DANILO DIAS_SMITHS DETECTION_SEMINÁRIO AIE 2015

864 visualizações

Publicada em

Apresentação do Presidente da Smiths Detection Brasil, Danilo Dias, no Seminário Airport Infra Expo - Gestão de Aeroportos.

Publicada em: Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
864
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
17
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • .
  • DANILO DIAS_SMITHS DETECTION_SEMINÁRIO AIE 2015

    1. 1. www.smithsdetection.comSmiths Detection Bringing technology to life Seminário Gestão de Aeroportos Aeroporto Regional e Essencial Painel 2 – Segurança como fator de eficiencia 24 de Março de 2015 Danilo Dias – CEO Smiths Detection Brasil Danilo.dias@smithsdetection.com
    2. 2. Seminário de Gestão de Aeroportos – Março 2015 | 2 Agenda GESTÃO DE AEROPORTOS – AEROPORTOS REGIONAIS E ESSENCIAIS Quais são os fatores que devem ser considerados no desenvolvimento de aeroportos regionais? Qual é a importância dos aeroportos essenciais? Veja abaixo os temas transversais e tópicos abordados: Temas transversais Planejamento, construção, manutenção e operações; Regulação técnica; Estruturas de safety e security; Transporte de cargas; Modelos de negócios; Estrutura de governança Tópicos abordados - O futuro da malha aérea brasileira com o desenvolvimento dos aeroportos regionais: ligações ponto a ponto, ligações “hub & spoke e “hub by pass” - Desafios da regulamentação técnica - Desafios para desenvolver o melhor formato custo-benefício para o aeroporto - Tecnologias - Desenvolvimento urbano e meio ambiente
    3. 3. Seminário de Gestão de Aeroportos – Março 2015 | 3 Grupo Smiths: Operando em cinco divisões. Cada uma delas com um forte crescimento e alcance global Smiths Detection é líder Mundial na prática de aplicações de tecnologias avançadas. Tornando o mundo mais seguro, mais saudável e mais produtivo. • Vendas 2014: US$ 4.5B • Listados na Bolsa de Valores de Londres • Membro do FTSE 100 maiores companhias UK • Fundado em 1851 • 23.000 funcionários em mais de 50 países Smiths Medical - vendas US$ 1.3B Especializada em dispositivos e equipamentos para tratamentos de saúde críticos Engenharia mecânica de vedações para bombas Mangueiras, Tubos e componentes projetados para movimentar fluídos Tecnologia avançada em produtos eletrônicos de frequência de rádio Interconnect - vendas US$ 600M Flex-Tek - vendas US$ 350M Smiths Detection - vendas US$ 0.9B Produtos tecnológicos regulamentados pelo governo para detectar & identificar material CBRNE e outros objetos ilegais e perigosos para segurança e uso militar. John Crane - vendas US$ 1.4B
    4. 4. Seminário de Gestão de Aeroportos – Março 2015 | 4 1200012000 Smiths Detection Clientes em cinco segmentos de indústria Aeroportos, Portos & Fronteiras, Estruturas Críticas, Militar e Eventos Globais
    5. 5. Seminário de Gestão de Aeroportos – Março 2015 | 5 Agenda Aviação Regional Novas tecnologias disponíveis Desenhando o futuro
    6. 6. Seminário de Gestão de Aeroportos – Março 2015 | 6 Aviação Regional •Lançado em 2012 pela presidenta Dilma Rousseff, o plano de aviação regional prevê a construção, reforma ou ampliação de 270 aeroportos. Destes, 229 já estão com projeto em elaboração •Corte de gastos anunciada pela nova equipe econômica do governo federal, não deverá afetar o projeto, pois a aviação civil tem recursos próprios (Fnac - Fundo Nacional da Aviação Civil - em 2015 a previsão é arrecadar R$ 4,2 bilhões) •Infraero está em fase de transição e a tendência é usar cada vez menos recursos da União. Seguindo sua vocação e grande expertise se discute a criação da Infraero Serviços, prestando serviços aqui e no exterior •O programa da aviação regional (PIL) preve que 96% da população brasileira esteja a até 100 quilômetros de distância de um aeroporto •Um voo regional é em média 31% mais caro por quilômetro do que um voo entre capitais. Temos que entender que esta malha bem gerida e com adequada rentabilidade ira contribuir não só para a integração nacional e desenvolvimento, mas também potencializar o trafego nos grandes aeroportos
    7. 7. Seminário de Gestão de Aeroportos – Março 2015 | 7 Agenda Aviação Regional Novas tecnologias disponíveis Desenhando o futuro
    8. 8. Seminário de Gestão de Aeroportos – Março 2015 | 8 Principais Tecnologias Concentrando-se em 6 principais tecnologias Sensores Químicos e Biológicos (chem/bio) Sistemas Convencionais de Raios X (CXS) Sistemas de Inspeção de Cargo (CIS) Sistemas de Detecção de Explosivos (EDS) Sistemas de Ondas Milimétricas (MMW) Produtos de Rastreamento, Radiação e Nucleares (TRC)
    9. 9. Seminário de Gestão de Aeroportos – Março 2015 | 9 Portal detector de metal de última geração  Baixíssimo nível de falso alarme possibilita maior agilidade e segurança no processo de detecção  Vasta gama de detecção de objetos  Capacidade de ajuste do nível de screening  Indica a posição da possível ameaça através de leds laterais  Security scanners detectam uma quantidade de objetos substancial APPROVED
    10. 10. Seminário de Gestão de Aeroportos – Março 2015 | 10  Detecção automática de objetos na superfície corporal: armas, explosivos, narcóticos, notas, metais, etc  Throughput of >250/hora  Ocupação mínima de espaço e fácil integração com o check point existente  Não utiliza radiação, sendo seguro para qualquer tipo de uso  Avaliação de 360o  ECAC Standard 2 eqo – escaneamento milimétrico de pessoas APPROVED
    11. 11. Seminário de Gestão de Aeroportos – Março 2015 | 11 CXS dual view APPROVED • Deteção automática de explosivos • Alta disponibilidade e velocidade • Imagens de alta qualidade - 35/37mm em aço
    12. 12. Seminário de Gestão de Aeroportos – Março 2015 | 12 Faca Vantagens da visão dupla
    13. 13. Seminário de Gestão de Aeroportos – Março 2015 | 13 EDS – Detetor de automático de explosivos • Maior interface com os principais sistemas de gerenciamento de bagagens (Crisplant, Siemens, Vic Thompson, Vanderlande, etc.) • Sofisticada gestão de projetos permite a integração e comissionamento de soluções customizadas • Líder global com mais de 1400 unidades instaladas com certificações da ECAC, TSA e Infraero • Até 1800 bagagens escaneadas por hora • Descriminação de material • Dois tipos de plataformas implementadas no Brasil – HI-SCAN 10080 EDX-2is scanner de raios X com vista dupla para detecção automática de explosivos – HI-SCAN 10080 EDtS sistema de detecção automática de explosivos com cinco vistas APPROVED
    14. 14. Seminário de Gestão de Aeroportos – Março 2015 | 14 Tritonal Most Military Explosives Dynamite (ordinary) Dynamite (unigel) Most Comercial Explosives Black Powder Smokeless Powder Most Gun Powders Zeff Density Semtex C4Water Chocolate Technology Overview Importância de multiplas formas de detecção: peso atômico e densidade
    15. 15. Seminário de Gestão de Aeroportos – Março 2015 | 15 Agenda Aviação Regional Novas tecnologias disponíveis Desenhando o futuro
    16. 16. Seminário de Gestão de Aeroportos – Março 2015 | 16 • Mais rápido screening da indústria (0.5 m/sec) – Até 1800 bph • Alta resolução de imagem • Maior túnel disponível (107 cm x 81 cm rectangular) • Alta resolução em imagens 2D e 3D com visão 360o • Baixíssimo falso positivo através do mais efetivo algoritimo • Baixo custo de operação e menos staff necessário • Maior baixo custo de escaneamento por mala • Novo padrão para todas as novas instalações na Comunidade Européia • Composto de duas tecnologias: • High resolution dual-view, dual-energy line scanner • Volumetric Computed Tomography (CT) scanner com construção de imagens 3D APPROVED UNDER CERTIFICATION HI-SCAN 10080 XCT
    17. 17. Seminário de Gestão de Aeroportos – Março 2015 | 17 EDS padrões internacionais em uso • ECAC (European Civil Aviation Commission) • Padrão europeu inclui requirementos de qualidade de imagem • Apenas as unidades listadas no site foram aprovadas • TSA Certificação padrao 2010 • Involve o teste em uma seria situações com malas testes contendo explosivos • Avaliação de POD (Probability of Detection) e PFA (Possibility of False Alarms) • Desenvolvido para assegurar a melhor performance possivel
    18. 18. Seminário de Gestão de Aeroportos – Março 2015 | 18 Requirementos ECAC/ EU •Comunidade Européia definiu limites para implementação dos padrões •Std 2 equipment pode ser usado até 2022 ECAC informação regulatória HI-SCAN 10080 EDX-2is e EDtS são EU Standard 2 HI-SCAN 10080 XCT - EU Standard 3 Usage Extended Usage Standard 1 Standard 2 Standard 3 All new installations must meet Std3 Sep Jan Sep Sep Sep 2007 2012 2014 2014 2020 2022
    19. 19. Seminário de Gestão de Aeroportos – Março 2015 | 19 ECAC (European Civil Aviation Conference) 44 Member States Utilizing EU Standards Additional Non ECAC Member States Recognizing or Using EU Standards EDS Overview Albania Georgia Netherlands Armenia Germany Norway Austria Greece Poland Azerbaijan Hungary Portugal Belgium Iceland Romania Bosnia Ireland San Marino Bulgaria Italy Serbia Croatia Latvia Slovakia Cyprus Lithuania Slovenia Czech Republic Luxembourg Spain Denmark Malta Sweden Estonia Moldova Switzerland Finland Monaco Macedonia France Montenegro Turkey Ukraine United Kingdom Australia New Zealand South Korea Canada Saudi Arabia United Arab Emirates India South Africa ECAC informação regulatória
    20. 20. Airport Infra Expo 17-19 Set 2014 | 20 HI-SCAN 10080 XCT: Vantagens de multiplas imagens • Algorítimo altamente confiável para detecção de explosivos • Alta resolução 2D e 3D identifica fios e detonadores 3D Image: Identifica posição 2D MAT Image: Identifica detalhes Technologia Detecção de explosivos Operator: Identificação de fios e detonadores
    21. 21. Seminário de Gestão de Aeroportos – Março 2015 | 21 Networking • Demanda crescente por centros de comando e controle para gestão de ocorrências de forma centralizada • Avaliação de processamento de bagagens com comparativos de efienciência por aeroporto • Redução de custos • Possiblidade de double check de atividades de forma centralizada • Plataformas EDtS, EDX-2is, XCT e CXS-2is • Padronização da parametrização • Back-up centralizado APPROVED
    22. 22. Seminário de Gestão de Aeroportos – Março 2015 | 22 LAN Fast Ethernet IEEE 802.3u HMC / IMM X-ray 1 HMC X-ray 2 Proprietary Image Distribution Network Airport Network Grandes benefícios quando combinadas nas plataformas EDS e CXS Networking Design
    23. 23. Seminário de Gestão de Aeroportos – Março 2015 | 23 • Sistema de automação de processamento de bagagem com escoamento automático de bagagens suspeitas • Aumento significativo do throughput com redução de até 20% de hardware • Automação e padronização de filas • Alto nível de segurança • Totalmente automático • Melhoria da utilização do staff ILANE APPROVED
    24. 24. Seminário de Gestão de Aeroportos – Março 2015 | 24 ILANE
    25. 25. Seminário de Gestão de Aeroportos – Março 2015 | 25 ILANE Recursos
    26. 26. Seminário de Gestão de Aeroportos – Março 2015 | 26 ILANE Feedback
    27. 27. www.smithsdetection.comSmiths Detection Bringing technology to life Danilo Dias CEO Smiths Detection Brasil Danilo.dias@smithsdetetion.com Segurança não é somente um requisito, mas uma garantia de melhor eficiíncia, custos mais competitivos, maior rapidez para os passageiros através de melhores processos, pessoas e tecnologia Seminário Gestão de Aeroportos Aeroporto Regional e Essencial Brasilia – 24-25 Março 2015

    ×