A Virgem, Santa Ana e o Menino Jesus

5.735 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
5.735
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
26
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A Virgem, Santa Ana e o Menino Jesus

  1. 1. A VIRGEM, SANTA ANA E O MENINO JESUS DE LEONARDO DA VINCITrabalho realizado por:Alexandra Gonçalves Canané nº2 10ºE
  2. 2. SUMÁRIO• Introdução• Biografia de Leonardo da Vinci• Renascimento• A obra “A Virgem, Santa Ana e o Menino Jesus” • Os seus segredos• Conclusão• Bibliografia
  3. 3. INTRODUÇÃO Neste trabalho vou falar sobre a vida de Leonardo da Vinci, osignificado do Renascimento, vou também falar sobre uma das suas obrasque foi escolhido para a realização deste trabalho e os seus segredos. Escolhi este pintor, porque ele foi uma das pessoas maisimportantes do Alto do Renascimento, é um pintor muito conhecido devidoa ser um dos maiores génios da história da humanidade que se destacou emmuitas e diversas áreas. O trabalho foi realizado com base em informação retirada domanual do 10º ano da disciplina da História da Cultura e das Artes, e dediversos sites pesquisados na Internet.
  4. 4. BIOGRAFIA DE LEONARDO DA VINCI Leonardo di Piero da Vinci foi umas das pessoasmais importantes do Alto do Renascimento, que se destacoucomo pintor, escultor, arquitecto, engenheiro, astrólogo,cientista, matemático, fisiólogo, químico, botânico, geólogo,cartógrafo, físico, mecânico, inventor, anatomista, escritor,poeta e músico italiano. Nasceu a 15 de Abril de 1452, am Anchiano, numapequena cidade de Vinci, perto de Florença. Era filho donotário Piero di Antonio da Vinci e de uma camponesa,Catarina. No ano do seu nascimento, o seu pai casou comuma mulher muito mais nova, Albiera di Giovanni Amadori.Leonardo foi separado da sua mãe aos 5 anos de idade e,desde então, passou a viver com o seu pai. Cresceu nocampo, o que justifica o seu amor pela natureza. Teve umagrande paixão por cavalos que mais tarde, foram objecto demagníficos estudos.
  5. 5. Em 1469 mudou-se para Florença, onde iniciou a sua aprendizagemem pintura no estúdio do célebre pintor florentino, Andrea del Verrocchio.O seu talento artístico que revelou-se cedo, mostrando uma excepcionalhabilidade na geometria, na música e na expressão artística. Reconhecendoestas capacidades, o seu pai, mostrou os desenhos de Leonardo a Andrea delVerrocchio. O grande mestre da renascença ficou encantado com o talentode Leonardo e tornou-o seu aprendiz. Em adolescente, foi aprendiz no atelierde Verrocchio. Conta-se que certa vez, o mestre estava pintando um quadrosobre o baptismo de Jesus Cristo e disse a Leonardo para fazer um anjo. Fezum anjo tão perfeito que Verrocchio desistiu de pintar. Em 1472, iniciou investigações anatómicas. Elaborou inúmerosdesenhos e esquemas do corpo humano. O seu primeiro desenho, intitulado“Desenho da Paisagem do Vale do Arno”, é datado de 1473. Até 1480, produziu uma série de pequenos quadros, como a“Madona com Cravo”, a “Madona Benois” e a “Anunciação”. Em 1482, mudou-se para Milão e ofereceu os seus serviços comoengenheiro, escultor e pintor.
  6. 6. De 1483 até 1486, juntamente com Ambrogio e Evangelista de Pedris, aceitou eexecutou a encomenda de uma pintura de altar: “A Virgem dos Rochedos”. De 1487 até 1488, trabalhou como arquitecto no estúdio da Catedral de Milão. Em 1489, Leonardo planeou um tratado de anatomia com base numa grandecolecção de desenhos anatómicos que havia realizado a partir de observações e dissecaçõeshumanas e de animais. De 1489 até 1494, trabalhou na estátua equestre de Fransesco Sforza, emMilão. Nesse mesmo período pintou o “Retrato de Cecilia Gallarani” e de “LucreziaCriveli”. De 1495 até 1498, entregou-se à pintura de “A Última Ceia” encomendada porLudovico Sforza. Em 1500, regressou a Florença e iniciou aquele período que seria o seu períodomais produtivo como pintor. Na Primavera, desenhou uma esboço para a “A Virgem,Santa Ana e o Menino Jesus”, cuja pintura a óleo só foi concluída em 1510. Em 1502, viajou por Itália com Cesar Borgia como arquitecto e engenheiro.Nesta altura, desenhou mapas e outro tipo de representações geográficas. Em 1503, regressou a Florença e iniciou o “Retrato de Lisa del Giocondo”,esposa de Francesco del Giocondo. Nesta altura começou a pintura mural da “Batalha deAnghiari”.
  7. 7. Em 1513, foi para Roma com o seu novo mecenas, Giuliano de Medici. Em 1514/1515, iniciou uma série de experiências científicas. Entre outras coisas,planeou a drenagem dos pântanos de Pintini, a sul de Roma. Em 1516, após a morte de Giuliano de Medici, foi para França trabalhar na corte dorei Francisco I. Leonardo passou o mês de Abril de 1519 de cama, cercado por três quadros. No dia 2de Maio de 1519, Leonardo morre nos braços de Francisco I. Foi Sepultado na Igreja de S.Florentino, em Ambroise, França, destruída durante a revolução francesa. As suas grandes obras são:
  8. 8. RENASCIMENTO É um período que foi marcado por transformações em muitas áreas da vidahumana, que assinalam o fanal da Idade Média e o início da Idade Moderna. Apesardestas transformações serem bem evidentes na cultura, sociedade, economia, políticae religião, caracterizando a transição do feudalismo para o capitalismo e significandouma ruptura com as estruturas medievais, o termo é mais comumente empregadopara descrever os seus efeitos nas artes, na filosofia e nas ciências. Chama-se “Renascimento” em virtude da redescoberta e revalorização dasreferências culturais da antiguidade clássica que nortearam as mudanças desteperíodo em direção a um ideal humanista e naturalista. O termo foi registado pelaprimeira vez por Giogio Vasari no século XVI, mas a noção de Renascimento como oentendemos nos dias de hoje, é defenida por um período como uma época de“descoberta do mundo e do homem”.
  9. 9. O Renascimento foi um movimento cultural surgido em Itália no séculoXV e que, recusando as concepções teocêntricas medievais passa a colocar o Homemno centro de todos os interesses, e o seu bem-estar passa a constituir a principalpreocupação. A principal característica filosófica do Renascimento é a passagem doTeocentrismo, que considera Deus como o centro do Universo e para oAntropocentrismo, que coloca o Homem como o centro do Universo. Apesar de revolucionária no período que surge, esta concepção da vida nãoera completamente nova, pois já a antiga civilização greco-romana defendia aliberdade e a dignidade do Homem procurando criar o “Homem ideal” do ponto devista civíco, intelectual e físico. É devido a este “renascer” da cultura clássica quetambém se dá o nome de Renascimento. A esta valorização do Homem através daimitação dos modelos clássicos greco-romanos é dado o nome de Humanismo. Além dos aspectos mais filosóficos, o pensamento renascentista estendeu-setambém à literatura e às artes. No caso da literatura, este foi o grande veículo detransmissão dos ideais humanistas do Renascimento. Nas artes, o Renascimentotrouxe à regeição o estilo gótico medieval de profunda inspiração religiosa,substituindo-o por um novo estilo que faz a fusão entre elementos pagãos deinspiração clássica e elementos religiosos e da vida do dia-a-dia.
  10. 10. Alguns dos principais vultos das artes Renascentistas foram ositalianos Leonardo da Vinci, Miguel Ângelo, Rafael, Donatello e Botticelli;os flamengos Van Eyck, Jerónimo Bosch e Brueghel; e o espanhol El Greco.Em Portugal destacam-se Nuno Gonçalves (o presumível autor dos painéis deS. Vicente) e Grão Vasco.
  11. 11. A OBRA “A VIRGEM, SANTA ANA E O MENINO JESUS”
  12. 12. É uma das pinturas italianas deLeonardo da Vinci e está exposto no Museu doLouvre, em Paris. Foi pintada em Milão entre1508 e 1510, sendo óleo sobre madeira e tendousado a técnica do sfumato. Esta obra retrata a Virgem Maria, o seufilho Menino Jesus e a sua mãe, Santa Ana, emuma cena privada e intimista da vida daspersonagens em plena natureza. O que faz estapintura incomum é que há duas figurasposicionadas obliquamente, sobrepostas. O Menino Jesus estica os braços paraabraçar o cordeiro, sinal de seu próprio evindouro sacrifício, as duas mulheres olham paraele com uma expressão de ternura. EnquantoMaria está sentada no joelho de sua mãe, SantaAna. Ela inclina-se para a frente para segurar omenino Jesus que brinca com o cordeiro, oMenino retribui com um olhar de segurança ecompreenção.
  13. 13. Na composição desta pintura,Leonardo mostra novidades que serão adotadasprincipalmente pelos pintores venezianosTiciano e Tintoretto, bem como Andréa DelSarto, Pontormo e Corregio. No fundo do quadro há cordilheirasgeladas, que aos poucos perdem a sua nitidezdevido à distância. A maior parte das pinturasde Leonardo, possui montanhas oucordilheiras, como por exemplo, o quadro“Mona Lisa”. As figuras, incluído o cordeiro,conservam uma aparência leve e suave atravésdo esbatimento da cor, a técnica do sfumato,que foi a técnica mais aplicada nas obrastardias de Leonardo.
  14. 14. OS SEUS SEGREDOS Os especialistas descobriram no reverso desta pintura, trêsdesenhos traçados em painéis de madeira constiuídos por quatro pranchasverticais, através de câmaras de infravermelhos.•O primeiro desenho é uma cabeça de cavalo em que o animal parecequerer apanhar algo com o focinho, mede 18 cm de altura e 10 cm delargura;•O segundo desenho representa metade de um crânio humano com acavidade orbital, parte da cavidade nasal e do maxilar com os dentes, medecerca de 16,5 cm de altura e 10 cm de largura;•Numa outra prancha foi descoberta uma figura do menino Jesus com 115cm de altura. Mas o desenho apenas apresenta meio corpo do menino, coma cabeça virada para a direita, bricando com o cordeiro, que poderá estarrelacionado com o que está representado no quadro.
  15. 15. DESENHOS DA CABEÇA DE CAVALO E DO CRÂNIO
  16. 16. CONCLUSÃO Com este trabalho concluí que Leonardo da Vinci, para além de serfamoso pelas suas obras principais, foi um dos maiores génios da história,devido à sua multiplicidade de talentos para ciências e arte e pela suaengenhosidade e criatividade. Este trabalho foi-me bastante útil para aprofundar os nossosconhecimentos e esforcei-me para apresentar uma biografia completa, umamelhor definição e explicação do Renascimento e de referir os aspectos e oseu significado no contexto dos respetivos movimentos artísticos que inseremna obra “A Virgem, Santa Ana e o Menino Jesus” incluído os desenhosdeixados pelo Leonardo no reverso da sua obra.
  17. 17. BIBLIOGRAFIA Sites sobre a biografia:•http://pt.wikipedia.org/wiki/Leonardo_da_Vinci•http://www.educ.fc.ul.pt/icm/icm2000/icm33/Leonardo2.htm•http://www.netsaber.com.br/biografias/ver_biografia_c_1153.html•http://www.educ.fc.ul.pt/docentes/opombo/seminario/davinci/biografia.htm Sites sobre o Renascimento:•http://pt.wikipedia.org/wiki/Renascimento•http://agnazare.ccems.pt/EB23EMUS/3_ciclo/renascimento.htm•http://www.notapositiva.com/dicionario_historia/renascimento.htm
  18. 18. Sites sobre a obra:•http://artepublicidade.blogspot.pt/2011/03/virgem-o-menino-jesus-e-santana.html•http://pt.wikipedia.org/wiki/A_Virgem_e_o_Menino_com_Santa_Ana•http://pt.wikipedia.org/wiki/Anexo:Lista_de_pinturas_de_Leonardo_da_Vinci•http://piscadegente.blogspot.pt/2008/12/os-segredos-de-virgem-o-menino-jesus-e.html•http://www.publico.pt/Cultura/descobertos-tres-desenhos-no-reverso-de-um-quadro-de-leonardo-da•http://www.davinci.net76.net/pintor/1500.html•http://ashera.sedrul.net/?p=995•http://www.radioitaliana.com.br/content/view/875/56/•http://www.angelfire.com/az/arquitetura/RodLeonardo.html•http://www.slideshare.net/fabionice5/leonardo-da-vinci-1602104

×