Arteterapia em Educação e
Sáude
Prof. Beatriz Acampora
beatriz.acampora@yahoo.com
Arteterapia em Educação
• A escola é, na maioria das vezes, o primeiro
ambiente de separação dos pais por tempo
prolongado...
Arteterapia em Educação
• Crianças que sofreram perdas significativas em
suas vidas, que sofrem abuso, que tiveram pouco
a...
Arteterapia em Educação
• Escolas que seguem a nova pedagogia e
garantem aos alunos, dentro de pequenos
grupos na sala de ...
Arteterapia em Educação
• A arteterapia pode ser uma via muito eficaz
para o trabalho com grupos de crianças nas
escolas, ...
Arteterapia em Educação
• O trabalho arteterapêutico na escola é
diferenciado da clínica em função do número
de pessoas en...
Arteterapia em Educação
• Para que o trabalho de arteterapia seja bem
sucedido com crianças em idade escolar, é
importante...
Arteterapia em Educação
• Existem muitas possibilidades de trabalho com
arterterapia:
• Com crianças com dificuldades de a...
Arteterapia em Educação
• Variáveis para processo arteterapêutico:
• Trabalho de respiração e conscientização corporal; tr...
Arteterapia em Educação
»
Trabalho realizado em escola municipal
pela arteterapeuta Bianca Acampora
Temas: 1. Minha famíli...
Arteterapia em Educação
• Nesse sentido, espera-se que seja
restabelecido o amor fraternal e o sentimento
de pertencer à f...
Arteterapia em Educação
A foto ao lado representa o
trabalho com argila da releitura das
mãos e do pensador de Rodin feito...
Arteterapia em Educação
Trabalhos realizados pelos alunos e expostos na
escola na I Mostra de Arte aberta ao público.
Arteterapia em Saúde
Livro: Percursos em Arteterapia – Selma Ciornai
Arteterapia e Saúde – Atelier terapêutico
Não somos a...
Arteterapia em Saúde
• O livro Percursos em Arteterapia – Atelier
Terapêutico trata de diversos recursos
expressivos atrav...
Arteterapia em Saúde
A organizadora da obra, Selma Ciornai, relata
que a arte, quando utilizada na prevenção,
manutenção d...
Arteterapia em Saúde
• O Atelier Terapêutico visa possibilitar a mais
profunda expressão do ser, utilizando o
sentidos da ...
Arteterapia em Saúde
• Na saúde mental, a arteterapia proporciona
uma livre expressão das emoções, das
frustrações, das di...
Arteterapia em Saúde
• Em hospitais a arteterapia promove um
momento de relaxamento, criatividade e
humanização em um ambi...
Arteterapia em Saúde
• A Arteterapia possibilita encontros:
- Da equipe de saúde
- Dos pacientes
- Dos acompanhantes
- Das...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Arteterapia em educação e sáude

326 visualizações

Publicada em

Apresentação "Arteterapia em educação e saúde". Com base em artigo publicado no X Congresso de Arteterapia em São Paulo.

Publicada em: Educação
1 comentário
1 gostou
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
326
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
7
Comentários
1
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Arteterapia em educação e sáude

  1. 1. Arteterapia em Educação e Sáude Prof. Beatriz Acampora beatriz.acampora@yahoo.com
  2. 2. Arteterapia em Educação • A escola é, na maioria das vezes, o primeiro ambiente de separação dos pais por tempo prolongado. É nesse ambiente que crescem as dúvidas, a necessidade de competir, de fazer parte dos grupos de relacionamento, de ser aceito pelo outro, de ser comum. O ambiente escolar é o palco do aprimoramento e do desenvolvimento cognitivo-afetivo. Cada criança, ao entrar na escola pública ou particular, traz consigo sua bagagem de experiências de construção do pensar, de emoções e sentimentos.
  3. 3. Arteterapia em Educação • Crianças que sofreram perdas significativas em suas vidas, que sofrem abuso, que tiveram pouco afeto, tendem a apresentar um rendimento ruim na escola e dificuldade de interação social. Mas todas as crianças, de certa forma, podem ser beneficiadas com um trabalho sério relacionado a auto-estima e auto-imagem, pois no mundo globalizado e competitivo de hoje, a cobrança dos pais e da escola muitas vezes é excessiva, os problemas domésticos, financeiros e de relacionamentos familiares afetam às crianças significativamente.
  4. 4. Arteterapia em Educação • Escolas que seguem a nova pedagogia e garantem aos alunos, dentro de pequenos grupos na sala de aula, espaço para o ritmo de desenvolvimento individual e a expressão dos sentimentos [...] atestam que dá para ser diferente. [...] Por outro lado o professor não se limita a dar uma aula expositiva (MOLCHO, 2007, p. 178).
  5. 5. Arteterapia em Educação • A arteterapia pode ser uma via muito eficaz para o trabalho com grupos de crianças nas escolas, ajudando-as no fortalecimento de sua auto-estima e auto-imagem, a compreender melhor suas emoções e a expressá-las saudavelmente. CIORNAI (2005, p. 24) afirma que, através da arteterapia, “Quantos – crianças, adolescentes e adultos – são convidados para respirar, resgatar a vida, criando e aprendendo, muitos deles saindo da condição de excluídos!”
  6. 6. Arteterapia em Educação • O trabalho arteterapêutico na escola é diferenciado da clínica em função do número de pessoas envolvidas, do grupo social em questão, da idade dos membros do grupo, da organização das sessões terapêuticas, da quantidade de material a ser utilizado e das técnicas escolhidas.
  7. 7. Arteterapia em Educação • Para que o trabalho de arteterapia seja bem sucedido com crianças em idade escolar, é importante que os grupos de trabalho não sejam muito grandes, pois pode haver dispersão. O ideal é um grupo de até 10 crianças. O arteterapeuta pode solicitar um auxiliar da escola para que o ajude com o trabalho com as crianças. Quanto maior o grupo, mais a necessidade de auxílio. Algumas escolas preferem encaminhar as crianças com dificuldade de aprendizagem para os grupos terapêuticos. O trabalho nesses grupos geralmente é muito proveitoso para as crianças.
  8. 8. Arteterapia em Educação • Existem muitas possibilidades de trabalho com arterterapia: • Com crianças com dificuldades de aprendizagem; • Com classes especiais; • Com classes comuns em objetivos específicos; • Em projetos que unam toda a escola; • Semanalmente em diversos setores da escola envolvendo funcionários e alunos; • Com os pais em uma forma de aproximação e superação de dificuldades; • Etc.
  9. 9. Arteterapia em Educação • Variáveis para processo arteterapêutico: • Trabalho de respiração e conscientização corporal; trabalho com ritmo, sonoridade, música e expressão corporal; diferentes experiências sensoriais; dramatização; escrita criativa; dança; fotografia; composição; desenho individual; desenho compartilhado; desenho coletivo; outras técnicas de desenho; técnicas com argila; trabalho com sucata; técnicas de pintura; confecção de máscaras; corpo humano no papel pardo; oficina de grandes artistas com a discussão: quem sou eu e quem é o outro? (Cada criança escolhe um artista para a realização de uma produção: Van Gogh, Picasso, dentre outros); e a construção de jogos diversificados utilizando a arteterapia, como por exemplo: baralho dos sentimentos, jogo da memória de mandalas, dominó complete a frase: “como estou me sentindo hoje....”, entre outros jogos de acordo com a demanda do grupo.
  10. 10. Arteterapia em Educação » Trabalho realizado em escola municipal pela arteterapeuta Bianca Acampora Temas: 1. Minha família, eu e o mundo; 2. Cuidando do meio ambiente. O trabalho culminou na I Mostra de Arte desta unidade escolar. O trabalho com estes projetos teve como objetivo sensibilizar todas as famílias para que possam e queiram ser parceiras da escola, participando não só das reuniões, como acompanhando a vida escolas do educando, além, é claro, de trabalhar em conjunto com a escola em relação às regras, limites, valores etc.
  11. 11. Arteterapia em Educação • Nesse sentido, espera-se que seja restabelecido o amor fraternal e o sentimento de pertencer à família por parte do educando - fortalecendo seu autoconceito - e, em contrapartida que a família se torne mais presente na educação de seus filhos. Para isso é preciso que as famílias tenham objetivos e metas.
  12. 12. Arteterapia em Educação A foto ao lado representa o trabalho com argila da releitura das mãos e do pensador de Rodin feito por uma aluna da escola. Os pais se envolveram imensamente no projeto. A mãe chegou preocupada na escola porque os dedos das duas mãos haviam quebrado. Os dedos foram colados pela arteterapeuta. Ao falar sobre o trabalho da filha, a mãe disse: - “é o pensador no meio das duas mãos, pensando; o que ele fará com essas duas mãos?” E a conclusão foi: construir um mundo melhor.
  13. 13. Arteterapia em Educação Trabalhos realizados pelos alunos e expostos na escola na I Mostra de Arte aberta ao público.
  14. 14. Arteterapia em Saúde Livro: Percursos em Arteterapia – Selma Ciornai Arteterapia e Saúde – Atelier terapêutico Não somos apenas o corpo, ou as emoções ou a alma, o homem é um ser inteiro, numa totalidade integrada que permite que a saúde seja muito mais do que não ter uma doença ou estar livre dela. Nesse sentido, podemos analisar que um novo conceito de saúde está redimensionando o homem enquanto ser saudável de modo holístico (do grego holos = todo, integral).
  15. 15. Arteterapia em Saúde • O livro Percursos em Arteterapia – Atelier Terapêutico trata de diversos recursos expressivos através da Arteterapia, tratando especialmente das expressões emocionais através de diversos recursos de artes que possibilitam uma verdadeira renovação psíquica.
  16. 16. Arteterapia em Saúde A organizadora da obra, Selma Ciornai, relata que a arte, quando utilizada na prevenção, manutenção da saúde, reabilitação, tratamento da AIDS, de deficiências físicas, doenças mentais, ajuda a encarar a doença e a reconhecer suas questões sócio-históricas.
  17. 17. Arteterapia em Saúde • O Atelier Terapêutico visa possibilitar a mais profunda expressão do ser, utilizando o sentidos da fala, escuta, tato, paladar, olfato, como modos do sentir humano e pelos quais o homem compreende o mundo externo e constitui seu mundo interno.
  18. 18. Arteterapia em Saúde • Na saúde mental, a arteterapia proporciona uma livre expressão das emoções, das frustrações, das dificuldades relacionadas aos processos de inclusão e exclusão, da integração com o grupo, do reconhecimento do si-mesmo, um reposicionamento diante de sua própria existência. Além disso, possibilita um trabalho com os familiares que facilita a integração e o desenvolvimento da autonomia dos pacientes.
  19. 19. Arteterapia em Saúde • Em hospitais a arteterapia promove um momento de relaxamento, criatividade e humanização em um ambiente que isola e afasta o doente de suas atividades sociais, família e vínculos. • Promove bem-estar, um espaço de criação, produção, fala, escuta e elaboração dos processos de saúde e doença.
  20. 20. Arteterapia em Saúde • A Arteterapia possibilita encontros: - Da equipe de saúde - Dos pacientes - Dos acompanhantes - Das interrelações - Consigo mesmo Obs: Em hospitais funciona muito bem: contação de histórias, fantoches, argila, desenhos, jogos, música etc.

×