Secretaria de Segurança Pública e Cidadania de Canoas      GABINETE DE GESTÃO INTEGRADA MUNICIPAL DE CANOAS (GGI-M)       ...
LINHAS DE ATUAÇÃO                                   GUARDA COMUNITÁRIAIN  TE   GR      AÇ    FO ÃO  PO RÇ ENT             ...
DIAGNÓSTICOS E AÇÕESDIAGNÓSTICOS:• Grupos Focais com a Guarda Municipal e diretores e diretoras de escolas;• Pesquisa Kit ...
RONDA ESCOLAR• 62 Guardas Municipais envolvidos, 11 viaturas e 07 motocicletas;• No período de 29/02/12, início do ano let...
REGISTROS DA GUARDA MUNICIPAL• Entre 2010 e 2011, dois primeiros anos de funcionamento dos BAs e ROCAs,registros da Guarda...
CIPAVESCOMISSÕES INTERNAS DE PREVENÇÃO ÀS VIOLÊNCIAS NAS ESCOLAS                          LEI MUNICIPAL Nº 5505/2010 • Reu...
CIPAVES FÓRUM DE PREVENÇÃO ÀS VIOLÊNCIAS NAS ESCOLASV FÓRUM MUNICIPAL DE PREVENÇÃO À VIOLÊNCIA NAS ESCOLAS                ...
CIPAVES                               GGI VAI A ESCOLA• Aproximar a Guarda da comunidade escolar através das demandas das ...
CIPAVESPACTUAÇÃO SEGURANÇA EJA MUNICIPAL                  • O projeto tem o objetivo de reforçar                  a segura...
TEATRO DE FANTOCHES                  • Aproximar a Guarda Municipal do                  ambiente escolar e dos alunos,    ...
HIP GUARDA HOP• Aproximar a comunidade escolar da Guarda Municipal de forma lúdica, naconstrução da cultura de paz;• 17 Es...
ALARMES E CFTV                 • 56 câmeras de CFTV instaladas                 em 18 escolas;                 • Alarmes em...
REGISTRO ONLINE DE SITUAÇÕES DE VIOLÊNCIAS           NAS ESCOLAS - ROVE                                                   ...
Registro On-Line de Situações de  Violências nas Escolas - ROVEResultados do primeiro trimestre de 2012
DADOS GERAIS• Em 2011, primeiro ano de funcionamento do ROVE, 470 ocorrências foram  registradas no sistema, uma média apr...
SAZONALIDADE• Os dados das análises à seguir dizem respeito às 81 ocorrências feitas entre  janeiro (1), fevereiro (1) e m...
TERRITORIALIDADE• Das 42 escolas com acesso ao sistema de preenchimento on-line apenas 22,  52% do total, registraram algu...
ENVOLVIDOS• Alunos foram os protagonistas ou participantes de 75,3% das ocorrências  registradas no ROVE. Pessoas desconhe...
OCORRÊNCIAS• As ocorrências registradas no sistema disseram respeito, sobretudo, a situações  de agressão física (40,7%), ...
OCORRÊNCIAS                                                                                 Se Agressão Física, Agressão V...
DROGAS, BONDES E ARMAS• Em apenas 2 casos (2,5%) houve envolvimento de drogas, em que pessoas  estavam aparentemente sob e...
ENCAMINHAMENTOS E VIDEOMONITORAMENTO• A maior parte dos registros levou a encaminhamento dos envolvidos (64,2%  deles).• A...
SECRETARIA DE SEGURANÇA PÚBLICA E CIDADANIA DE CANOASGABINETE DE GESTÃO INTEGRADA MUNICIPAL DE CANOAS (GGI-M)     OBSERVAT...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Encontro Preparatório V Fórum Prevenção às Violências nas Escolas

1.726 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.726
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1.094
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Encontro Preparatório V Fórum Prevenção às Violências nas Escolas

  1. 1. Secretaria de Segurança Pública e Cidadania de Canoas GABINETE DE GESTÃO INTEGRADA MUNICIPAL DE CANOAS (GGI-M) OBSERVATÓRIO DE SEGURANÇA PÚBLICA DE CANOAS DIRETORIA GERAL DA GUARDA MUNICIPALPolítica Municipal de Prevenção às Violências nas Escolas - 2010 a 2012
  2. 2. LINHAS DE ATUAÇÃO GUARDA COMUNITÁRIAIN TE GR AÇ FO ÃO PO RÇ ENT IAS OG LIC AS RE OL IA AS ECN IS ST VA NO SEGURANÇA CIDADÃ PA RT IS IC I CI A PA ÇÃ SO OC OS I DA ET OJ DÃ PR
  3. 3. DIAGNÓSTICOS E AÇÕESDIAGNÓSTICOS:• Grupos Focais com a Guarda Municipal e diretores e diretoras de escolas;• Pesquisa Kit Recreio com alunos e alunas;• Registro On-line das Situações de Violência Escolar – ROVE• Registro eletrônico da Guarda Municipal – REG-MAÇÕES:• Ronda Escolar• CIPAVES• Teatro de Fantoches• Hip Guarda Hop (Recreio Interativo)• GGI Vai à Escola• Tecnologias aplicadas à segurança: alarmes e CFTV
  4. 4. RONDA ESCOLAR• 62 Guardas Municipais envolvidos, 11 viaturas e 07 motocicletas;• No período de 29/02/12, início do ano letivo nas escolas municipais, a20/04/2012 foram realizadas 1.618 visitas às escolas, uma média de33 visitas por dia;• Desde o início do ano letivo 2012 foram feitos 138 BAs e 19 ROCAs nasescolas municipais.
  5. 5. REGISTROS DA GUARDA MUNICIPAL• Entre 2010 e 2011, dois primeiros anos de funcionamento dos BAs e ROCAs,registros da Guarda Municipal, mais de 8 mil registros foram feitos. • Desde março de 2012 entrou em funcionamento o Registro Eletrônico da Guarda, o REG- M, em que os registros são feitos diretamente dentro do sistema on-line da Guarda, através de tablets, garantindo maior precisão e eficiência aos registros.•Experiência vencedora do Prêmio Cidades Digitais 2012 – Visão Estratégicado Gestor
  6. 6. CIPAVESCOMISSÕES INTERNAS DE PREVENÇÃO ÀS VIOLÊNCIAS NAS ESCOLAS LEI MUNICIPAL Nº 5505/2010 • Reuniões periódicas nas escolas da rede municipal de ensino incluindo alunos, pais, professores, funcionários e a Guarda Municipal; • 52 reuniões em 30 escolas no ano de 2011, tendo como fio lógico os diagnósticos do ROVE por escola; • Em 2012, 7 reuniões já ocorreram.
  7. 7. CIPAVES FÓRUM DE PREVENÇÃO ÀS VIOLÊNCIAS NAS ESCOLASV FÓRUM MUNICIPAL DE PREVENÇÃO À VIOLÊNCIA NAS ESCOLAS 22/06/2012
  8. 8. CIPAVES GGI VAI A ESCOLA• Aproximar a Guarda da comunidade escolar através das demandas das CIPAVES e a partir das análises dos Registros do ROVE;• Ação de conscientização sobre direitos e deveres;• Esclarecimentos sobre o Estatuto da Criança e Adolescente e o papel da Guarda Municipal; • Abordagem sobre a prevenção ao uso indevido de drogas e a problemática do bullying (Canoas Viva); • Essas ações aconteceram em 17 escolas no ano de 2011 e 5 escolas já foram atendidas em 2012; • 2.159 estudantes participaram da interação com a Guarda Municipal.
  9. 9. CIPAVESPACTUAÇÃO SEGURANÇA EJA MUNICIPAL • O projeto tem o objetivo de reforçar a segurança à noite nas escolas da rede municipal (EJA), além de promover a sensação de segurança a alunos, professores, e funcionários; • 14 escolas foram visitadas em 2011; • 7 escolas já foram visitadas em 2012; • Cerca de 680 alunos foram atendidos por esta atividade.
  10. 10. TEATRO DE FANTOCHES • Aproximar a Guarda Municipal do ambiente escolar e dos alunos, discutindo temas relativos à prevenção da violência escolar com uma linguagem acessível e lúdica; • 30 escolas, sendo 3 delas estaduais, receberam 62 visitas em 2011; • 6 apresentações em 2012; • Cerca de 17.357 alunos foram atendidos por esta atividade.
  11. 11. HIP GUARDA HOP• Aproximar a comunidade escolar da Guarda Municipal de forma lúdica, naconstrução da cultura de paz;• 17 Escolas foram atendidas no ano de 2011 pela interação cultural do recreioanimado pela Guarda Municipal;• Em 2012 2 apresentações já ocorreram, atingindo 80 alunos.
  12. 12. ALARMES E CFTV • 56 câmeras de CFTV instaladas em 18 escolas; • Alarmes em todas as 73 escolas da rede municipal; • 20 Guardas Municipais envolvidos no monitoramento 24 horas, todos os dias, das câmeras, alarmes e chamadas recebidas na Sala Integrada de Monitoramento.
  13. 13. REGISTRO ONLINE DE SITUAÇÕES DE VIOLÊNCIAS NAS ESCOLAS - ROVE DECISÕES CONVERGENTES E INTEGRADAS GESTORESESCOLAS PREENCHENDO OS OS QUESTIONÁRIOSQUESTIONÁRIOS ONLINE A SÃO PROCESSADOS NO PARTIR DE CADA SPHINX, FORMANDO OCORRÊNCIA UMA BASE DE DADOS ACOMPANHAMENTO - PRINCIPAIS PROBLEMAS NAS PERMITEM ANÁLISES ESCOLAS DIÁRIO DAS CONSOLIDADAS OCORRÊNCIAS POR CADA ESCOLA SPHINX RELATÓRIOS ANALISTA OBSERVATÓRIO
  14. 14. Registro On-Line de Situações de Violências nas Escolas - ROVEResultados do primeiro trimestre de 2012
  15. 15. DADOS GERAIS• Em 2011, primeiro ano de funcionamento do ROVE, 470 ocorrências foram registradas no sistema, uma média aproximada de 50 registros por mês;• Em março de 2012 foram feitos 83 registros, número 66% maior do que a média mensal do ano anterior e que configura uma média de quase 4 ROVEs por dia letivo;• Até o fim da manhã de hoje, 26/04/2012, 77 registros já haviam sido feitos no mês, o que demonstra a adesão das escolas e suas equipes à ferramenta e à inserção do ROVE no cotidiano das escolas; ROVEs por Mês e Ano 122 83 77 69 52 51 47 37 37 30 17 8 1 1 mar/11 abr/11 mai/11 jun/11 jul/11 ago/11 set/11 out/11 nov/11 dez/11 jan/12 fev/12 mar/12 abr/12
  16. 16. SAZONALIDADE• Os dados das análises à seguir dizem respeito às 81 ocorrências feitas entre janeiro (1), fevereiro (1) e março (79) de 2012*;• Os registros são, de maneira geral, equilibradamente distribuídos de segunda a sexta-feira;• As ocorrências se concentram sobretudo nos horários que compreendem a entrada e o recreio matutino, bem como o recreio da tarde. Horário da Ocorrência: Data da Ocorrência: (dd/mm/aaaa) Não resposta 3 3,7% Segunda-feira 17 21,0% 21,0% 07 1 1,2% Terça-feira 17 21,0% 21,0% 08 11 13,6% Quarta-feira 18 22,2% 22,2% 09 9 11,1% Entrada e recreio Quinta-feira 12 14,8% 14,8% 10 10 12,3% matutino Sexta-feira 15 18,5% 18,5% 11 5 6,2% Sábado 1 1,2% 1,2% 12 7 8,6% Domingo 1 1,2% 1,2% 13 5 6,2% Total 81 100,0% 14 3 3,7% 15 11 13,6% Recreio da tarde 16 7 8,6% 17 3 3,7% 19 2 2,5% 20 2 2,5% * No momento em que foram feitas as análises 21 2 2,5% haviam apenas 79 registros no mês de março, Total 81 os 5 posteriores, contabilizados no slide anterior, foram feitos retroativamente.
  17. 17. TERRITORIALIDADE• Das 42 escolas com acesso ao sistema de preenchimento on-line apenas 22, 52% do total, registraram alguma ocorrência até o fim de março;• Poucas escolas são responsáveis pela maioria das ocorrências, devido ao fato da direção se esmerar em registrar o que ocorre na escola;• A distribuição por bairros também é desigual, já que as duas escolas que mais registraram ocorrências estão localizadas no Harmonia, o que o torna o bairro mais representativo, concentrando quase 50% dos ROVEs. Escola: Bairro: Arthur P. de Vargas 20 24,7% Harmonia 38 46,9% 46,9% João Paulo I 10 12,3% 45,6% do Fátima 11 13,6% 13,6% Barão de Mauá 7 8,6% total Rio Branco 9 11,1% 11,1% Max Adolfo Oderich 6 7,4% Guajuviras 7 8,6% 8,6% Rio de Janeiro 5 6,2% Centro 5 6,2% 6,2% Dr. Nelson Paim Terra 5 6,2% Mathias Velho 4 4,9% 4,9% Prof. Nancy F. Pansera 4 4,9% Estância Velha 3 3,7% 3,7% Paulo VI 4 4,9% Niterói 2 2,5% 2,5% Gonçalves Dias 2 2,5% Mato Grande 1 1,2% 1,2% N. Sra. Das Graças 1 1,2% 1,2% Cel. Francisco Pinto Bandeira 2 2,5% Total 81 100,0% Outras 16 19,8%Total 81
  18. 18. ENVOLVIDOS• Alunos foram os protagonistas ou participantes de 75,3% das ocorrências registradas no ROVE. Pessoas desconhecidas também estiveram envolvidas em um número considerável de registros, pouco mais de ¼ deles. Professores e funcionários das escolas somados estiveram envolvidos também em pouco mais de ¼ dos ocorridos.• Dentre os alunos envolvidos a maior parte é do sexo masculino (68,6%), estudantes da sexta e sétima série (ambas as séries participando de pouco mais de 20% do total de ocorrências) com idades entre 11 e 15 anos. Envolvidos(as) na Ocorrência Se Aluno(a), qual o sexo? Aluno(a) 61 75,3% Homem 48 68,6% Desconhecidos(as) 21 25,9% Mulher 22 31,4% Pais de alunos 12 14,8% Total 70 Professor(a) 12 14,8% Se Aluno(a), qual ano/série? Funcionário(a) da escola 9 11,1% 2º 2 2,5% Outros familiares de alunos(as) 5 6,2% 3º 4 4,9% Outros(as) 1 1,2% 4º 16 19,8% Aluno(a) de outra escola 1 1,2% 5º 12 14,8% Total 81 6º 21 25,9% 7º 19 23,5% 8º 6 7,4% *Obs.: Todas questões de múltipla escolha. Total 81
  19. 19. OCORRÊNCIAS• As ocorrências registradas no sistema disseram respeito, sobretudo, a situações de agressão física (40,7%), além de brigas de alunos com agressão física (18,5%). Agressões verbais (30,9%) e ameaças (29,6%) também se destacaram. Tipo da Ocorrência Agressão física 33 40,7% Agressão verbal 25 30,9% Ameaça 24 29,6% Briga de alunos (agressão física) 15 18,5% Entrada de pessoas estranhas na escolas(ou tentativa) 14 17,3% Pessoas em atitude suspeita 13 16,0% Indisciplina/ Desacato a professores 12 14,8% Briga de alunos (somente bate-boca) 6 7,4% Danos ao Patrimônio 5 6,2% Porte de objeto cortante/penetrante 4 4,9% Outro Tipo 3 3,7% Bullying 2 2,5% Consumo de drogas 2 2,5% Roubo 1 1,2% Furto 1 1,2% Comportamento hiperssexualizado 1 1,2% Acidente de Trânsito 1 1,2% Maus tratos / Violência doméstica 1 1,2% Total 81 *Obs.: Questão de múltipla escolha.
  20. 20. OCORRÊNCIAS Se Agressão Física, Agressão Verbal, Ameaça, Bullying ou• Os motivos que levam a essas Cyberbullying, qual a motivação? Desentendimentos/ Revidações 20 30,3% agressões, ao bullying e às brigas, Brincadeiras (agressivas/ de mau gosto) 17 25,8% são em geral desentendimentos e Outros 6 9,1% Machismo/ Coisas de "machão" 6 9,1% revidações (30,3% dos casos) ou Não identificada a motivação 6 9,1% Questões de namoro 4 6,1% brincadeiras agressivas e de mau Discriminação por características físicas 2 3,0% gosto (25,8%). Defesa de familiar 2 3,0% Desentendimento em jogo 2 3,0% Machismo 1 1,5% Total 66• Os danos ao patrimônio são relacionados, sobretudo, a danos ao prédio ou área da escola (metade do total). Se Dano ao Patrimônio, qual o tipo: Danos no prédio/área da escola (vidraças/portas/janelas/paredes da escola) 3 50,0% Outro 1 16,7% Quebra de mobiliário da escola 1 16,7% Pichação no prédio/área da escola 1 16,7% *Obs.: Todas questões Total 6 de múltipla escolha.
  21. 21. DROGAS, BONDES E ARMAS• Em apenas 2 casos (2,5%) houve envolvimento de drogas, em que pessoas estavam aparentemente sob efeito de alguma droga.• Também em 2 registros houve envolvimento de bondes, ambos no entorno das escolas. Um desses bondes chama-se “Elo Perdido”, enquanto, no outro caso, não foi identificado o nome do bonde.• O uso ou encontro de armas atingiu quase 10% dos casos registrados. Apenas uma arma de fogo foi encontrada ou utilizada, consistindo em 10% do total de armas citadas, sendo mais comuns objetos cortantes/penetrantes (50%), além de soqueiras/soco-inglês e pedaços de pau, pedras, etc. Houve envolvimento de drogas (álcool e Houve atuação de Bonde? Foi utilizado/encontrado algum tipo de drogas ilícitas) na ocorrência? arma ou instrumento de risco? Não 79 97,5% Não 79 97,5% Não 73 90,1% Sim 2 2,5% Sim 2 2,5% Sim 8 9,9% Total 81 Total 81 Total 81
  22. 22. ENCAMINHAMENTOS E VIDEOMONITORAMENTO• A maior parte dos registros levou a encaminhamento dos envolvidos (64,2% deles).• A maior parte dos encaminhamentos se deu no âmbito da família (43%).• A Guarda Municipal foi a instituição de segurança mais requisitada, em 27,8% dos casos em que houve encaminhamento.• Dos locais em que ocorreram as situações registradas no ROVE penas 8,6% estavam monitorados por uma câmera. Foi realizado encaminhamento de algum envolvido? Se realizado encaminhamento, para quem? Sim 52 64,2% Familiares/Responsáveis 34 43,0% Não 29 35,8% Guarda Municipal 22 27,8% Total 81 Brigada Militar 8 10,1% Outro 5 6,3% O espaço onde ocorreu o fato é monitorado Conselho Tutelar 4 5,1% por alguma câmera? SAMU 3 3,8% Não 74 91,4% Polícia Civil 2 2,5% Sim 7 8,6% Depto Trânsito 1 1,3% Total 81 Total 79
  23. 23. SECRETARIA DE SEGURANÇA PÚBLICA E CIDADANIA DE CANOASGABINETE DE GESTÃO INTEGRADA MUNICIPAL DE CANOAS (GGI-M) OBSERVATÓRIO DE SEGURANÇA PÚBLICA DE CANOAS DIRETORIA GERAL DA GUARDA MUNICIPAL Obrigado! observatoriocanoas@forumseguranca.org.br edupazinato@gmail.com

×