Mobilidade e o mercado de usuários de telefonia móvel em Teresina

541 visualizações

Publicada em

Uma breve pesquisa realizada nas redes sociais sobre usuários e seus aparelhos. Uma breve explanação também sobre a economia da atenção e a publicidade contemporânea. Como o celular obteve um papel importante no dia a dia dos usuários. Uma breve explanação de um perfil padrão da amostra pesquisada.
(para maiores informações entre em contato via e-mail.)

Slides de apresentação de monografia para conclusão de curso de Bacharelado em Comunicação social com habilitação para publicidade e propaganda.

Publicada em: Tecnologia
2 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
541
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
2
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Mobilidade e o mercado de usuários de telefonia móvel em Teresina

  1. 1. Mobilidade e o mercado de usuáriosde telefonia móvel em Teresina.Alysson DinisProf.ª Pollyana Gali
  2. 2. À medida que a tecnologia anuncia uma nova era de maior facilidade decomunicação de informação e novos veículos para geri-las e transmiti-las, a economia da publicidade do mercado de massa passa pormudanças consideráveis. Como nossa capacidade de produzir e distribuirinformações aumentou, somos bombardeados por milhares delas sob oformato de textos, imagens e sons todos os dias. O mercado estásaturado de mensagens, todas competindo por nossa atenção. Nesseambiente, a atenção torna-se uma mercadoria rara.(ADLER, FIRESTONE, 2002, p.10) 
  3. 3. Saturação publicitária: [...] O primeiro objetivo das agênciasde publicidade e anunciantes, portanto, é desenhar peças que sesobressaiam, que rompam com a monotonia e que chamem aatenção;Intrusão da publicidade: [...] o segundo objetivo de agênciase anunciantes é emocionar, segurar a audiência, envolvê-la na peçapublicitária uma vez que o público está sendo forçosamente expostoa ela. (ROMÁN, 2007, P.4)
  4. 4. - Simultânea- Descentralizada- Fluída
  5. 5. A pesquisa buscou investigar como o consumidor se relacionacom as tecnologias presentes em seus dispositivos móveis.
  6. 6. Baixam de 2 a 4 aplicativos por mês (jogos inclusos).     Mulheres, entre 18 a 24 anos com18~24 smartphones Nokia de entrada.     Internet: Mais de uma hora por dia, pelo menos uma vez por semana via celular.     Classe C - de 4 a 10 salários mínimos.       Preferem compartilhar conteúdo através de postagem em redes sociais.
  7. 7. 53% usam para trabalho e estudo.   42% Concordam que o conteúdodisponível não satisfaz.   66% querem mais conteúdo disponível.  
  8. 8. 16% (4%) = 20% de uso paraemail.   20% (2%) = 22% de uso parabuscas.   14% (3%) = 17% de uso paranoticias.   34% (10%) = 44% de uso parasocial media.
  9. 9. 12% de uso para e-commerce.      18% de uso para e-banking.   Hardware necessário paraações.    
  10. 10. O perfil da amostra aponta que o consumo de smartphones tende aseguir um aumento significativo de trocas de aparelho entre um mês aum ano. Após esse período de troca, os usuários adotam um perfil deheavy-user passando mais tempo com o mesmo aparelho usufruindomelhor seus benefícios e tecnologias. O tempo de escolha dos usuáriosaumenta até surgir necessidade de troca por aparelho mais avançadotecnologicamente.1- Aparelhos mais potentes. (processamento e hardware)2- Aparelhos mais resistentes. (materiais de fabricação)3- Aparelhos mais eficientes. (maior agregamento de funções)4- Usuários mais aptos e curiosos por novas tecnologias.
  11. 11. Obrigado!

×