Sacristã e Gomez aula 9

2.022 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.022
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
65
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Sacristã e Gomez aula 9

  1. 1. Compreender e Transformar o Ensino Sacristán e Pérez Gómez
  2. 2. Funções Sociais da escola A educação cumpre a função de socialização: incorporação no mundo do trabalho e intervenção na vida pública (cidadania)  Segundo os autores, o processo de socialização é uma reprodução da arbitrariedade cultural dominante.
  3. 3. Mecanismos de socialização       Seleção e organização do currículo (o que se escolhe e omite da cultura pública); Organização das tarefas e participação dos alunos; Espaço e tempo; Estratégias e classificação Recompensas e competitividade; Clima: individualismo e competitividade
  4. 4. O correto:  Preparar alunos para pensar criticamente e agir democraticamente;
  5. 5. Teorias de Aprendizagem 1. Teorias Associativas e de Condicionamento “Aprendizagem é um processo cego e mecânico de associação de estímulos e respostas (E-R)” Pavlov e Skinner
  6. 6. 2. Teorias Mediacionais Fenomenológica Genético-Cognitiva Genético-Dialética “Aprendizagem é um “A aprendizagem “A aprendizagem está processo de doação de provoca modificações em função da sentido e significado às e transformações das comunicação e do situações em que o estruturas iniciais que, desenvolvimento indivíduo se encontra” uma vez modificadas, (informação e contato)” permite a realização de novas aprendizagens Ênfase na motivação, ZDP de maior riqueza e na aprendizagem Afetividade complexidade” desejada, na contextualização Kohler e Rogers Desiquilibrio Cognitivo e aprendizagem significativa Piaget e Ausubel Vygotsky Wallon
  7. 7. 3. Teoria do processamento de informação  Nova (1958). Considera o homem como um processador de informação (homem X máquina)
  8. 8. Currículo Currículo Manifesto: programas oficiais e o que o professor realmente ensinam; Currículo Oculto: Experiências que os alunos aprendem (valores); Currículo Real: manifesto e oculto
  9. 9. Currículo     O estudo do currículo deve servir para oferecer uma visão da cultura que se dá na escola, em sua dimensão oculta e manifesta; Trata-se de um projeto selecionado de acordo com as forças dominantes, mas não somente para reproduzir, mas para incidir na sociedade; É um campo onde ideias e práticas interagem; Projeto cultural elaborado, flexível para que o professor intervenha nele.
  10. 10. Ensino Obrigatório X Currículo Comum Favorável Desfavorável Que conteúdos seriam priorizados? (polêmica) Diversidade de valores e pluralidade cultural; Abordagem superficial Limitar a autonomia dos professores.
  11. 11. Diversidade X Currículo Comum “Para que o sonho de igualdade não continue um sonho” Obrigatoriedade + Currículo Comum + Escola Única – igualdade de serviço?
  12. 12. Conteúdos  Mundo do trabalho;  Sociedade do conhecimento;  Globalização – interdisciplinaridade X especificidades  Pedagogia do invisível – valores  Ideologia – reflexão crítica. Expressa o referencial das políticas educacionais (mundo do trabalho e vida cidadã)
  13. 13. Plano do Currículo  1. 2. 3. 4. 5. 6. 7. 8. 9. Critérios: Artes e literatura; Meio ambiente; Raciocínio matemático; Estudos sociais, cívicos e de valores; Saúde; Tecnologia; Comunicação verbal e não-verbal; Raciocínio moral; Mundo do trabalho

×