Ecologia

2.330 visualizações

Publicada em

Aula de ecologia dada no pre vestibular do Colégio e Curso CEJAN

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.330
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
82
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Ecologia

  1. 1. ECOLOGIA ANDREY CARVALHO
  2. 2. *Estudo dos ecossistemas, buscando a compreensão das interações entre os seres vivos e o ambiente e quais as suas consequências. *Ecossistema é conjunto formado por seres vivos em uma determinada área e pelas interações que estabelecem entre si. Pode ser dividido em componentes abióticos- constituem o ambiente ou o meio físico-químico.; e componentes bióticos- organismos e interações que estabelecem entre si. Biótipo (território onde vive uma comunidade), Comunidade (é o conjunto de seres vivos de um ecossistema), Espécie (é o conjunto de todos os seres vivos semelhantes que cruzam entre si originando descendente fértil) e População (conjunto de seres vivos da mesma espécie que vivem numa determinada área e num determinado local) são partes organizacionais de um ecossistema. *Fatores abióticos: Temperatura, luz, salinidade, água, solo. *Fatores bióticos: Interação intraespecífica (relação/interação de seres vivos da mesma espécies, podendo ser positiva ou negativa); Interação interespecífica (interação/interação de seres vivos de espécies diferentes), podendo ser positiva ou negativa.
  3. 3. *Cooperação- Muito benéfico para os seres vivos, baseada em parentesco, podendo formar colônias ou sociedade. *Colônias: Agrupamentos de seres vivos da mesma espécie que cooperam entre si sem estabelecer hierarquia. Sociedade: Agrupamentos de seres vivos da mesma espécie que cooperam entre si estabelecendo hierarquias. *Competição: Disputa entre seres vivos por um mesmo objetivo (alimento, território), onde pelo menos um animal sairá prejudicado (canibalismo é um caso especial de relação intraespecífica, onde um ser vivo alimenta-se de outro da mesma espécie). *Predação: Relação de benefício para um dos seres vivos (Predador) e outro prejudicado (presa). *Comensalismo: Relação em que um dos seres vivos é beneficiado e o outro não é afetado (ex: Rêmora + tubarão). *Amensalismo/antibiose: Interação desarmônica na qual uma população secreta substâncias que inibem o crescimento e desenvolvimento de outras espécies (ex: fungos que produzem antibióticos contra bactérias (Penicillium))
  4. 4. *Mutualismo: Relação em que ambos os seres vivos se beneficiam e são largamente dependentes um do outro, embora possam sobreviver de forma independente (ex: Aves que catam parasitas na pele de bois). *Simbiose: Associação obrigatória e indissociável, as espécies só sobrevivem se permanecerem ligadas (ex: Protozoários no sistema digestório de ruminantes). *Parasitismo: Associação na qual existe uma unilateralidade de benefícios, surgindo um parasita e um hospedeiro (ex:Piolho). *Natalidade, mortalidade, imigração e emigração podem influenciar no equilíbrio dos ecossistemas.
  5. 5. *Cadeia/teia alimentar: Relação de alimentação de seres vivos em um ecossistema, onde a transferência de energia segue no sentido produtor-consumidor-decompositor. *Produtor: Seres que fabricam seu próprio alimento através da fotossíntese (ex: Fitoplâncton, algas e plantas). *Consumidor: Animais que obtém suas energias e alimentos comendo plantas e outros animais, pois não realizam a fotossíntese, sendo incapazes de fabricarem seus próprios alimentos. *Decompositor: Organismos que se alimentam de matéria morta e excrementos, provenientes de outros níveis tróficos, transformando produtos orgânicos e inorgânicos em minerais de forma que eles possam ser utilizados novamente pelos produtores.
  6. 6. *Pirâmide de biomassa: Corresponde a matéria orgânica de cada nível trófico. *Pirâmide de energia: Energia contida na biomassa de cada nível trófico. *Pirâmide de números: Largura de cada nível trófico determinada pelo número de cada representante da espécie naquela cadeia alimentar.
  7. 7. *Produtividade de um ecossistema: Relacionada diretamente com o consumo e a disponibilidade de dióxido de carbono (CO2) no meio, pois o mesmo é o que movimenta o processo de absorção das plantas. A absorção ocorre nos estômatos (poros regulados pela intensidade de luz e pelo regime hídrico). *Fotossíntese: Processo físico-químico de nível celular, realizado pelos seres clorofilados, utilizando dióxido de carbono e água para a obtenção de glicose através da energia e da luz (12H2O + 6CO2 → 602 + 6H2O + C6H12O6). Processo de anabolismo (processo metabólico no qual um organismo transforma e incorpora material nutritivo), formando ATP em seu catabolismo (processamento de matéria orgânica para fins de obtenção de energia), dividida em fase clara e fase escura, oposto da Respiração Celular (processo que consiste na extração de energia química acumulada nas moléculas de substâncias orgânicas, através da oxidação, liberando CO2).
  8. 8. *Produtividade Primária Bruta (PPB): Taxa global de fotossíntese, incluindo a matéria orgânica usada na respiração, também é chamada de Fotossíntese Total. *Produtividade Primária Líquida (PPL): Taxa de armazenamento de matéria orgânica nos tecidos das plantas. É a energia que os produtores armazenam menos a que eles gastam na respiração. OBS: No meio marinho, a PPL é maior que no meio terrestre, pois os fitoplânctons e algas têm crescimento acelerado e acumulam pouca matéria orgânica em seus corpos. O Inverso ocorre nas florestas, onde as árvores crescem lentamente e acumulam muita matéria em seus troncos. *Produtividade Secundária Líquida (PSL): É a energia que o consumidor primário conseguiu retirar dos produtores (PPL) menos a que ele gastou no metabolismo.
  9. 9. *Ciclos Biogeoquímicos: Troca de materiais entre os componentes bióticos e abióticos, movimento cíclico dos elementos químicos no meio físico para o meio biótico e para o meio físico, classificados em micro, meso e macronutrientes de acordo com as quantidades requeridas pelos nutrientes. OS nutrientes são encontrados nas rochas e o intemperismo físico, químico e biológico age fazendo com que os íons dissolvidos sejam absorvidos pelos seres autotróficos.
  10. 10. *Ciclo da água: Encontrada em três estados, maior parte (98%) em forma líquida. Evaporação, calefação, ebulição e transpiração dos seres vivos levam a água em forma gasosa para a atmosfera, onde é resfriada, transformando-se em chuva, ou ainda, se resfriada excessivamente poderá ainda na atmosfera transforma-se em estado sólido e cair sob forma de gelo.
  11. 11. *Ciclo do Carbono: Importante na composição química de todos os compostos orgânicos. Encontrado sob forma de dióxido de carbono (CO2) na atmosfera e bicarbonato HCO3 e carbonato CO3 dissolvido na água. O CO2 é incorporado pelos seres autotróficos através da fotossíntese e devolvido para a atmosfera durante a respiração dos seres vivos. O CO2 é o gás do Efeito Estufa.
  12. 12. *Ciclo do Oxigênio: Participa da composição do gás carbônico, da água e de inúmeros compostos orgânicos e inorgânicos, encontrado na forma pura (O2) na atmosfera, é o gás liberado durante a fotossíntese e utilizado para a respiração dos seres vivos. Forma a Camada de Ozônio (O3). O CFC e a radiação solar age nas moléculas de ozônio reduzindo e liberando O2.
  13. 13. *Ciclo do Nitrogênio: Cerca de 79% do ar que respiramos, porém não é usado de forma direta pelos seres vivos, com exceção de alguns microrganismos. Fixação do nitrogênio- biótica: bactérias e algas fixadoras; abiótica- elétrica e fotoquímica. Elemento característico dos aminoácidos e das bases nitrogenadas. Enzimas chamadas Nitrogenases fazem a fixação o nitrogênio.
  14. 14. *Ciclo do Fósforo: Essencial para as plantas na forma de íons e une açúcares de desoxirribose da molécula de DNA, no ATP e ADP e também nas membranas celulares, fundamental nos ossos e dentes. Encontrado em rochas, solos e sedimentos.
  15. 15. *Ciclo do Enxofre: Importante constituinte dos aminoácidos e estimulador de reações químicas para as enzimas. Encontrado na forma de Sulfato e absorvido depois após ser dissolvido sob forma iônica (SO4--) pelas plantas.
  16. 16. 1) A teia alimentar representada evidencia as relações interespecíficas de uma comunidade que ocorre me vários ecossistemas. No caso da retirada dos consumidores secundários, espera-se inicialmente que a população de (A) consumidores primários diminua. (B) consumidores terciários aumente. (C) produtores diminua. (D) consumidores quartanários aumente. (E) decompositores diminua.
  17. 17. 2) Associe:
  18. 18. 3) Numa determinada área da natureza, encontramos seres vivos trocando matéria e energia. Considerando estes seres e o meio, no conjunto que formam, eles constituem: a) um ecossistema. b) uma comunidade biótica. c) o ciclo do carbono. d) o ciclo do nitrogênio. e) o epinociclo.
  19. 19. 4) Com relação aos conceitos ecológicos, podemos dizer: I - Um ecossistema é definido por componentes abióticos (ar, água e minerais), fonte de energia (sol) e componentes bióticos (vegetais e animais). II - Homeostase é a capacidade de adaptação do ser vivo de manter o seu organismo equilibrado em relação às variações ambientais. III - As cadeias alimentares mais longas são mais eficientes porque possuem maior quantidade de energia disponível por nível trófico. IV - O fluxo de energia no ecossistema é unidirecional e a quantidade e energia disponível em cada nível trófico é progressivamente menor, pois apenas uma fração da energia passa de um nível para o outro. V - Quando duas espécies ocupam o mesmo nicho ecológico, ocorre uma competição pelo alimento em função da sua sobrevivência, sendo uma delas prejudicada, ou seja, duas espécies não podem ocupar harmonicamente o mesmo nicho ecológico num ecossistema. Estão corretas as afirmações: a) Apenas I, II e III. b) Apenas II, III e IV. c) Apenas III, IV e V. d) Apenas I, II, IV e V. e) I, II, III, IV e V.
  20. 20. 5) Segundo a revista "Veja" de 21 de agosto de 2002, a água contaminada por esgotos domésticos, esgotos industriais e lixo, por exemplo, mata 2,2 milhões de pessoas por ano no mundo. Seu efeito sobre os seres aquáticos também é devastador. Se a liberação de um grande volume de esgoto industrial alterar a pressão osmótica da água de um pequeno reservatório de água doce, seus peixes poderão morrer em decorrência da a) hipertermia. b) asfixia. c) hipotermia. d) inanição. e) desidratação.
  21. 21. 6) "Brasil é rota da sucata de chumbo." (Jornal do Brasil - 28/03/94). "Poluição põe Cubatão em emergência." (Folha de São Paulo - 02/09/94). "Redução de ozônio aumenta casos de câncer de pele." (Jornal do Brasil - 02/09/94) Essas e centenas de outras manchetes de jornal nos alertam sobre a gravidade dos problemas ambientais ocasionados pelas atividades do próprio homem. A seguir são feitas (4) afirmativas relacionadas a essa problemática atual. Analise-as: I. O chumbo, como outros subprodutos de indústrias, acumula-se nas cadeias alimentares gerando um problema chamado magnificação trófica. II. Principalmente no inverno ocorre o fenômeno natural, a inversão térmica, que não traria graves problemas se não interferisse na dispersão dos poluentes. III. O aquecimento global do planeta, denominado efeito estufa, é fruto da intensa atividade industrial e da contínua queima de combustíveis. IV. O lançamento excessivo, na atmosfera, de gases como metano, destroem de forma irreversível a camada de ozônio. São corretas as afirmativas: a) apenas I e II. b) apenas II e III. c) apenas I, II e III. d) apenas I, III e IV. e) I, II, III e IV.

×