Soja plusmg fitotecniaapresentacao2014

352 visualizações

Publicada em

Apresentação sobre a cadeia de soja. Projeto SojaPlusMG. Equipe AgroPlus. Prof. Aziz Galvão da Silva Júnior

Publicada em: Meio ambiente
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
352
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
8
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Soja plusmg fitotecniaapresentacao2014

  1. 1. SojaPlus e a UFV Prof. Aziz Galvão da Silva Júnior AgroPlus, Projeto Salsa-Comissão Européia Depto. Economia Rural Universidade Federal de Viçosa Depto. Fitotecnia – UFV 15/05/2014
  2. 2. Conteúdo • Justificativa – Importância da cadeia de produção de soja – Sustentabilidade • Histórico – Soja no Cerrado • Proposta – SojaPlus em Minas Gerais – Contribuição da UFV • Agroplus
  3. 3. Volume / Valor Fonte: FaoStat, 2012
  4. 4. Volume / Valor Fonte: FaoStat, 2012
  5. 5. Principais Países Produtores Fonte: FaoStat, 2012 81,6 (2013)
  6. 6. Principais Países Produtores Fonte: FaoStat, 2012 81,6 (2013)
  7. 7. Importância para Brasil • É a principal cadeia do agronegócio (volume e renda) • > 216 mil produtores (pequenos, médios e grandes), em 16 estados. • 1,5 milhão de empregos diretos e indiretos. • 1,5% do PIB do Brasil. • 11% da exportações totais. • Imprescindível para as cadeias de produção – Carne (suinos, aves, bovino) – Biodiesel – Alimentação (óleo vegetal, produtos alimentícios) – Indústria química Fonte: Abiove
  8. 8. Distribuição da Produção Fonte: SIDRA/IBGE, 2012
  9. 9. Produção por Estado (mil toneladas / porcentagem) MT; 21.841 ; 33% PR; 10.938 ; 16% GO; 8.399 ; 13% RS; 5.945 ; 9% MS; 4.594 ; 7% BA; 3.213 ; 5% MG; 3.073 ; 5% outros; 7.845 ; 12% Fonte: SIDRA/IBGE, 2012
  10. 10. Fluxo de Produção (milhões toneladas) Grâos 81,6 Proces- samento 37,2 Farelo 28,3 Exporta- ção 39,0 Óleo 7,1 Exportação 14,2 Interno 14,0 Interno 5,5 Export 1,6 BioD 2,0 Fonte: Abiove
  11. 11. Exportação Fonte: Abiove
  12. 12. Indústrias Óleos Vegetais Fonte: ABIOVE
  13. 13. Abiove
  14. 14. Sustentabilidade • Interrelação economia x ecologia – Oikos = household • Ecology = nature housekeeping • Economy = human housekeeping – Qualquer atividade econômica afeta, direta ou indiretamente, o meio ambiente • Balanço de massa
  15. 15. Meio Ambiente Empresas “ambientais” Agricultura, mineração, .. Empresas “não ambientais) Fábricas, transportes, ... Consumidor Final RN P0 P1 E3 R3 R2 E2 E1 P2 R1 RN = recursos naturais E = emissões P = produtos R = Reciclagem
  16. 16. Sustentabilidade • “o desenvolvimento que satisfaz as necessidades presentes, sem comprometer a capacidade das gerações futuras de suprir suas próprias necessidades.” • Relatório Brundland. Ecológico economicosocial Suportável viável SUSTENTÁVEL eqüita- tivo
  17. 17. Sustentabilidade Soja • Econômica: – Complexo soja: US$ 30 bilhôes ( 5% PIB, 25% Exportações) • Social: – Empregos: 900 mil diretos (complexo carne 3,5 milhões) – Impacto direto no aumento do IDH
  18. 18. Sustentabilidade • Ambiental – Plantio direto – Inoculação sementes – Controle biológico de pragas – Moratória da soja – iLPF (integração lavoura pecuária floresta) – Legislação
  19. 19. Ocupação do Cerrado • Revolução Verde (anos 60 e 70) – Pesquisa e transferência de tecnologia agrícola • Melhoramento genético • Pacote tecnológico (fertilizantes, defensivos, máquinas, irrigação) • Brasil: Anos 70´s: Industrialização • Papel da agricultura – Geração de receitas (exportação) – Substituição de importações – Mercado de Máquinas e implementos – Liberação de mão de obra (migração campo > cidade)
  20. 20. 2,2 milhões ha 22% Brasil
  21. 21. Avanços Tecnológicos • ... Revolução verde • Correção acidez do solo • Tropicalização da soja (origem asiática) • Anos 60 (IAC – São Paulo, IAS – Rio Grande do Sul) • UFV – Anos 60 parceria com Univ. Purdue (Faz. Capinópolis) – 1969 lançamento da variedade VISOJA – Inicio 1970: UFV-1, .... – Anos 80 Fazenda Itamaraty, MS – Prof. Tuneo Sedyama • Embrapa
  22. 22. Programas • PADAP – Programa de Assentamento Dirigido do Alto Paranaíba • PRODECER I, II e III – Programa de Cooperação Nipo-Brasileira para o Desenvolvimento dos Cerrados • POLOCENTRO – Programa de Desenvolvimento do Cerrado
  23. 23. PADAP • 1973, Viabilizado pela Cooperativa Cotia • Desapropriação 60.000 ha (Rio Paranaíba, Campos Altos, São Gotardo, Ibiá) • Inicialmente 95 lotes (colonos paranaenses de origem japonesa) • Inicialmente crédito PCI (programa crédito integrado) • Apoio Cotia – Crédito – Assistência técnica
  24. 24. PRODECER I, II e III • 1973, Frustração safra grãos (Japão gde importador) • 1974, Acordo Brasil – Japão – PRODECER I, 1975 = MG – PRODECER II, 1987 + GO, MS e BA – PRODECER III, 1995 + MA e TO • 1978, Companhia de Promoção Agrícola – Campo – 21 projetos de colonização – 758 famílias – 334 mil ha
  25. 25. POLOCENTRO • 1975, meta incorporar 3,7 milhões ha. • 202 municípios • Áreas descontínuas em Minas Gerais, Mato Grosso/Mato Grosso do sul e Goias • Linha de crédito, pesquisa, assistència técnica,. reflorestamento, crédito rural, financiamento de patrulhas motomecanizadas, • + ampliaçao da infra-estrutura de apoio (transportes, energia e armazenamento).
  26. 26. Soja em MG
  27. 27. Municípios MG BR LOCALIZAÇÃO PROD. (t) % MG ÁREA (ha)(kg/ha) 1 40 Unaí 316.800 10,3% 110.000 2880 2 47 Uberaba 270.600 8,8% 82.000 3300 3 59 Paracatu 224.640 7,3% 78.000 2880 4 65 Buritis 208.080 6,8% 68.000 3060 5 88 Uberlândia 152.640 5,0% 48.000 3180 6 94 Guarda-Mor 144.000 4,7% 50.000 2880 7 111 Coromandel 123.120 4,0% 38.000 3240 8 112 Monte Alegre de Minas 123.000 4,0% 41.000 3000 9 178 Conceição das Alagoas 75.000 2,4% 25.000 3000 10 187 Formoso 72.000 2,3% 24.000 3000 11 191 Capinópolis 71.760 2,3% 23.000 3120
  28. 28. Soja Plus e a UFV • Importância do Estado • Parceria com UFV – Depto. Engenharia Florestal – Depto. Economia Rural – Depto. Engenharia Ágrícola
  29. 29. SojaPlus/AgroPlus • Reuniões/Eventos – Palestra Viçosa, 5/2012 …> Palestra Rio Paranaíba – Reunião Diretoria Abiove, 10/2012 – Conferência Campo Grande, 4/2013 – Reunião FAEMG, 3/2014 ! • SojaPlus + UFV (Campus Viçosa e Rio Paranaíba) • Envolvimento FAEMG, SEBRAE
  30. 30. Proposta SojaPlus e a UFV • Contribuição (inovação SojaPlus MG) – Pesquisa … – FORMAÇÃO DE PROFISSIONAIS – Complementar conhecimento nas áreas • Sustentabilidade • Gestão do Agronegócio – Programa de estágios • “modelo” PDPL (Programa de Desenvolvimento da Pecuária Leiteira – UFV-Nestle, Itambé)
  31. 31. Projeto Salsa • Comissão Europeia (7th Framework Programme) • O objetivo – enfrentar os “eco-desafios” dos países da América Latina nas cadeias de gado de corte e soja • Desmatamento • Emissão de CO2 • Redução da biodiversidade • Poluição da água-ar-solo • Segurança alimentar • 12 organizações de 10 países
  32. 32. AgroPlus • Grupo de ensino, pesquisa e extensão na UFV • Missão: – Auxiliar as empresas do agronegócio a alcançar seus objetivos econômicos e seus compromissos socio- ambientais • Equipe: – Coordenadores: DER, Inifap-Mexico, DEA – Estudantes: Agronomia, Zootecnia, Veterinário, Eng. Florestal, Eng. Agrícola e Ambiental, Gestão Agronegócio, Economia e História – Membros externos: ! • Projetos: Salsa, PlanoFamasul, PlanoCoimbra, SAFA, BiogasFert (Itaipu), BiodieselFAO
  33. 33. Modelo (UFV) • 2014 – Capacitação teórica (40 estudantes: 20 Rio Paranaíba, 20 Viçosa) – Participação/apoio palestras, cursos e treinamento – Seleção estagiários (20 estudantes) – Intensificação capacitação – … pesquisa e extensão • 2015 – Estágio propriedades rurais – Estágio (curto) indústria – Acompanhamento técnico nas propriedades rurais – -… pesquisa e extensão
  34. 34. Resultados esperados • Contribuição efetiva da UFV ao SojaPlus – = aprimoramento da gestão sustentável das empresas rurais envolvidas • Capacitação de profissionais (sustentabilidade da cadeia de soja) – Curto prazo (estagiários envolvidos) – Médio prazo (profissionais formados contribuindo para as empresas rurais e agroindustrias – Longo prazo (decisores em empresas e serviço público)
  35. 35. OBRIGADO PELA ATENÇÃO !

×