áRea do conhecimento ppt para os professores metodol & didatica

487 visualizações

Publicada em

Material elaborado pelo PCNP Welker para o curso de metodologia e didática

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
487
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
34
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
8
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

áRea do conhecimento ppt para os professores metodol & didatica

  1. 1. Área do Conhecimento, Disciplinas, Conteúdos, Temas, Planos, Metodologia Á re a s d o c o n h e c im e n to L in g u a g e n s L .P /E F E /A rte L E M /T IC C iê n c ia s d a N a tu re z a F ís ic a /Q u ím ic a B io lo g ia C iê n c ia s H u m a n a s H is tó ria /G e o F ilo s /S o c io l M a te m á tic a L in g u a g e n s C iê n c ia s N a t e M a te m á tic a C iê n c ia s H u m a n a s
  2. 2. Leitura e Escrita, presente nas áreas do conhecimento... Competências essenciais em todos os Componentes Curriculares A que se considerar que cada área do conhecimento e a sua disciplina correspondente detêm uma competência/habilidade específica ou não, além de outras que podem e devem ser estimuladas, potencializadas...
  3. 3. ESPECIFICIDADE DA ÁREA DO CONHECIMENTO E O OBJETO DE ESTUDO CORRESPONDENTE Outros Educação ? Lazer Previdência Justiça Trabalho Habitação Saúde Ciências Matemática Educação Física Português Filosofia / Sociologia História ? ? ?
  4. 4. Área do Conhecimento, Disciplinas, Conteúdos, Objeto de Estudo/Temas, Planos, Metodologia Conteúdos Conhecimentos prévios Acervo cultural do aluno Objeto de Estudo Temas Levantamento de hipóteses Aplicação/ construção da atividade Planos Metodologia Reflexão e Registro
  5. 5. Pilares Educacionais - PCN ¨ Cada Conteúdo / Tema apresentado pelo professor deve estar amparado pelo: Conceito Procedimento Atitude 80 70 60 50 40 30 20 10 0 Aula Oficina Conceito Proced Atitude
  6. 6. Pilares Educacionais - PCN Conceito Procedimento Atitude O professor/ O conhecimento Conteúdo/Tema O que se deve saber ! O professor/ A forma Como/ O método O saber fazer ! O professor/ A intenção/ finalidade O Comportamento O ser/aluno ! Abordagem do Assunto Contexto Significado Exposição do objeto Apresentação Criar condições adequadas para as vivências Organização da sala A intenção, A predisposição A interação em estado ativo
  7. 7. PRATICA DOS PROFESSORES SABER INVESTIGATIVO AUTO FORMAÇÃO
  8. 8. O Tríptico Didáctico A designação de "tríptico didáctico" foi avançada por Isabel Alarcão (1997) para designar a tripla dimensão ou a multidimensionalidade da Didáctica: a Didáctica Investigativa, a Didáctica Curricular e a Didáctica Profissional. A primeira diz respeito ao trabalho do investigador nesta disciplina; a segunda refere-se à formação curricular, inicial e/ou contínua, em Didáctica dos formadores e futuros formadores; finalmente, a terceira, refere-se às práticas dos professores no terreno escolar.
  9. 9. Os elementos da ação didática são: • o professor, • o aluno, • a disciplina (matéria ou conteúdo) • o contexto da aprendizagem, • as estratégias metodológicas.
  10. 10. Propriedade dos Materiais Conhecimentos prévios Acervo cultural do aluno Identificar fatores diferenciados de materiais Construção e Aplicação: Peça aos alunos que escolham um material e oralmente descreva-os, Faça uma relação das descrições na lousa. Pergunte: que características permitem o uso do material e finalidades. Tema: correlato ao conteúdo tratado... Levantar hipóteses problematizar: Do que é feito? Qual a sua utilidade? A sistematização das respostas deve permitir ao aluno concluir que o uso de um material depende de suas propriedades. Na sequência, organize-os em grupos para realizar a atividade. Ler o roteiro da atividade e executem os procedimentos: Planos (Propriedade dos Materiais) Experimento – Propriedade dos materiais: resultado das interações Ensino e aula 3... 5 aulas c/outras estratégias Metodologia a utilizar: método experimental Reflexão e Registro
  11. 11. • Caderno do professor Ciências Ensino Fundamental 8ª série – 9º ano Temas e conteúdos: Interações, transformações e constituição da matéria Volume 1 Situação de Aprendizagem 1 Propriedades dos Materiais: Resultados de Interações páginas: 11 a 16
  12. 12. HABILIDADES DO GRUPO I • Observar para levantar dados, descobrir informações nos objetos, acontecimentos, situações etc., e suas representações; • Identificar, reconhecer, indicar, apontar, dentre diversos objetos, aquele que corresponde a um conceito ou a uma descrição, • Identificar uma descrição que corresponde a um conceito ou às características típicas de objetos, da fala, de diferentes tipos de texto, • Localizar um objeto, descrevendo sua posição ou interpretando a descrição de sua localização, ou localizar uma informação em um texto; • Descrever objetos, situações, fenômenos, acontecimentos etc., e interpretar as descrições correspondentes; • Discriminar, estabelecer diferenciações entre objetos, situações e fenômenos com diferentes níveis de semelhança; • Constatar alguma relação entre aspectos observáveis do objeto, semelhanças e diferenças, constâncias em situações, fenômenos, palavras, tipos de texto etc.; • Representar graficamente (por gestos, palavras, objetos, desenhos, gráficos etc.) os objetos, situações, seqüências, fenômenos, acontecimentos etc.; • Representar quantidades através de estratégias pessoais, de números e de palavras.
  13. 13. HABILIDADES DO GRUPO II • Classificar - organizar (separando) objetos, fatos, fenômenos, acontecimentos e suas representações, de acordo com um critério único, incluindo subclasses em classes de maior extensão; • Seriar - organizar objetos de acordo com suas diferenças, incluindo as relações de transitividade; • Ordenar objetos, fatos, acontecimentos, representações, de acordo com um critério; • Conservar algumas propriedades de objetos, figuras, etc., quando o todo se modifica; • Compor e decompor figuras, objetos, palavras, fenômenos ou acontecimentos em seus fatores, elementos ou fases, etc.; • Fazer antecipações sobre o resultado de experiências, sobre a continuidade de acontecimentos e sobre o produto de experiências; • Calcular por estimativa a grandeza ou a quantidade de objetos, o resultado de operações aritméticas, etc.; • Medir, utilizando procedimentos pessoais ou convencionais; • Interpretar - explicar o sentido que têm para nós acontecimentos, resultados de experiências, dados, gráficos, tabelas, figuras, desenhos, mapas, textos, descrições, poemas, etc., e apreender este sentido para utilizá-lo na solução de problemas;
  14. 14. HABILIDADES DO GRUPO III • Analisar objetos, fatos, acontecimentos, situações, com base em princípios, padrões e valores; • Aplicar relações já estabelecidas anteriormente ou conhecimentos já construídos a contextos e situações diferentes; aplicar fatos e princípios a novas situações, para tomar decisões, solucionar problemas, fazer prognósticos etc.; • Avaliar, isto é, emitir julgamentos de valor referentes a acontecimentos, decisões, situações, grandezas, objetos, textos etc.; • Criticar, analisar e julgar, com base em padrões e valores, opiniões, textos, situações, resultados de experiências, soluções para situações-problema, diferentes posições assumidas diante de uma situação etc.; • Explicar causas e efeitos de uma determinada seqüência de acontecimentos; • Apresentar conclusões a respeito de ideias, textos, acontecimentos, situações etc.; • Levantar suposições sobre as causas e efeitos de fenômenos, acontecimentos etc.; • Fazer prognósticos com base em dados já obtidos sobre transformações em objetos, situações, acontecimentos, fenômenos etc.; • Fazer generalizações (indutivas) a partir de leis ou de relações descobertas ou estabelecidas em situações diferentes, isto é, estender de alguns para todos os casos semelhantes; • Fazer generalizações (construtivas) fundamentadas ou referentes às operações do sujeito, com produção de novas formas e de novos conteúdos; • Justificar acontecimentos, resultados de experiências, opiniões, interpretações, decisões etc.
  15. 15. ESTRATÉGIA & PLANEJAMENTO ESTRATÉGIA & PLANEJAMENTO (HENRY MINTZBERG) ESTRATÉGIA Síntese; Nasce da criatividade; Qualquer um é capaz de estabelecer; Visão a longo prazo; É um sonho; “O homem vai à Lua” (J. Kenedy) PLANEJAMENTO Análise; Existe um método; Exige formação acadêmica; Pode ser desdobrado; São os planos; Como chegar a Lua. (NASA)
  16. 16. Os 5 Ps da Estratégia (HENRY MINTZBERG) Posição: voltada para fora (ambiente) – a localização o mundo ao redor, o entorno. Perspectiva: voltada para dentro – a maneira da escola fazer as coisas, organização interna, sala de aula, Sociólogos = ideologia, Psicólogos = personalidade, AAnnttrrooppóóllooggooss == ccuullttuurraa.. PPaaddrrããoo == CCoommppoorrttaammeennttoo,, iinntteennççããoo.. Plano = ação consciente preparada previamente. Pretexto = manobra, engenhoso.
  17. 17. Um segredo ... Em nossas vidas é vital o convívio, a união, o fluxo das idéias, convergindo e divergindo na busca sensata da evolução, um direito de todos os seres. Cabe aos mestres essa doação na arte de ensinar e aprender. Pois, afinal, nós somos os acadêmicos, os alunos, ainda, não! Welker - PCNP

×