Cães e suascaracterísticas
 Cada  raça de cachorro possui uma  característica diferente da outra.  Enquanto uma raça de cão é mais calma  a outra é ...
 Pré-História   Pinturas pré-históricas encontradas na Espanha    demonstram que o cão era usado como animal de    caça ...
    Dentes   Todos cães tem algo em comum entre todas    as raças, a mesma fórmula dentária, que têm    42 dentes, 12 in...
  Pertencentes à família dos Canídeos.   A família dos canídeos é bem variada, pertencem    animais ferozes como o lobo ...
   É importante fixar que o cão é um ser vivo que compreende    as energias ao seu redor, por isso, tenha consciência de ...
Bibliografia http://www.webciencia.com/02_cao.htm http://www.portalsaofrancisco.com.br/alf a/caes/caes-1.php http://www...
 Trabalho         elaborado por: Adriana      Cardoso Nº   1 Turma:       C Ano:     7
Cães e suas características.
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Cães e suas características.

13.092 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
13.092
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
35
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Cães e suas características.

  1. 1. Cães e suascaracterísticas
  2. 2.  Cada raça de cachorro possui uma característica diferente da outra. Enquanto uma raça de cão é mais calma a outra é super excitada e agitada. Anatomia externa de um cão (Canis familiaris), é um mamífero doméstico do qual existem diversas raças adestradas, como cães de guarda, policiais, pastores, de tiro, de caça e de luxo. Vivem aproximadamente até os 20 anos. Suas características são muito variadas, de modo que se tornou impossível descrever o cão.
  3. 3.  Pré-História Pinturas pré-históricas encontradas na Espanha demonstram que o cão era usado como animal de caça há cerca de 7 mil anos. O historiador Heródoto conta que, no Egipto, quando morria um cão, o dono e sua família ficavam de luto. O cão é o mais antigo dos animais domésticos, e tem uma altura variável entre 20 cm (Chihuahua) e 1 metro (São-Bernardo). Pesa no mínimo 1.500 g e, no máximo, quase 100 kg. Depois, ao longo dos séculos, especializou as raças nas funções mais diversas: para a guarda (o cão tem uma aguda noção de território), a vigilância de rebanhos, a participação em diferentes modalidades de caça, a tracção de trenós, a orientação de cegos, as competições (corridas de galgos) ou simplesmente para fazer companhia ao dono. O cães aprendem a nadar, a dar saltos, a aproximar-se de uma presa em silêncio, a identificar um cheiro determinado, etc.
  4. 4.  Dentes Todos cães tem algo em comum entre todas as raças, a mesma fórmula dentária, que têm 42 dentes, 12 incisivos, 4 caninos, 16 pré- molares e 10 molares. Os dentes caninos mais agudos e mais fortes nos canídeos selvagens aferram a presa; os molares servem para cortar a carne.  Pernas Os canídeos andam sobre as pontas dos dedos. As patas anteriores possuem cinco dedos e as posteriores, quatro. Todos terminam em unhas muito fortes, que não se retraem, ocultando-se, como as dos gatos.
  5. 5.  Pertencentes à família dos Canídeos. A família dos canídeos é bem variada, pertencem animais ferozes como o lobo ou o dingo, astutos como a raposa e o animal mais fiel ao homem: o cão. Veja alguns exemplares dos canídeos mais comuns, além do cão: o Chacal, o Coiote, o Lobo, o Dingo, a Raposa, o Feneco e a Hiena. Acredita-se que o cão descenda do lobo e do chacal, espécies com as quais é capaz de cruzar-se perfeitamente. Da raposa, a distância que o separa é maior.  Reprodução A reprodução do cão é rápida, com 2 meses de gestação, seis semanas de amamentação, dentição definitiva aos cinco meses e maturidade sexual com um ano (dois períodos fecundos por ano, geralmente em Janeiro e Agosto).
  6. 6.  É importante fixar que o cão é um ser vivo que compreende as energias ao seu redor, por isso, tenha consciência de que abrigar um cachorro não é apenas alimentá-lo e levá-lo para passear. Ele também necessita de muito amor, dedicação e paciência de todos. Um animal não deve ser visto como um “presente material”, e sim como um compromisso de amizade que perdurará por toda sua vida. Com todas as responsabilidades que um filho exige, encare o cachorro desta mesma forma – o bem estar dele depende sempre de seus cuidados. Cuide de sua alimentação, forma física, leve-o periodicamente ao veterinário e certifique-se de que sua vacinação está em dia. Nosso companheiro de quatro patas só quer carinho, água fresca, prato cheio, um lugar gostoso para deitar e uma bolinha colorida. Lembre-se que muitos cachorros aguardam um lar em casas para adoção e estão prontos para dar o que de melhor possuem – lealdade.
  7. 7. Bibliografia http://www.webciencia.com/02_cao.htm http://www.portalsaofrancisco.com.br/alf a/caes/caes-1.php http://www.dogdogs.net/caracteristicas- e-curiosidades-das-racas-de-caes/
  8. 8.  Trabalho elaborado por: Adriana Cardoso Nº 1 Turma: C Ano: 7

×