Unidade 1ºperiodo

533 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
533
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
254
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Unidade 1ºperiodo

  1. 1. AGRUPAMENTO DE ESCOLAS PADRE JOÃO COELHO CABANITA ESCOLA EB PROF. MANUEL MARTINS ALVES Unidade de Apoio Especializado para a Educação de Alunos com Multideficiência e Surdocegueira Congénita 2014/15
  2. 2. • A Unidade de Apoio Especializado para a Educação de Alunos com Multideficiência e Surdocegueira Congénita da Escola EB Prof. Manuel Martins Alves, oferece uma resposta educativa diferenciada, apoiando a educação dos alunos com multideficiência que frequentam e/ou irão frequentar o 1º Ciclo do Ensino Básico.
  3. 3. Eu sou o AFONSO e vou mostrar a Unidade...
  4. 4. • Consideram-se alunos com multideficiência os que apresentam acentuadas limitações no domínio cognitivo, associadas a limitações acentuadas no domínio motor e/ou no domínio sensorial (visão ou audição) e que podem ainda necessitar de cuidados de saúde específicos. Estas limitações dificultam a interacção natural com o ambiente, colocando em grave risco o desenvolvimento e o acesso à aprendizagem.
  5. 5. • Consideram-se alunos com surdocegueira congénita os que apresentam combinações de acentuadas limitações na audição e na visão que causam dificuldades únicas, nomeadamente em termos da comunicação, com implicações a nível da compreensão do mundo em seu redor e da interacção com os outros e com o ambiente físico. Estas limitações têm graves implicações no seu desenvolvimento. Podem ter ou não associadas acentuadas limitações noutros domínios.
  6. 6. Dia 15 de setembro O primeiro dia...
  7. 7. • A combinação de situações que pode conduzir à problemática da multideficiência é muito diversa, podendo causar problemas muito complicados, os quais não podem ser integrados em programas educativos específicos para apenas uma das deficiências que apresentam.
  8. 8. 1 de outubro de 2014 As primeiras mudanças...
  9. 9. Trabalho individual Local onde realizo tarefas que exigem maior concentração – sempre no período da manhã
  10. 10. Quadro Tenho um quadro para dar asas à minha criatividade... Também adoro apagar.
  11. 11. Lanche O meu lanche começou a ser estruturado – com local e identificação... Mas... Nem sempre me apetece lanchar.
  12. 12. Loja Acho que o meu professor se passou... Diz que vamos fazer aqui uma loja... Enfim...
  13. 13. Vestuário E aqui... Um pronto a vestir... Confesso que às vezes acho que ele não bate bem...
  14. 14. Dias da semana e tempo Geralmente começo por aqui... Dias da semana e tempo...
  15. 15. Calendário Comecei a trabalhar com um calendário... Com as minhas actividades diárias.
  16. 16. Pára-quedas O meu professor trouxe um pára-quedas... Trabalhámos as cores... A comunicação e a motricidade... Mas eu gosto mesmo é de me deitar.
  17. 17. Livros e jogos Criámos um espaço com livros e jogos...
  18. 18. AVD Comecei a trabalhar as actividades da vida diária... O professor obrigava-me a puxar o autoclismo... Esquecia sempre.
  19. 19. Relaxamento O meu espaço preferido... Deitar e relaxar no cantinho psicomotor.
  20. 20. Psicomotricidade Começámos com perícias e manipulações... Deslocamentos e equilíbrios.
  21. 21. Pintura A minha primeira pintura... Experimentei pincel... Mãos e pés...
  22. 22. Emoções A minha cara triste... E contente.
  23. 23. 6 de novembro Mais mudanças... Mais pessoas...
  24. 24. Loja A loja sempre aconteceu... Arranjaram-se embalagens e produtos... Até se vê a balança que o meu professor “palmou”... Ai se a professora Isilda sabe!
  25. 25. Vestuário O pronto a vestir já existe... Tenho peças diversas... Mas... Ainda me falta alguma roupa interior feminina.
  26. 26. Lavatório Aqui lavam-se as mãos... Pincéis... Copos e outras coisas.
  27. 27. Fisioterapia Chegou finalmente a fisioterapeuta... Uma velha conhecida... De quem gosto muito.
  28. 28. Professor Eu e o meu professor...
  29. 29. Óculos Não gosto de usar os meus óculos... Mas roubei os da fisioterapeuta.
  30. 30. Musicoterapia Adoro música... Sobretudo... Daquela a rasgar.
  31. 31. Dona Irene Esta é a Dona Irene... Está comigo desde o início.
  32. 32. Mudanças Comecei a lavar os dentes na escola e fizeram-se algumas mudanças na sala – os alunos da EB 2.3 ajudaram.
  33. 33. Cama elástica A primeira vez que experimentei... Fui de gatas e obrigado...
  34. 34. Psicóloga Chegou a psicóloga... Chama-se Cláudia.
  35. 35. A minha turma Esta é a minha turma... A minha professora chama-se Ana Teresa.
  36. 36. São Martinho Comi castanhas e estive com os meus colegas!
  37. 37. A trabalhar Sempre atento e concentrado...
  38. 38. Expressão Físico-Motora Participei numa aula de expressão físico-motora
  39. 39. Pintura Adoro pintar... Com as mãos.
  40. 40. Terapeuta da fala Chegou a terapeuta da fala... Chama-se Marta.
  41. 41. Outros momentos... Gosto muito da minha escola!
  42. 42. • A combinação de situações que pode conduzir à problemática da multideficiência é muito diversa, podendo causar problemas muito complicados, os quais não podem ser integrados em programas educativos específicos para apenas uma das deficiências que apresentam.
  43. 43. • De acordo com Nunes (2005) são crianças/jovens que apresentam "necessidades educativas especiais de alta intensidade e baixa frequência, decorrentes de acentuadas limitações cognitivas associadas, a limitações nos domínios motor ou sensorial”.
  44. 44. • As experiências de vida destas crianças e jovens são condicionadas pelas suas limitações motoras, cognitivas, linguísticas e sensoriais – as quais prejudicam o seu desenvolvimento/aprendizagem e condicionam as interacções com o meio.
  45. 45. • Desta forma, necessitam de apoio constante de outras pessoas para poderem participar nas actividades da vida diária, como: a alimentação, a higiene, a mobilidade, entre outros...
  46. 46. • As suas características resultam da combinação das suas limitações, da idade em que estas surgiram e das experiências de vida – tornando-as numa população bastante heterogénea e específica.
  47. 47. BOM NATAL FELIZ 2015 Unidade de Apoio Especializado para a Educação de Alunos com Multideficiência e Surdocegueira Congénita

×