 de 7
d) 1, 2 e 5 apenas
e) 1, 2, 3, 4 e 5
8. A Divisão Internacional do Trabalh...
PROF. CADU GEOGRAFIA – SARTRE COC
Página 6 de 7
b) A chamada “Velha Ordem” é a mesma “Ordem da Guerra Fria”, marcada exclu...
PROF. CADU GEOGRAFIA – SARTRE COC
Página 7 de 7
6. GABARITO: D
COMENTÁRIO: Todo o período posterior à Primeira Guerra é en...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

3ª lista revisão_sartre_coc_3°_INTENSIVO_geo_f1

436 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
436
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
38
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
37
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

3ª lista revisão_sartre_coc_3°_INTENSIVO_geo_f1

  1. 1. PROF. CADU GEOGRAFIA – SARTRE COC Página 1 de 7 SARTRE COC DISCIPLINA: GEOGRAFIA SÉRIE: 3° ANO LISTA 3 DE REVISÃO 1. (Uerj 2013 - Adaptado) O nível de concentração de renda em uma sociedade capitalista relaciona-se com as doutrinas econômicas que fundamentam as ações do Estado. Observe, no gráfico abaixo, a variação da participação da população que constitui o 1% mais rico na renda total nos Estados Unidos. Nos Estados Unidos, as doutrinas que predominaram na orientação das políticas públicas nos períodos de 1930 a 1980 e de 1980 a 2009 foram, respectivamente: a) liberalismo – estatismo b) estruturalismo – classicismo c) fisiocratismo – institucionalismo d) keynesianismo – neoliberalismo e) neoliberalismo – keynesianismo 2. “Na política, ele aplicou o princípio do Nunca mais. Com tantos pobres, com tantos famintos nos Estados Unidos, nunca mais o mercado como fator exclusivo de obtenção de recursos. Por isso, decidiu realizar sua política do pleno emprego. E desse modo não somente atenuou os efeitos sociais da crise como seus eventuais efeitos políticos de fascistização com base no medo massivo. O sistema de pleno emprego não modificou a raiz da sociedade, mas funcionou durante décadas. Funcionou razoavelmente bem nos Estados Unidos, funcionou na França, produziu a inclusão social de muita gente, baseou-se no bem-estar combinado com uma economia mista que teve resultados muito razoáveis [...]. Alguns Estados foram mais sistemáticos, como a França, que implantou o capitalismo dirigido, mas em geral as economias eram mistas e o Estado estava presente de um modo ou de outro.” Fonte: Entrevista do historiador Eric Hobsbawm, argentino, p. 12. Disponível em: <www.vermelho.org.br/base.asp?texto=53413>. - O texto faz referência às iniciativas do presidente norte-americano Franklin Roosevelt e remete:
  2. 2. PROF. CADU GEOGRAFIA – SARTRE COC Página 2 de 7 a) à política protecionista liberal implantada em quase todos os países industrializados em resposta ao crescimento da rivalidade internacional e à crise econômica das décadas de 1870 e 1880, quando apenas a Grã-Bretanha, na ocasião a maior potência mundial, insistiu na política de livre comércio. b) ao conjunto de medidas keynesianas tomadas na Europa e nos Estados Unidos durante as décadas de 1980 e 1990, que visavam a diminuir o papel do Estado na economia, a desregulamentar a circulação do capital financeiro e a diminuir os direitos sociais dos trabalhadores. c) ao New Deal implantado nos Estados Unidos na década de 1930, um conjunto de políticas públicas que visavam a responder à crise econômica iniciada em 1929 e que influenciou a política de bem-estar social verificável em alguns países da Europa após a Segunda Guerra Mundial. d) às medidas de recuperação da economia europeia, como o Plano Marshall, implantadas logo após a Primeira Guerra Mundial. e) a recuperação impulsionada pelo vertiginoso crescimento da economia norte-americana até a crise global de 1929, gerada pela aplicação exagerada da política do Walfare State. 3. Analise com atenção a imagem a seguir: Na imagem do início do século XX, identifica-se um modelo produtivo cuja forma de organização buscava a exploração do trabalho repetitivo, onde cada operário realiza uma atividade específica sem se deslocar pelo local de trabalho, num processo que pode ser classificado como de especialização ou de repetição. - O período em destaque na imagem e texto se referem a fase do capitalismo: a) Financeiro, onde as indústrias conseguiram se espalhar pelo mundo graças ao grande papel dos bancos e agentes financeiros, que garantiam o financiamento dessa expansão. b) Comercial, onde o modelo de acumulação primitiva, fortalecido pelo imperialismo, garantia gigantescos mercados consumidores para as jovens nações industrializadas. c) Mercantilista, caracterizado pela NOVA DIT, onde as antigas colônias se transformaram em fornecedores de mão-de-obra barata para as potências industriais europeias. d) Industrial, marcado pelo forte papel da atividade industrial como principal elemento formador da riqueza das nações. e) Financeiro Informacional, onde a indústria, juntamente com o capital intelectual dos trabalhadores se tornaram a principal vertente do desenvolvimento do sistema capitalista.
  3. 3. PROF. CADU GEOGRAFIA – SARTRE COC Página 3 de 7 4. Na década de 1980, Ronald Reagan (nos Estados Unidos) e Margareth Thatcher (no Reino Unido) levaram a cabo políticas formuladas com base nas ideias econômicas desenvolvidas em meados dos anos 1970, que defendiam transformações substanciais no capitalismo, a fim de superar a crise da década. Esse conjunto de ideias e medidas – adotado pela maioria dos países desenvolvidos no período – pode ser explicado, de modo geral, (1)...................................... e ficou conhecido como (2)............................................. Assinale a alternativa correta que preenche os espaços (1) e (2) na sequência estabelecida, com as respectivas definições. a) (1) pela intervenção direta do Estado na economia nacional, política econômica baseada na teoria do economista inglês John Keynes - (2) New Deal. b) (1) pelo aumento da produção industrial e pela participação no comércio internacional, bem como políticas de valorização da moeda por parte do Estado, com o objetivo de fortalecer a economia nacional - (2) capitalismo monopolista. c) (1) pela não intervenção do Estado na economia; ao Estado cabia apenas a gerência sobre a formação dos conglomerados e cartéis - (2) mão invisível do mercado. d) (1) pela não intervenção do Estado na economia, o que incluía deixar de defender a manutenção dos empregos, e o corte significativo de gastos públicos na área social - (2) neoliberalismo. e) (1) pela intervenção estatal na economia; para proteger o mercado interno, o governo armazenou a produção do setor agrícola, a fim de aumentar os preços no mercado interno e a elevação de taxas de importação, etc. - (2) neoliberalismo. 5. (Adaptado - Enem 2ª aplicação 2010) A América se tornara a maior força política e financeira do mundo capitalista. Havia se transformado de país devedor em país que emprestava dinheiro. Era agora uma nação credora. HUBERMAN, L. História da riqueza do homem. Rio de Janeiro: Zahar, 1962. - Em 1948, os EUA lançavam o Plano Marshall, que consistiu no empréstimo de 17 bilhões de dólares para que os países europeus reconstruíssem suas economias. Um dos resultados desse plano, para os EUA, foi: a) o aumento dos investimentos europeus em indústrias sediadas nos EUA. b) a redução da demanda dos países europeus por produtos e insumos agrícolas. c) o crescimento da influência estadunidense sobre o espaço da Europa Ocidental. d) o declínio dos empréstimos estadunidenses aos países da América Latina e da Ásia. e) a criação de organismos que visavam regulamentar todas as operações de crédito, como a OTAN. 6. Leia o texto a seguir. A história dos vinte anos após 1973 é a de um mundo que perdeu suas referências e resvalou para a instabilidade e a crise. Só no início da década de 1990 encontramos o reconhecimento de que os problemas econômicos eram de fato piores que os da década de 1930. Em muitos aspectos, isso era intrigante. Por que deveria a economia mundial ter-se tornado menos estável?
  4. 4. PROF. CADU GEOGRAFIA – SARTRE COC Página 4 de 7 (Eric Hobsbawm. Era dos extremos, 1995. Adaptado.) - Os problemas econômicos da década de 1930, citados no texto, derivaram, entre outros fatores, a) dos fortes movimentos sociais e mobilizações revolucionárias na América Latina, em especial no México, que impediram a exportação de produtos industrializados estadunidenses para a região. b) do conjunto de reformas financeiras e sociais realizadas na União Soviética após a Revolução de 1917, que fechou os mercados do bloco socialista aos países capitalistas do Ocidente. c) da ascensão do nazismo alemão e dos regimes fascistas na Itália, Espanha e Portugal, que provocaram a Segunda Guerra Mundial e paralisaram a produção industrial europeia. d) de uma ampla crise do liberalismo, que ganhou contornos mais nítidos após a Primeira Guerra Mundial e desembocou na quebra da Bolsa de Valores de Nova York, em 1929. e) do forte crescimento econômico da Alemanha na passagem do século XIX para o XX e da acirrada competição comercial e naval deste país com a Grã-Bretanha e a França. 7. Analise atentamente o diagrama seguinte: As três políticas inter-relacionadas representadas acima: 1) começaram com os mercados financeiros. 2) priorizaram os investidores estrangeiros. 3) impulsionaram uma doutrina amplamente controlado pelo Estado. 4) fortaleceram os regimes de estatismo planificado. 5) adotaram o modelo político e econômico neoliberal. - Estão corretas: a) 1 e 4 apenas b 2 e 5 apenas c) 3 e 4 apenas
  5. 5. PROF. CADU GEOGRAFIA – SARTRE COC Página 5 de 7 d) 1, 2 e 5 apenas e) 1, 2, 3, 4 e 5 8. A Divisão Internacional do Trabalho (DIT) tem um importante papel na organização das responsabilidades de cada nação e nas relações de submissão e hegemonia que existem entre os países. Sobre a evolução da DIT analise com atenção as afirmações abaixo a assinale a correta: a) A Divisão Internacional do Trabalho começou a se estruturar apenas após a Revolução Industrial, quando fica claramente evidente o papel das nações fornecedoras e consumidoras. b) A clássica Divisão Internacional do Trabalho só se desenvolve com o fim do bloco socialista e o surgimento de países imperialistas que passam a dominar o cenário econômico mundial. c) A consolidação da Divisão Internacional do Trabalho ocorre durante a fase do capitalismo industrial, ainda marcado pela presença do Imperialismo. d) A chamada DIT clássica emerge na fase do capitalismo financeiro informacional, quando as nações subdesenvolvidas e industrializadas tomam o controle da economia mundial. c) A consolidação da DIT ocorre no final do século XV, quando a Expansão Marítima define o papel das metropoles e colônias na distribuição mundial da riqueza. 9. Por várias semanas, no mês de julho de 1944, representantes de dezenas de países do mundo, ainda em guerra, reuniram-se em Bretton Woods nos Estados Unidos. Sobre a famosa Conferência de Bretton Woods podemos que a mesma serviu para: a) Antecipar o fim da II Guerra e definir o futuro da Alemanha que estava prestes a ser derrotada pelos aliados dos EUA. b) Definir uma nova organização econômica para mundo, com a adoção do dólar como moeda principal das transações internacionais, além da criação do BIRD e do FMI. c) Criar uma nova estratégia geopolítica para o mundo com a criação de alianças militares como a OTAN e o Pacto de Varsóvia. d) Definir o futuro da Europa, já via sua parte oriental dominada pelos soviéticos e a parte ocidental controlado pelos Estados Unidos. e) Estruturar um novo pacto econômico para reconstruir a Europa liderado pelos presidentes Truman (EUA) e Stalin (URSS). 10. Costuma-se definir como Ordem Mundial a hierarquia entre os Estados-nações, que acaba sendo construída a partir das relações de poder e cotidianas, tais como as relações diplomáticas, de força militar, comerciais, etc. - Sobre as Ordens Mundias que dominaram o século XX e início deste século, é correto afirmar que: a) A primeira Ordem Mundial do século XX foi marcada pela hegemonia militar e econômica da Inglaterra, e por isso foi classificada como uma “Ordem Monopolar”.
  6. 6. PROF. CADU GEOGRAFIA – SARTRE COC Página 6 de 7 b) A chamada “Velha Ordem” é a mesma “Ordem da Guerra Fria”, marcada exclusivamente pela forte influência das inúmeras nações que comandaram a Revolução Industrial do século XVIII. c) A estruturação da chamada “Nova Ordem Mundial” ocorreu graças a profundas mudanças na economia mundial, sendo hoje classificada como Monopolar. d) Como a perda da hegemonia das potências imperialistas do século XIX, a Ordem Mundial que se apresentou a partir da 2ª metada do século XX foi denominada como Multipolar. e) A Ordem Mundial vigente é marcada por elementos como o neoliberalismo e a multipolaridade, mesmo com a hegemonia militar dos EUA. RESOLUÇÃO: 1. GABARITO: D COMENTÁRIO: Como mencionado corretamente na alternativa [D], a economia estadunidense, assentada no século XIX sobre a doutrina liberal, criou um sistema produtivo cuja saturação, em razão da superprodução, culminou com a crise da bolsa de Nova Iorque em 1929, obrigando o Estado a intervir fortemente na economia para recuperá-la, iniciando, assim, a prática do sistema do “Welfare State” ou “Estado do Bem-Estar Social”, mecanismos que compunham a nova doutrina econômica denominada Keynesianismo. Na década de 1970, a crise econômica causada pelos dois choques do petróleo (1973 e 1979) expôs a duvidosa capacidade do Estado em alavancar o crescimento da economia, abrindo espaço novamente para a prática de uma doutrina – o neoliberalismo – cuja intervenção do Estado é mínima em razão da desregulamentação dos processos produtivos. Desde o final dos anos 70, principalmente desde o governo de Reagan, as práticas neoliberais se tornaram predominantes, apoiadas na ideia de Estado Mínimo. 2. GABARITO: C COMENTÁRIO: O New Deal correspondeu à política econômica aplicada pelos EUA para conter os efeitos da crise do capitalismo de 1929. Caracterizado pela intervenção do Estado na economia, influenciou a implantação da política de bem-estar social, em que o Estado regula e procura garantir saúde, proteção e serviços públicos à população. 3. GABARITO: D COMENTÁRIO: O início do século XX foi marcado pela fase do capitalismo industrial que se estendeu até a II Guerra Mundial quando inicia-se a fase do capitalsimo financeiro. 4. GABARITO: D COMENTÁRIO: Uma tendência crescente nos países desenvolvidos, liderados por EUA e Inglaterra, entre as décadas de 1970 e 1980 foi a de realizar reformas no capitalismo que incluíam a não intervenção do Estado nos assuntos econômicos. Isto teve como reflexo a redução de investimentos e manutenção de gastos públicos na área social. Na prática, alguns serviços públicos também foram privatizados. Esta forma de praticar o capitalismo ficou conhecida como Neoliberalismo, em alusão ao liberalismo clássico criado por Adam Smith no final de século XVIII. 5. GABARITO: C COMENTÁRIO: Os textos se referem ao período pós Segunda Guerra, na qual os Estados Unidos ingressaram em dezembro de 1941, enviando tropas para a Europa e para o pacífico, numa guerra contra o Japão. Apesar dos esforços de guerra, o território dos EUA não foi atingido pelo conflito. Terminada a Guerra, os Estados Unidos foram os principais financiadores da recuperação econômica dos países europeus, concedendo um vultoso empréstimo, com a condição de que os países beneficiados comprassem máquinas e tecnologia estadunidense.
  7. 7. PROF. CADU GEOGRAFIA – SARTRE COC Página 7 de 7 6. GABARITO: D COMENTÁRIO: Todo o período posterior à Primeira Guerra é entendido como a crise do liberalismo, percebido tanto pelo avanço de modelos totalitários – na URSS e principalmente modelos fascistas na Europa –, como pela crise econômica acentuada nos países de economia liberal, com pequena intervenção do Estado na economia. O autor dá ênfase ao aspecto econômico da crise que, nos anos 30, foi reflexo da superprodução, da não intervenção e que culminou com a quebra da Bolsa de Valores em 1929, com consequências sociais nefastas nos anos seguintes nos Estados Unidos e no mundo. 7. GABARITO: D COMENTÁRIO: O esquema apresenta características típicas da Doutrina Neoliberal do sistema capitalista, que foram implantadas na segunda metade do século XX tendo como caraterísticas principais a abertura de mercado, privatização e flexibilização das leis trabalhistas. 8. GABARITO: C COMENTÁRIO: A consolidação da DIT só ocorre com a Revolução Industrial e se estende até a II Guerra Mundial, ou seja, durante a fase do capitalismo industrial, como consequência da formalização dos Estados-naçoes. Na fase anterior denominada de comercial ocorreu aquilo que ficou denominado de pré-DIT, envolvendo de um lado as metrópoles e do outro as colônias. 9. GABARITO: B COMENTÁRIO: As conferências de Bretton Woods, definindo o Sistema Bretton Woods de gerenciamento econômico internacional, estabeleceram em julho de 1944 as regras para as relações comerciais e financeiras entre os países mais industrializados do mundo. O sistema Bretton Woods foi o primeiro exemplo, na história mundial, de uma ordem monetária totalmente negociada, tendo como objetivo governar as relações monetárias entre Nações-Estado independentes. 10. GABARITO: E COMENTÁRIO: A Ordem Mundial atual é classificada como multipolar, mesmo com a hegemonia militar dos EUA, pois existe uma multipolaridade econômica, exemplo disso é o desenvolvimento econômico dos BRICS, acrônimo formado pelas inicias dos países: Brasil, Rússia, Índia, China e República Sul Africana.

×