Estudo de caso: EstânciaSanta Ignez, RS – Basespara o sucesso naprodução de bezerrosLEONARDO CANELLAS & JÚLIO BARCELLOSNES...
Acesse	  nosso	  site:	  www.nespro.ufrgs.br	  Pesquisa,	  Inovação	  e	  Desenvolvimento	  Tecnológico	  http://www.ufrgs...
ContextualizaçãoDIA 0DIA 280DIA 460ConcepçãoNascimentoDesmameDIA 820 SobreanoDIA 1000280dias180dias360dias280diasCRIANovil...
ContextualizaçãoDIA 0DIA 280DIA 460ConcepçãoNascimentoDesmameDIA 820 SobreanoDIA 1000280dias180dias360dias280diasCRIANovil...
ContextualizaçãoDIA 0DIA 280DIA 460ConcepçãoNascimentoDesmameDIA 820 SobreanoDIA 1000280dias180dias360dias280diasCRIANovil...
Lucro na cria (R$/ha)Fonte: Anualpec (2012)
O	  case!	  GestãoRecursos Naturaise HumanosTecnologiasde processo
 Cria – atividade que “molda” o Bioma Pampa Relacionada com a conservação do Bioma Manutenção da viabilidade econômica...
Características da Empresa Condomínio Rural Familiar (150 anos) Estância Especializada na Cria Localização: Bagé/RS 3....
Bases da ProduçãoEficiência eTecnologia deProcessosBaixoRisco
 Base: Campo Natural Melhorias realizadas:Sistema de Pastejo: rotativoUso de roçadeira em épocas estratégicasVedação de ...
 Manejo Alimentar Manejo Reprodutivo Manejo Sanitário Gestão de ProcessosOs Alicerces da Produção
 Primeiro acasalamento 24 e/ou 18 meses Estação de monta (vacas): 90 dias Estação de monta (novilhas): 60 dias Insemin...
Estratégias utilizadasMelhoria na recria eajuste na idade deacasalamentoAntecipação da épocade desmameAjuste da carga anim...
Estratégias utilizadasAntecipação da épocade desmame
Estratégias utilizadasMelhoria na recria eajuste na idade deacasalamento
 Manejo nutricional para o acasalamento aos 24meses -1993 a 1998 Manejo nutricional para o acasalamento aos 18meses - 19...
Recria - Acasalamento 24 meses Ganho de peso: 0,250 kg/d Redução na carga animal – manejo a pasto Alta flexibilidade pa...
Recria - Acasalamento 18 meses Ganho de peso: 0,400 kg/d Redução na carga animal no primeiroinverno (180 kg/ha ou 0,4 UA...
Ciclo de recria – A18 meses
Ciclo da novilha - A18 meses3
Acasalamento 18 x 24 meses
Repetição de prenhez - 36 meses
Estratégias utilizadasCategorização dasvacas e manejoespecífico
Manejo no pré-parto Diagnóstico de gestação (abril) Formação de 3 lotes:-  Primíparas: campos diferidos e baixa carga (2...
 Primíparas- Lote único- Ficam no mesmo potreiro com baixa carga durantetodo o acasalamento Multíparas- Lote único até o...
 Um parteiro treinado:- Identifica o parto- Monitora e busca ajuda quando necessária intervenção- Cura o umbigo- Anota o ...
Estratégias utilizadasOrganização dasparições por sub-épocas (histograma)
Histograma de partosHistograma de partos (1994 a 2007)Estância Santa Ignez, Bagé/RSReinher et al., 2010
Histograma de partosHistograma de partos (1994 a 2007)Estância Santa Ignez, Bagé/RSReinher et al., 2010
93%69%Histograma de partos
Prenhez x Precipitação86%54%96%94%90%81%84%68%Repetição deprenhez86%65%95%97%87%87%76%65%Vacas Primíparas
Produtividade em kg/ha
Considerações finais  Foco nos processos assegura uma boa taxa deprenhez na cria Usando poucos insumos o risco é ameniza...
Considerações finais  A receita da vaca gorda no sistema de cria é tãoimportante quanto a venda de terneiros  Acumular c...
Estudo de caso: EstânciaSanta Ignez, RS – Basespara o sucesso naprodução de bezerrosleonardocanellas@hotmail.com
[Palestra] Leonardo Canellas - Estudo de caso Fazenda Santa Ignes, RS: 19 anos de acompanhamento de um sistema de cria - W...
[Palestra] Leonardo Canellas - Estudo de caso Fazenda Santa Ignes, RS: 19 anos de acompanhamento de um sistema de cria - W...
[Palestra] Leonardo Canellas - Estudo de caso Fazenda Santa Ignes, RS: 19 anos de acompanhamento de um sistema de cria - W...
[Palestra] Leonardo Canellas - Estudo de caso Fazenda Santa Ignes, RS: 19 anos de acompanhamento de um sistema de cria - W...
[Palestra] Leonardo Canellas - Estudo de caso Fazenda Santa Ignes, RS: 19 anos de acompanhamento de um sistema de cria - W...
[Palestra] Leonardo Canellas - Estudo de caso Fazenda Santa Ignes, RS: 19 anos de acompanhamento de um sistema de cria - W...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

[Palestra] Leonardo Canellas - Estudo de caso Fazenda Santa Ignes, RS: 19 anos de acompanhamento de um sistema de cria - Wbeef Estudos de caso sobre Pecuária de Cria - Junho/2013

519 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
519
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
58
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
11
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

[Palestra] Leonardo Canellas - Estudo de caso Fazenda Santa Ignes, RS: 19 anos de acompanhamento de um sistema de cria - Wbeef Estudos de caso sobre Pecuária de Cria - Junho/2013

  1. 1. Estudo de caso: EstânciaSanta Ignez, RS – Basespara o sucesso naprodução de bezerrosLEONARDO CANELLAS & JÚLIO BARCELLOSNESPRO/UFRGS
  2. 2. Acesse  nosso  site:  www.nespro.ufrgs.br  Pesquisa,  Inovação  e  Desenvolvimento  Tecnológico  http://www.ufrgs.br/nespro/jornada/
  3. 3. ContextualizaçãoDIA 0DIA 280DIA 460ConcepçãoNascimentoDesmameDIA 820 SobreanoDIA 1000280dias180dias360dias280diasCRIANovilhoDois anos
  4. 4. ContextualizaçãoDIA 0DIA 280DIA 460ConcepçãoNascimentoDesmameDIA 820 SobreanoDIA 1000280dias180dias360dias280diasCRIANovilhoDois anosRECRIA
  5. 5. ContextualizaçãoDIA 0DIA 280DIA 460ConcepçãoNascimentoDesmameDIA 820 SobreanoDIA 1000280dias180dias360dias280diasCRIANovilhoDois anosRECRIAENGORDA
  6. 6. Lucro na cria (R$/ha)Fonte: Anualpec (2012)
  7. 7. O  case!  GestãoRecursos Naturaise HumanosTecnologiasde processo
  8. 8.  Cria – atividade que “molda” o Bioma Pampa Relacionada com a conservação do Bioma Manutenção da viabilidade econômica Legado – Base econômica e histórica
  9. 9. Características da Empresa Condomínio Rural Familiar (150 anos) Estância Especializada na Cria Localização: Bagé/RS 3.600 ha (95% Pecuária; 5% Arroz) Raça: Hereford e Polled Hereford Produção de bezerros para outras unidadesde produção Venda de vacas de descarte gordas dentroda unidade de cria
  10. 10. Bases da ProduçãoEficiência eTecnologia deProcessosBaixoRisco
  11. 11.  Base: Campo Natural Melhorias realizadas:Sistema de Pastejo: rotativoUso de roçadeira em épocas estratégicasVedação de potreiros - diferimentoO Sistema de Produção
  12. 12.  Manejo Alimentar Manejo Reprodutivo Manejo Sanitário Gestão de ProcessosOs Alicerces da Produção
  13. 13.  Primeiro acasalamento 24 e/ou 18 meses Estação de monta (vacas): 90 dias Estação de monta (novilhas): 60 dias Inseminação Artificial nas novilhas Monta natural demais categorias Idade à desmama: 5 a 7 meses Peso à desmama: 160 kg em média Venda vacas gordas dentro do ano (470 kg)Parâmetros técnicos de base
  14. 14. Estratégias utilizadasMelhoria na recria eajuste na idade deacasalamentoAntecipação da épocade desmameAjuste da carga animal conforme a categoria e épocaCategorização dasvacas e manejoespecíficoOrganização dasparições por sub-épocas (histograma)Acúmulo de condição corporal na vaca
  15. 15. Estratégias utilizadasAntecipação da épocade desmame
  16. 16. Estratégias utilizadasMelhoria na recria eajuste na idade deacasalamento
  17. 17.  Manejo nutricional para o acasalamento aos 24meses -1993 a 1998 Manejo nutricional para o acasalamento aos 18meses - 1998 a 2010 Peso vivo e condição corporal300-310 kg e ECC 4 (escala de 1 a 5)Recria das fêmeas
  18. 18. Recria - Acasalamento 24 meses Ganho de peso: 0,250 kg/d Redução na carga animal – manejo a pasto Alta flexibilidade para ganhar peso Cuidados sanitários - verminose
  19. 19. Recria - Acasalamento 18 meses Ganho de peso: 0,400 kg/d Redução na carga animal no primeiroinverno (180 kg/ha ou 0,4 UA/ha) Suplementação protéica no primeiroinverno (300 gramas de proteína)
  20. 20. Ciclo de recria – A18 meses
  21. 21. Ciclo da novilha - A18 meses3
  22. 22. Acasalamento 18 x 24 meses
  23. 23. Repetição de prenhez - 36 meses
  24. 24. Estratégias utilizadasCategorização dasvacas e manejoespecífico
  25. 25. Manejo no pré-parto Diagnóstico de gestação (abril) Formação de 3 lotes:-  Primíparas: campos diferidos e baixa carga (250 kg PV/ha)-  Secundíparas: campo nativo e média carga (350 kg PV/ha)-  Vacas adultas: campo diferido durante o verão e alta carga(até 2000 kg PV/ha) por 3 meses
  26. 26.  Primíparas- Lote único- Ficam no mesmo potreiro com baixa carga durantetodo o acasalamento Multíparas- Lote único até o parto- Formação de lotes com até 150 vacas paridas- Facilidade no deslocamento do gado- Desmame por idade do terneiro – lotes homogêneosManejo da parição
  27. 27.  Um parteiro treinado:- Identifica o parto- Monitora e busca ajuda quando necessária intervenção- Cura o umbigo- Anota o número diário de nascimentos- Dados servem como base para a construção dohistograma de partosManejo da parição
  28. 28. Estratégias utilizadasOrganização dasparições por sub-épocas (histograma)
  29. 29. Histograma de partosHistograma de partos (1994 a 2007)Estância Santa Ignez, Bagé/RSReinher et al., 2010
  30. 30. Histograma de partosHistograma de partos (1994 a 2007)Estância Santa Ignez, Bagé/RSReinher et al., 2010
  31. 31. 93%69%Histograma de partos
  32. 32. Prenhez x Precipitação86%54%96%94%90%81%84%68%Repetição deprenhez86%65%95%97%87%87%76%65%Vacas Primíparas
  33. 33. Produtividade em kg/ha
  34. 34. Considerações finais  Foco nos processos assegura uma boa taxa deprenhez na cria Usando poucos insumos o risco é amenizado, porém aprodução é limitada  Dependência dos recursos naturais torna o sistemavulnerável a eventos climáticos extremos
  35. 35. Considerações finais  A receita da vaca gorda no sistema de cria é tãoimportante quanto a venda de terneiros  Acumular condição corporal em uma vaca é ummanejo para 2-3 anos; Perder esta condição é questãode 2-3 meses  Quando se trabalha com limitação de insumos, ademanda intelectual é muito grande e a necessidade derecursos humanos treinados é essencial
  36. 36. Estudo de caso: EstânciaSanta Ignez, RS – Basespara o sucesso naprodução de bezerrosleonardocanellas@hotmail.com

×