Civilização Egípcia

735 visualizações

Publicada em

Civilização Egípcia

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
735
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
13
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Civilização Egípcia

  1. 1. Trabalho realizado por: André Balança Nº 4 Bruno Silvestre Nº 7 Gabriel Guerreiro Nº 13
  2. 2. • As condições naturais •Uma economia agraria •O artesanato e o comércio •A organização social •O poder sacralizado •A religião •A escrita e outros saberes •Uma arte ao serviço da religião •Fim
  3. 3. • O Egipto desenvolveu-se perto do rio nilo. • As cheias no rio nilo tornavam as terras atractivas para os agricultores e os pastores que se foram fixando nas suas margens. • A cerca de 3100 a.C, por necessidade de organização exigidas pelos trabalhos de domínio das aguas, os reinos do baixo e do alto Egipto uniram-se e formaram um único reino, o faraó.
  4. 4. Perto do rio nilo os Egipto desenvolveram a sua principal actividade económica, agricultura, cultivaram uma grande variedade de produtos tais como: - Cereais Frutos/legumes Vinha linho e papiro - Também praticavam a pesca e a criação dos animais, dos quais obtinham alimentos matéria–primas e ajuda nos trabalhos agrícolas.
  5. 5. • Os egípcios eram excelentes metalúrgicos, vidreiros, ceramistas e tecelões. A qualidade dos seus produtos artesanais era muito apreciada com os povos com quem mantinham relações comerciais. • Os produtos eram transportados através do Rio Nilo e trocados no mediterrâneo por matérias-primas que não existiam no Egipto, com metais, madeiras e resinas.
  6. 6. Soldados Camponeses Não Priviligiados Priviligiados • A população egípcia estava dividida em diferentes grupos sociais com funções e poderes distintos, por esta razão diz-se que era uma sociedade estratificada, constituída por 2 grandes grupos os privilegiados e os não privilegiados.
  7. 7. • O senhor que tinha todos os poderes chamava-se faraó, ele: • • • • Comandava o exercito; Chefiava os sacerdotes; Administrava a justiça; Governava o Egipto; • Também era considerado filho de Rá , o deus do sol. O seu poder era considerado de origem divina.
  8. 8. • Estratos sociais privilegiados • Nobres, altos funcionários • e sacerdotes • Constituída pelos familiares • do faraó e por aqueles que vezes tinha funções religiosas recebendo grandes benefícios estado. • • soldados Estavam a um escalão social intermédio. Recebendo por terras doadas pelo faraó.
  9. 9. Estratos sociais não privilegiados Comerciantes e artesãos Negociavam produtos artesanais Por conta do faraó pesados Camponeses Constituíam cerca de 90% da população, cultivavam as terras do faraó e dos nobres a quem entregavam grande parte das colheitas Escravos Ocupavam o escalão mais baixo da sociedade. Reservados a trabalhos difíceis e
  10. 10. • Os egípcios eram politeístas ( acreditavam na existência de deuses como por exemplo: • • • • • • Rá- deus do sol Osíris- deus da morte Isis- deusa do amor (mulher de Osíris) Hórus- deus protetor do faraó Seth-deus das desordens e das tempestades(irmão de Osíris) Thot- deus da sabedoria Os deuses eram representados por várias formas: humana, animal ou animal e humana (mista) . Os egípcios acreditavam na imortalidade da alma e na reencarnação. No entanto, só tinha direito á vida eterna o falecido que demonstrasse , no tribunal de Osíris, ter tido em vida uma conduta boa e honesta Ao acreditarem na imortalidade levava-os a dar muita importância às técnicas de preservação dos corpos que praticavam através do embalsamamento
  11. 11. • Os egípcios criaram um sistema de escrita: escrita hieroglífica em que os sinais representavam ,objetos ,plantas animais e figuras humanas. • Exemplo de palavra hieroglífica: • - Adeus
  12. 12. • Os monumentos construídos pelos egípcios tinham duas características fundamentais-grandiosidade e durabilidade • Os túmulos eram construídos em pedra com a preocupação que durassem muito tempo, eram construídos de três tipos: Pirâmides- mandados construir pelos faraós para proteger as suas múmias. Mastabas-tumulos mais pequenos para familiares do faraó, nobres e aos funcionários. Hipogeus- túmulos subterrâneos escavados nas rochas.
  13. 13. Pirâmide Mastaba Hipógeo

×