....

175 visualizações

Publicada em

trabalho sobre computadores

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
175
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
8
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

....

  1. 1. Hardware O hardware, circuitaria, material ou ferramental é a parte física do computador, ou seja, é o conjunto de componentes electrónicos, circuitos integrados e placas, que se comunicam através de barramentos. Software, é a camada, colocada sobre o hardware, que transforma o computador em algo útil para o ser humano. Os PC´s também precisam de um Software chamado Sistema Operacional, sem ele seria impossível de se comunicar com o computador. “Hardwarequot; não só se refere aos computadores pessoais, mas também aos equipamentos embarcados em produtos que necessitam de processamento computacional, como o dispositivos encontrados em equipamentos hospitalares, automóveis, aparelhos celulares, entre outros. A disciplina que trata das soluções de projecto de hardware é conhecida como arquitectura de computadores. Software Software é a parte lógica do computador, é a instalação de todos os programas no nosso computador. Assim como: Sistema Operacional, Microsoft Office, Nero, Photoshop e mais.
  2. 2. Sistema Binário Para realizar a conversão utilizamos o método de Divisão Repetida. Para converter, por exemplo, o número decimal 1985 em binário: - Dividimos o número decimal por 2, se o resultado for exacto anotamos o valor 0, se não for exacto, anotamos o valor 1, lembrando que esse valor deve ser anotado da direita para a esquerda ou como explicado abaixo do exemplo; Pega-se na parte inteira do resultado e repete-se a operação - sucessivamente até se obter 0 como parte inteira.
  3. 3. Ligações do Hardware: Para funcionar, o computador necessita de algumas conexões físicas que permitam que os componentes de hardware se comuniquem e se inter- relacionem. O barramento constitui um sistema comum de interconexão, composto por um conjunto de vias que coordenam e transportam as informações entre as partes internas e externas do computador. Uma conexão para comunicação em série é feita através de um cabo ou grupo de cabos utilizados para transferir informações entre a CPU e um dispositivo externo como o mouse e o teclado, um modem, um digitalizador (scanner) e alguns tipos de impressora. Esse tipo de conexão transfere um bit de dado de cada vez, muitas vezes de forma lenta. A vantagem de transmissão em série é que é mais eficaz a longas distâncias. Arquitecturas de computadores A arquitectura dos computadores pode ser definida como as diferenças na forma de fabrico dos computadores. Com a popularização dos computadores houve a necessidade de um equipamento interagir com o outro, surgindo a necessidade de se criar um padrão. Nos anos 80, apenas duas
  4. 4. “arquitecturas” resistiram ao tempo e se popularizaram foram: o PC (Personal Computer), desenvolvido pela empresa IBM e Macintosh desenvolvido pela empresa Apple. Como o IBM-PC se tornou a arquitectura “dominante” na época, acabou tornando-se padrão para os computadores que conhecemos hoje. Principais componentes 1 Processador • 2 Disco rígido • 3 Periféricos • 4 Softwares • 5 BIOS ou EFI • 6 Barramento • 7 Memória RAM • 8 Dispositivos de Multimédia • 9 Memórias Auxiliares • 10 Memórias Cache • Overclock Overclock é uma expressão sem tradução (seria algo como sobre-pulso (de disparo) ou ainda aumento do pulso). Pode-se definir o overclock como o
  5. 5. acto de aumentar a frequência de operação de um componente (em geral chips) que compõe um dispositivo (VGA ou mesmo CPU) no intuito de obter ganho de desempenho. Existem várias formas de efectuar o overclock, uma delas é por software e outra seria alterando a BIOS do dispositivo.

×