Resumos geografia (2º teste)

871 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
871
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
31
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
70
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Resumos geografia (2º teste)

  1. 1. 1 Resumos Geografia Contrastes de desenvolvimento Países desenvolvidos Países do Norte Países industrializados Países mais avançados vs Países em desenvolvimento Países do Sul Países menos desenvolvidos Países menos avançados Crescimento (económico) tem como principal objectivo o aumento do PIB (Produto Interno Bruto, ou seja, a riqueza gerada pela produção activa de um país durante um ano), através do aumento da produção. Este é apenas quantitativo e economicista. Desenvolvimento (económico-social) tem como objectivo o crescimento económico, mas preocupa-se sobretudo com a melhoria das condições de vida da população, ou seja, com a racionalização dos recursos e do património. Este é quantitativo, mas sobretudo qualitativo. “O crescimento não é um fim em si, mas um objectivo para atingir o desenvolvimento.” Comenta. O crescimento consiste no enriquecimento dos cofres do estado, sem nenhuma aplicação. O seu objectivo é somente quantitativo, ou seja, aumentar a quantidade de riqueza sem melhorar as condições de vida. Pelo contrário, o desenvolvimento consiste na melhoria das condições de vida. Tem um objectivo qualitativo, ou seja, aumentar a qualidade de vida. Estão relacionados porque para investir é preciso ter dinheiro. Desta forma, o crescimento é uma “preparação” para o desenvolvimento. Desenvolvimento sustentável ou sustentado tem a ver com a tomada de decisões, construção de projectos e infra-estruturas, tendo sempre em conta as gerações futuras, que estas também tenham pelo menos as mesmas condições de vida que as actuais. Por esta razão, é que existe sempre a preocupação com a preservação do ambiente, melhoria da qualidade de vida, racionalização dos recursos, etc. IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) indicador que mede o grau de desenvolvimento humano de um país, ou seja, tem em conta não só aspectos económicos, mas também aspectos qualitativos. Tem três variáveis:  rendimento per capita  esperança média de vida  taxa de alfabetização e escolarização Varia entre 0 e 1, sendo que o país que estiver mais próximo do 0 é o menos desenvolvido e o mais próximo do 1 é o mais desenvolvido: IDH baixo <0,5 IDH médio entre 0,5 e 0,8 IDH alto >0,8 G8 são os 7 países mais industrializados do mundo mais a Rússia como membro observador. Os países são: Canadá, EUA, Japão, Reino Unido, Itália, França e Alemanha
  2. 2. 2 4 dragões asiáticos são 4 países que a partir da década de 90 começaram a ter importância no comércio internacional. Produzem barato e em grandes quantidade invadindo o mercado. São: Singapura, Hong-Kong, Coreia do Sul e Taiwan. 4 tigres asiáticos 4 países que mais tarde também se começaram a afirmar no comércio internacional China, Índia, Malásia e Tailândia Indicadores económicos  PIB por habitante  PNB  inflação  défice Indicadores sociais  esperança média de vida  médicos por habitante  analfabetização  índice de escolarização  estatuto da mulher Factores que explicam o fraco desenvolvimento dos países menos desenvolvidos  elevada taxa de natalidade e um grande crescimento populacional, agravando problemas sociais, de fome e de miséria  elevada e crescente divida externa que dificulta o investimento na melhoria das condições de vida das populações  produtividade baixa e actividades económicas pouco desenvolvidas, predominando a agricultura tradicional  baixo nível de escolaridade, com uma elevada taça de analfabetismo e um nível de qualificação muito baixo  muitos destes países estão sujeitos a convulsões sociais, conflitos e guerras que dificultam o desenvolvimento  muitos destes países estão sujeitos a catástrofes naturais  fraco desenvolvimento dos transportes e vias de comunicação Factores que explicam o desenvolvimento dos países desenvolvidos:  os países desenvolvidos têm riqueza acumulada que lhes permite investir na melhoria das condições de vida das populações  grande desenvolvimento dos transportes e vias de comunicação  grande desenvolvimento das actividades económicas, com elevada produtividade, permitindo gerar riqueza  elevado nível de instrução e qualificação da população  estabilidade politica e social  ocorrência de catástrofes naturais é mais rápida e facilmente ultrapassada Nível de vida grau de satisfação das necessidades da população e baseia-se no consumo Qualidade de vida reais condições de vida da população, que nos são dados pelo grau de acesso da população a essas condições
  3. 3. 3 Contrastes a nível do PIB Países desenvolvidos Países menos desenvolvidos e em desenvolvimento  PIB elevado  parte da riqueza concentrada nestes países  PIB baixo  baixa concentração da riqueza Como o PIB está relacionado com o rendimento, com o poder de compra e com o consumo, estes indicadores também apresentam contrastes mundiais idênticos ao do PIB. Poder de compra quantidade de bens que podemos comprar com uma determinada quantia de dinheiro Rendimento riqueza gerada por uma determinada região ou país Contrastes a nível do emprego Países desenvolvidos Países menos desenvolvidos e em desenvolvimento  maior oferta de emprego sobretudo na indústria e serviços, caracterizados com elevado nível tecnológico  protecção dos trabalhadores  condições de trabalho  oferta de emprego baixa  condições de trabalho baixas  protecção do trabalhador fraca ou inexistente  empregos de baixo nível tecnológico, ligados à agricultura Contrastes a nível do consumo Países desenvolvidos Países menos desenvolvidos e em desenvolvimento  consomem mais de metade dos recursos existentes  superprodução que leva a grandes excedentes e desperdícios  consumo de bens supérfulos elevado  consumo muito baixo  recursos escassos  baixa produção  dificuldade em satisfazer as necessidades básicas à sobrevivência Contrastes a nível da alimentação Países desenvolvidos Países menos desenvolvidos e em desenvolvimento  sobnutrição (consumo excessivo de calorias e nutrientes)  aumento da obesidade, diabetes, problemas cardiovasculares, problemas respiratórios, etc.  subnutrição (carência de calorias e nutrientes)  fome, raquitismo, deficiente desenvolvimento intelectual, enfraquecimento do sistema imunitário e propagação de doenças

×