Agile segundo o PMI

864 visualizações

Publicada em

Publicada em: Negócios
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
864
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
19
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
51
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • Good afternoon! I am Gene Bounds, and I’m very pleased to be here representing PMI’s Board of Directors.
  • Agile segundo o PMI

    1. 1. Agile Segundo o PMI Achiles Camilo PMI-ACP, CAPM, CSM, MCTS Diretor Adjunto de Certificação
    2. 2. The Agile Alliance surge!! • De 11 a 13 de Fevereiro de 2001 um grupo intitulado “The Agile Alliance” composto por criadores de metodologias como XP, Scrum, Crystal, DSDM (e outros) se reuniram e criaram algo simples: • O Agile Manifesto pode ser visto através do site http://agilemanifesto.org • Desde então, temos o conceito ágil estruturado e os objetivos do Agile claro para qualquer um!!
    3. 3. E se popularizou o/ • Desde então vários evangelistas se espalharam pelo mundo; • Livros, artigos, fóruns, comunidades e uma infinidade de meios são utilizados para expor essa 8ª maravilha ao mundo!!; • Mas isso nos traz um pequeno probleminha: – Cada empresa, cada equipe e cada pessoa entende Agile como acha conveniente, logo... – Temos empresas/equipes/pessoas ágeis que não são tão ágeis assim...
    4. 4. E o tal do PMI? • Projetos todo mundo faz.. mas existe alguma padronização?? • Tudo começou quando um cara, “Ned” Engman, em 1967 chamou 5 amigos para fundar uma Organização de Gerenciamento de Projetos... apenas 3 apareceram; • Em 1969 Susan Gallagher se juntou ao grupo dos 4 homens; • E um deles, James Synder, Gerenciamento de Projetos; fundou o Instituto de
    5. 5. E o tal do PMI? • O objetivo do PMI era (e é) difundir as melhores práticas de Gerenciamento de Projetos ao mundo; – Simples assim!! • O PMI não fala como se deve gerenciar projeto, o PMI não ensina como gerenciar projetos e não define uma metodologia! • É apenas uma instituição que busca difundir as “boas práticas”;
    6. 6. E o tal do PMI? • Mais de 430 mil membros, divididos em aproximadamente 265 países; • Mais de 40 standards (boas práticas) desenvolvidos; • Mais de 4 milhões de cópias do PMBOK em circulação; • Mais de 600 mil profissionais cerificados pelo mundo; Dados de: Agosto/2013
    7. 7. Boas práticas de GP... Seria o PMBOK? • Em 1983 o PMI publicou um White Paper chamado: A Guide to the Project Management Body of Knowledge (PMBOK Guide) • Em 1996 publicaram um livro com o mesmo nome e desde então, a cada 4 anos uma nova versão é lançada (estamos na 5ª edição!!) • O PMBOK não é uma metodologia e os 47 processos (isso mesmo, 47) não são obrigatórios! Apenas são um conjunto de processos que podem ou não ser utilizadas por cada um… basicamente, um framework;
    8. 8. PMBOK é a bíblia de Gerenciamento de Projetos?? • Não existe apenas o PMBOK que apresenta as melhores práticas e fornece os conceitos básicos de GP; • Há a Competence Baseline do IPMA, que fornece uma visão ampla e com foco em negócios; • Há o Governo Inglês com a metodologia PRINCE2 (mesmos criadores do ITIL); • Existe a ISO 21500:2012;
    9. 9. Se GP ≠ PMI, então o que é Gerenciamento de Projetos? • Segundo o PMBOK: – “Projeto é um esforço temporário empreendido para alcançar um objetivo específico.” • Isso é o que precisamos entender... Projeto é todo aquele esforço TEMPORÁRIO que produza um produto ou serviço; • As atividades do dia-a-dia são processos. E se eu quiser até mesmo ter cada atividade como um projeto, tudo bem... cada doido com sua loucura, mas lembre-se: É TEMPORÁRIO!!!
    10. 10. Gerenciamento de Projetos é mais fácil do que parece • Vamos entender de forma simples: • Execução de atividades todo mundo faz... Um Neanderthal, 30 mil anos atrás, ia a caça todo dia; • O ato de caçar é uma ação temporária, pois ele sai em busca e retorna ao final do dia, atingindo o resultado esperado ou não; • Porém, não havia controle sobre essa atividade, ele apenas executava o que tinha que ser feito;
    11. 11. Gerenciamento de Projetos é mais fácil do que parece • Com o tempo, o Homo Sapiens reconheceu a necessidade de monitorar e controlar seus trabalhos; • Como exemplo, podemos citar o papel dos guardas que vigiavam escravos em construções de casas, monumentos e pequenas pirâmides 10 mil anos atrás no Egito Antigo; • Mas para se fazer algo grande, com uma maior complexidade, é necessário também planejar!!
    12. 12. Gerenciamento de Projetos é mais fácil do que parece • Para se construir a Grande Pirâmide de Gaza foi necessário planejamento (alguém duvida?)... E ela ficou pronta 5 mil anos atrás; • Mas saibam que antes dos “arquitetos” iniciarem o projeto da Grande Pirâmide, eles analisaram o que já tinha sido feito de certo e errado até o momento... • Temos as lições aprendidas!!
    13. 13. Gerenciamento de Projetos é mais fácil do que parece • Resumindo, antes tínhamos somente a Execução; • Depois, por necessidade, adicionamos o Monitoramento e o Controle; • Com o passar do tempo, aprendemos a Planejar e a Iniciar o projeto consultando uma base histórica; • E tudo isso Encerra no final;
    14. 14. Gerenciamento de Projetos é mais fácil do que parece Monitoramento & Controle Iniciação Planejamento Encerramento Execução
    15. 15. Mas Agile e PMI não são água e óleo? • Vários xiitas afirmam que PMI e Agile não se misturam • Infelizmente, vários “agilistas” se esquecem dos conceitos e apenas entram complementares! na onda de que PMI e Agile são
    16. 16. Integrando o PMBOK com o Agile • Para entender a integração Agile x PMBOK vamos aos conceitos: – O PMBOK é um framework que recomenda o que fazer para estar aderente às boas práticas; – Os métodos ágeis (como o nome diz) são métodos e nos diz como fazer, como executar as atividades do projeto; • Ex: – O PMBOK fala: Defina o Escopo – O Scrum fala: Crie um backlog do produto e um do Sprint
    17. 17. Integrando o PMBOK com o Agile • Em uma leitura do PMBOK e um estudo de alguns métodos ágeis, logo se nota que ambos se encaixam em perfeita harmonia; • Além disso, também irão perceber que todos os que gerenciaram, lideraram ou “conduziram a equipe”, executaram alguns processos recomendados nas Boas Práticas!; • Afinal, são boas práticas, ou seja, práticas utilizadas em projetos com sucesso. Mais uma vez: Práticas!!
    18. 18. Integrando o PMBOK com o Agile Monitoramento & Controle Iniciação Planejamento Encerramento Execução
    19. 19. Integrando o PMBOK com o Agile Visão do Produto Produto Incrementado Entrega do Produto Backlog do Produto Stand Up Meetings Backlog do Sprint 2~4 semanas Revisão da Iteração
    20. 20. Integrando o PMBOK com o Agile M&C Inic Plan M&C Enc Inic Plan Enc Exec M&C Inic Exec M&C Plan Enc Exec Inic Plan Enc Exec Apenas uma abordagem...
    21. 21. Integrando o PMBOK com o Agile M&C Inic Plan M&C Plan Exec M&C Plan Exec M&C Plan Exec Enc Exec Apenas outra abordagem...
    22. 22. E Deus disse: “Haja o Agile Project Management” Monitoramento & Controle Iniciação Planejamento Encerramento Execução Uma combinação??
    23. 23. Mas Agile não é só TI??? • Um ponto chave para a evolução do Agile é entender que os métodos ágeis são globais; • Apesar de ter nascido para atender aos projetos e ações de TI, seu uso não se limita a tal; • Várias técnicas famosas foram influenciadas por outras áreas; • Os conceitos de Agile podem ser utilizados em projetos de qualquer natureza;
    24. 24. E o Gerente de Projeto... Como que fica? • Existe sim lugar para o Gerente de Projeto em um projeto ágil; • Os nomes podem ser diferentes (Coachs, Scrum Masters ou qualquer outro), mas as ações desempenhadas para o sucesso do projeto são as mesmas: • Mas se partimos do princípio que a equipe deve escolher o seu “líder”, ainda assim esse papel pode coexistir com o GP;
    25. 25. Iniciativas do PMI sobre o Agile Project Management • Em 2004 o assunto Agile foi abordado no Congresso Global do PMI; • Em 2005 foi iniciado uma sessão de Seminários sobre o assunto; • Em 2009 foi lançado a Agile Community of Practice (com mais de 8 mil membros); • Em 2011 é disponibilizada o exame para certificação PMI-ACP;
    26. 26. PMI – Agile Certified Practitioner • Para a criação dessa certificação foram reunidos: – Coautores do Manifesto Ágil; – Vários líderes de metodologias (Scrum, DSDM, Crystal, XP, Kanban, Lean); – Fundadores do Agile Community of Practice;
    27. 27. PMI – Agile Certified Practitioner • A certificação: – NÃO É específica em uma metodologia; (Cai de tudo: Scrum, XP, Kanban, Lean e por aí vai) – NÃO É uma credencial de Agile Project Manager; – NÃO É exclusiva para TI; – NÃO É apenas enfeite para o nome;
    28. 28. Saibam... nós não estamos sozinhos ;) • O PMI possui a Agile Community of Practice; • Há também a Agile Alliance; • Comunidade Ágil do InfoQ; • Comunidades de metodologias – Scrum Alliance; – Lean Community; – DSDM Consortium;
    29. 29. • “Gerenciar não é mais a direção da coisa, mas o aperfeiçoamento das pessoas.” Alvin Toffler • “Na preparação para a batalha sempre achei que os planos são inúteis, mas o planejamento é indispensável.” Dwight Eisenhower • “Não importa quão bom é o time ou quão eficiente é a metodologia, se não está resolvendo os problemas certos, o projeto falhará” Woody Williams • “Planejamento sem ação é inútil, ação sem planejamento é fatal” Cornelius Fitchner
    30. 30. Dúvidas? http://br.linkedin.com/in/achilescamilo achiles.camilo@pmigo.org.br Achiles Camilo PMI-ACP, CAPM, CSM, MCTS Diretor Adjunto de Certificação

    ×