Cursos técnicos -Feira do estudante

401 visualizações

Publicada em

Apresntação para a Feira do Estudante, Manaus, 25/09/2014

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
401
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
13
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • Essa palestra não é apenas sobre o Pronatec, mas sobre o Mercado de Trabalho em Comércio s e Serviços, principalmente sobre a interferência da Copa do Mundo em Manaus.
    Digite seu Nome, cargo e setor.
  • Discurso da Presidenta, na Olimpíada do Conhecimento.
    É importante falar sobre o “apagão técnico”.
    Nos anos 90, as escolas públicas deixaram de oferecer cursos técnicos, concomitantes com o ensino médio, dando lugar apenas para os cursos “acadêmicos”. Depois de 20 anos foi
  • Discurso da Presidenta, na Olimpíada do Conhecimento.
    É importante falar sobre o “apagão técnico”.
    Nos anos 90, as escolas públicas deixaram de oferecer cursos técnicos, concomitantes com o ensino médio, dando lugar apenas para os cursos “acadêmicos”. Depois de 20 anos foi
  • Ainda há a cultura de achar que só o Ensino Superior é válido de investimento por parte dos jovens.
    Acontece que o Mercado precisa, cada vez mais, de profissionais técnicos.
  • Existem muitos profissionais de Ensino Superior desempregados.
    Vários são os motivos: a concorrência das vagas; a baixa qualidade de muitas faculdades; alguns cursos superiores que já estão saturados no mercado, etc.
  • Mais da metade das vagas não são preenchidas.
    Na área do comércio chega a mais de 60%.
  • Cursos técnicos -Feira do estudante

    1. 1. Dilema do jovem: “Que profissão escolher” Cursos Técnicos AAddaaiillttoonn FF.. ddee AAssssiiss -- SSuuppeerrvviissoorr PPeeddaaggóóggiiccoo SSEENNAACC//AAMM -- 2255//0099//22001144 MMaannaauuss -- AAMM
    2. 2. “Graças a um “vigoroso e duradouro” desenvolvimento conquistado nos últimos anos, o Brasil tem carência de trabalhadores em algumas áreas, nesse sentido sugiram vários programas e projetos de instituições públicas e privadas na oferta de cursos profissionalizantes livres e cursos técnicos.
    3. 3. Que educação é essa? Cursos Profissionalizantes Livres - Aprendizagem; -Capacitação (160h); -Aperfeiçoamento; -Geralmente são entre 15h e 200h. Cursos Técnicos -MEC; -Mínimo 800h.
    4. 4. Dilema no Ensino Superior • Os pais ainda cobram muito dos filhos uma formação superior. Mas quem tem 18 anos e conclui um curso técnico já entra no mercado de trabalho com uma boa remuneração.
    5. 5. Dilema no Ensino Superior Na hora de escolher uma formação, o jovem deve pensar que mais vale uma boa capacitação técnica do que uma graduação de baixa qualidade.
    6. 6. Vantagens nos cursos técnicos ou profissionalizantes? • A chance de uma pessoa da população em idade ativa com formação profissional concluída é 48,2% maior que outra pessoa sem estes cursos, mas com características observáveis iguais. Fonte: Instituto Votorantim / Centro de Políticas Sociais da Fundação Getúlio Vargas.
    7. 7. Vantagens nos cursos técnicos ou profissionalizantes? • A possibilidade de estar empregado com carteira assinada chega a 38% maior de quem não fez curso profissionalizante. Fonte: Instituto Votorantim / Centro de Políticas Sociais da Fundação Getúlio Vargas.
    8. 8. Vantagens nos cursos técnicos ou profissionalizantes? Os salários de quem fez curso profissionalizante são maiores: •15,1% a mais para o técnico de nível médio; •11,5% a mais para a qualificação profissional. Fonte: Instituto Votorantim / Centro de Políticas Sociais da Fundação Getúlio Vargas.
    9. 9. Vantagens nos cursos técnicos ou profissionalizantes? 57% das vagas abertas que exigem essa qualificação não são preenchidas. O apagão de profissionais é mais evidente em eletrotécnica, mecatrônica, informática, construção civil e telecomunicações. Pesquisa da consultoria Manpower Brasil,
    10. 10. Por que fazer um curso técnico? 1. São de menor duração 2. Custam menos (muitos são gratuitos) 3. São cursos focados na prática
    11. 11. Por que fazer um curso técnico? 4. Tem boa aceitação no mercado de trabalho 5. Salários bons 6. Um passo para a universidade
    12. 12. Números sobre os cursos técnicos Onde são realizados? 43% Sistema S (Senac, Senai, Senar e Sebrae) 37% A rede privada 20% Rede pública Fonte: CNI / IBOPE / 2014
    13. 13. Números sobre os cursos técnicos Mais de 70% dos ex-alunos de cursos técnicos conseguem emprego no primeiro ano depois do curso. Fonte: CNI / IBOPE / 2014
    14. 14. Números sobre os cursos técnicos Razões para a escolha dos cursos técnicos: 53% dizem que ela permite ingresso mais rápido no mercado de trabalho; 47% que têm o desejo de se qualificar em uma profissão específica; 28% que ela amplia as oportunidades de acesso ao mercado de trabalho. Fonte: CNI / IBOPE / 2014
    15. 15. Números sobre os cursos técnicos 25% dos brasileiros já freqüentou ou freqüenta algum curso de educação profissional. Razões para que nunca tenham feito cursos técnicos: 40% Falta de tempo para estudar 26 % Falta de recursos para pagar 22% Falta de interesse Fonte: CNI / IBOPE / 2014
    16. 16. Números a educação de jovens no Brasil 44% dos brasileiros entre 16 e 24 anos estudam atualmente. • Ensino superior 18% • Ensino médio 15% • Ensino fundamental 5% • Ensino profissional 3% • Ensino médio vinculado ao técnico 3% Fonte: CNI / IBOPE / 2014
    17. 17. Cursos Técnicos Brasil X Nações Desenvolvidas • Nas 34 nações mais desenvolvidas, a média dos jovens fazendo educação profissional é 35%. Fonte: Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE). • No Brasil, são 6%, somando os que cursam o ensino médio integrado ao técnico e apenas o ensino profissional. Fonte: CNI / IBOPE / 2014
    18. 18. Cursos Técnicos em evidência
    19. 19. Técnico em Meio Ambiente Profissionais capacitados a entender e propor soluções para os mais diversos problemas ambientais. Segundo especialistas, o salário médio pago para este profissional nos primeiros anos é próximo a R$ 2.000,00.
    20. 20. Técnico em Segurança no Trabalho É ele o responsável pela segurança dos trabalhadores nas obras e indústrias e também por certificar que o material de segurança utilizado é o adequado. Além da boa oferta de vagas, o salário também é bastante satisfatório, chegando a pagar nos primeiros anos cerca de R$ 1.800,00.
    21. 21. Técnico em Informática •Técnico em Manutenção e suporte de Computadores •Técnico em Redes •Técnico em Desenvolvimento Apesar dos salários não serem os mais altos, a oferta de vagas é um fator determinante para os próximos anos. Em média, o salário desses profissionais é de R$ 1.500,00.
    22. 22. Técnico em Informática Costumam encontrar muitas oportunidades, principalmente em grandes indústrias e fábricas. O salário médio inicial desse profissional é de R$ 2.000,00 e a oferta de vagas é grande, principalmente nas indústrias de automóvel.
    23. 23. Técnico em Eletrônica Esses profissionais podem atuar em indústrias de produtos eletrônicos e até na indústria e prestação de serviços em Telecomunicações. O salário médio desse profissional nos primeiros anos é de R$ 1.700,00.
    24. 24. Técnico em Logística Profissional que tem como meta planejar, programar e coordenar as operações de transporte e distribuição de uma empresa. O PIM tem muito interesse por esse profissional. O salário médio inicial é R$ 2.100.
    25. 25. Outros Cursos em Evidência • Técnico em Comunicação Visual • Técnico em Telecomunicações • Técnico em Construção Civil • Técnico em Geoprocessamento • Técnico Desenvolvimento Mobile • Técnico em Redes de Computadores
    26. 26. Programa SENAC de Gratuidade -PSG Em consonância com a missão de educar para o trabalho em atividades de comércio de bens, serviços e turismo, no ano de 2009, o Senac formatou o “Programa Senac de Gratuidade”, também conhecido como PSG, cujo objetivo é promover a inclusão social através da oferta de vagas gratuitas para a população de baixa renda em cursos de Formação Inicial e Nível Técnico.
    27. 27. Como funciona o PSG? • Acessar o site do SENAC: www.am.senac.br • Localizar o banner do PSG • Localizar o Edital vigente. • Informações do Edital: Cursos; Locais. Paríodos; horários; vagas; Pré-requisitos; Dia da Inscrição. • Inscrição por ordem de chegada.
    28. 28. Referências • http://educarparacrescer.abril.com.br/blog/boletim-educacao/2010/05/26/vale-pena- fazer-um-curso-profissionalizante/ • http://g1.globo.com/educacao/noticia/2014/02/70-de-ex-alunos-de-cursos-tecnicos- tem-emprego-em-um-ano-pos-curso.html • http://www.guiadacarreira.com.br/artigos/carreira/5-cursos-tecnicos-promissores- para-2014/ • http://cbic.org.br/sala-de-imprensa/noticia/apagao-da-mao-de-obra-valoriza-o-ensino- tecnico • http://www.epsa.com.br/noticias/pt-br/ler/79/por-que-fazer-um-curso-tecnico • www.am.senac.br • http://pronatec.mec.gov.br
    29. 29. “A educação exige os maiores cuidados, porque influi sobre toda a vida.” Sêneca – Filósofo Romano Obrigado! adailtonf@hotmail.com
    30. 30. Obrigado! adailtonf@hotmail.com

    ×