Impresso Das Comunidades 3

1.438 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.438
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
230
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
14
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Impresso Das Comunidades 3

  1. 1. IMPRESSO DAS 8 8 “Várzea das Moças tem números impressionantes” JANEIRO/2010 COMUNIDADES IMPRESSO DAS COMUNIDADES Texto e fotos por Fabio da Silva Barbosa namento. Andrea Cardoso de Aguiar mora há mais de 20anos na Rua e diz que Moacir Gonçalves, 57, já conhecido o acesso está muito prejudicado. “Em do nosso Impresso, solicitou um retorno a dias de Chuva não entra carro nem moto. Várzea das Moças e disse que havíamos visto Árvores correm riscode cair e você pode no número anterior apenas o início do caos até colocar que teve uma que já caiu e em que as pessoas vivem. Então partimos em estamos precisando que venham cortá- mais essa reportagem sobre as mazelas la e retirá-la daqui.” Desabafa. Diane impostas a grande parte de nossa população. Cardoso, de 15anos, é outra moradora Um dos primeiros problemas apre- que chegou para reforçar as reclamações Diane NÚMERO 3 - ANO 1 - MENSAL - JANEIRO DE 2010 - DISTRIBUIÇÃO GRATUITA sentados por Moacir foi a deficiência no de Andrea. Ela nos mostrou a árvore e abastecimento de água no loteamento Jardim Lisboa, em João Nunes. Mas ele disse que nada se compara aos pontos mais altos da de onde ela caiu. Esgoto em Cala a Boca Valão a céu aberto Mato alto, Rua Porto, onde já houve relatos de pessoas que ficaram até dois meses sem fornecimento. ocasiona acidentes lixo e falta Nessa Rua, Moacir destaca também a neces- sidade urgente de asfaltamento e de um muro de contenção. A estrada da Serrinha foi Moacir Andrea fatais no Engenho do Mato de apoio apontada como um setor que nunca recebeu Natanael da Silva Filho, recapeamento, causando diversos trans- o popular Neto Chu- tornos aos motoristas devido aos buracos Cala Boca peta, e Luiz Antônio que se formam ao longo da mesma. O Parque Moacir nos levou, ainda, em outra Reis, contam as di- Monte Alegre foi lembrado por necessitar de parte de Varzeas, conhecida como Cala ficuldades e neces- troca de manilhas. Boca. Lá, além do péssimo estado das ruas, sidades que guiam “Várzea das Moças tem números um valão que passa pelas Ruas 3, 4 e 5 corre suas lutas. impressionantes. 100% das ruas não têm a céu aberto e tem transbordado em dias de saneamento básico. Moro aqui há 28 anos e chuva. Valterli da Costa, o popular Paulista, Natanael da Silva Filho Pag. 5 ainda não tenho saneamento. Em algumas, 60 anos, morador local, acredita que o existem poucas redes de esgoto improvisadas manilhamento do valão seria uma boa “Três crianças caíram Na Barraca da Célia, crianças lembraram do por moradores. Existem também alguns casos solução para conter a proliferação de no valão.” cavalo que não conseguiu ser retirado e Várzea das Moças vive o pontuais, onde essas redes são feitas por força de algumas construções. É o fim do Várias ruas em péssimas condições insetos e doenças. “Uma senhora já mor- reu afogada.” também morreu. Célia relata as principais dificuldades. inferno na terra mundo, ou início da desesperança. Mais de Moacir pede ao Impres- 80% das ruas não foram pavimentadas.” Indigna-se Moacir. Em um trecho da Estrada Rua Jean Valletaun D’ Moliac Esta rua começa em Várzea e vai até Rio do Ouro. O estado de conservação dela BARBEARIA so mais uma visita a Várzea e avisa: Velha de Maricá, o recapeamento feito em 2009 já está afundando, abrindo buracos no asfalto, trazendo transtorno aos motoristas. é terrível. Buracos podem ser vistos sem precisar procurar muito. Moacir contou que, “desde 2004, quando foi efetuada a ITITIOCA “O número anterior foi apenas em uma Entramos em diversas ruas onde o rua, agora quero que recapeamento e a limpeza se faziam preparação de base e a primação (já Corte masculino vocês vejam as ou- deteriorados pelo tempo)” para sua pa- necessários. vimentação, a obra se encontra parada. tesoura e máquina tras partes. O lugar “Houve uma licitação na época do Governo está completamente Rua Porto Garotinho, mas até hoje nada foi feito. O Venha conferir! abandonado. Esque- Na Rua Porto falta asfalto e precisa Estradas vereador Felipe Peixoto, através de de contenção nas ribanceiras e barrancos que já apresentaram casos de desmoro- esburacadas requerimento (n°423/2005) e da indicação 786/ 2005, vem cobrando do executivo municipal Rua Costa A precária ponte da Rua 77, que passa sobre o valão, de dois cido mesmo. Vocês vão ver.” e do governo estadual informações sobre a paralisação das obras” Conta Moacir. De Monteiro nº 15 ângulos diferentes. Pag. 5 Alerta preocupado com PAG. 8 a localidade onde mora. acordo com ele, a Prefeitura não intervém Atrás do Sacolão do Fafá Projeto Semeando e Projeto Pai e filho mostram a porque diz que foi licitado pelo Estado. Recomeçar: Atitude realidade do Maceió José Lopes e a Comunidade da Garganta Pag. 5 José Lopes convida o Impresso das Comunidades para Pag. 7 conhecer sua comunidade e conversar sobre os pro- blemas locais. Como sempre, o saneamento se desta- ca entre os males sofridos: “Pra mim, não existe local melhor pra morar, tirando esses problemas” Todo apoio para às comunidades que sofreram com as chuvas de final de ano e para à rapaziada do informativo “Últi- mas do Alto”, da cidade do Rio de Janeiro, que vem lutando por suas moradias. Uma nova realidade é possível. Pag. 3
  2. 2. IMPRESSO DAS IMPRESSO DAS 2 JANEIRO/2010 COMUNIDADES COMUNIDADES JANEIRO/2010 - JUL/09 ALÉM DOS MUROS 7 EDITORIAL EXPEDIENTE d e PROJETO SEMEANDO PROJETO RECOMEÇAR Trilhando nosso caminho, sem técnicas preestabelecidas, leads, ou DIRETORES: Escrevendo A tit u Semeando o bem no Rio do Ouro QUEBRANDO BARREIRAS E PRECONCEITOS fórmulas mágicas, continuamos focados em FABIO DA SILVA BARBOSA Por: Alexandre Mendes nosso objetivo de promover a integração e trocas de idéias entre as diversas comuni- ALEXANDRE MENDES cartas Texto: Alexandre Mendes Fotos: Mácio Picanço Tudo começou de uma conversa entre representantes da Associaçãode Moradores dades existentes. Nenhuma barreira ou EDITOR: da Ititioca ,”incluindo o Dudu e o Toquinho”, fronteira irá se impor entre nós e essa finalidade. Não pode e não vai. Iremos FABIO DA SILVA BARBOSA impressodascomunidades@hotmail.com onde todos concordaram que a comunidade ALEXANDRE MENDES estava precisando de um projeto que a transpor todos os obstáculos, sempre LER! REFLETIR! ATUAR! ocupasse com práticas úteis para ela. Flávio subvertendo o esperado. JORNALISTA RESP.: de Araújo Silva (Fafá), 40, comerciante e um Nenhuma escola de jornalismo euro- MARCO BONETTI Valeu Fabio, eu consegui o Impresso local ser finalmente reformado e dos representantes da Associação local, nos péia ou americana conseguiu o linguajar na- MTB: 15930 deste mês, acho que peguei na Amaral transformado em um centro cultural. A conta que existe certo preconceito sobre o to da comunicação, como o jornalismo co- Peixoto, instalação de um espaço próprio para bairro que precisa ser combatido: “Dentre os munitário de raiz conseguiu. Aquele nu e O blog esta muito bom, vcs têm muita os povos indígenas desse país na Cidade Aula DIAGRAMAÇÃO: nascidos na Ititioca, alguns se tornaram cru, como a realidade. É em cima desse jorna- criatividade, tenho certeza que irão do Rio de Janeiro, destinado à educação de FABIO DA SILVA BARBOSA advogados, professores e temos até padre.” lismo que trabalhamos. Do jornalismo real. alcançar seus objetivos. e à transmissão de cultura indígena sob artesa- Fotos das aulas de O projeto já está funcionando há 6 nato Que expõe suas vísceras e nervos, REVISÃO: Abraços. a ótica indígena, estimula o diálogo inter- meses e atende na Creche Cantinho Feliz, com colocan-do o dedo na ferida. Nadando ANTÔNIO PAULO DOS SANTOS magnofernandespolitica.blogspot.com étnico e enriquece de saberes ancestrais Jazz e Jiu-jitsu Professor Welington.” cursos de fuxico, pintura em tecido, bordado contra a maré. FILHO Magno Fernandes. o cidadão urbano, carioca ou não, que Já faz algum tempo que o Projeto Semeando vem agindo na luta pela inclusão e alfabetização.O futebol e a capoeira estão CURSOS E INSTRUTORES: Começou 2010. Virá 2011, 2012... E Estudante de direito desconhece a realidade indígena. social dos moradores da comunidade Bela Vista, São Gonçalo, através de cursos técnicos sendo promovidos na quadra da Ititioca. . Alfabetização- Marília, Birão e Lorena Ecologista e aulas de Jiu-jitsu, para pessoas de diversas idades (os moradores do entorno também são . Artesanato- Ciara, Valéria, Dona Carmem, estaremos na luta, contando com o apoio CESAC, Rua Maraca 7-Tomas Segundo Fafá, o número de participan- Francine, Selma, Helenice e Nilza comunitário e de algumas pessoas que já *A opinião dos colunistas não Líder Comunitário Coelho/RJ-21220-770Tel.:9504-7517 bem-vindos). Conheci Márcio Picanço, o cordenador deste belo projeto, ao acaso, mas tes chega, aproximadamente, há 100 e preten- . Futebol- Dudu, Zé Maria, Porró e Lucinho perceberam a importância e o diferencial de reflete necessariamente a do o Professor de Jiu-Jitsu, Daniel Militão, o popular Torpedo, já havia pedido para de atender muito mais. “ Moradores de comu- . Capoeira- Mestre Chocolate, Instrutor Akuma nosso trabalho. Não somos ONG, partido jornal. Os anúncios também X-X-X--X-X-X-X-X-X-X-X-X-X-X-X- cobrir o assunto antes. nidades adjacentes também são bem- APELO DE CIARA X-X-X-X-X-X-X-X-X-X--X-X-X-X-X- Márcio nos contou que tudo teve início em uma pequena garagem, que funcionava e Keila político, ou empresa privada, somos a vindos!” Aproveitando o espaço, Juciara Carlone são de inteira responsabilidade vontade. Vontade de promover mudanças Fala maluco! Estarei de professor no como oficina mecânica. Lembrou que, no término das aulas, os alunos (no início, apenas Apesar de tudo, Fafá desabafa sobre a falta (Ciara), 50, uma das representantes da dos anunciantes. “LAURINDA SANTOS LOBO “ em Moro na Rua Artur Pereira Mota, no crianças) recebiam um lanche. Com a posterior adesão dos pais dessas crianças ao Associação local, pede que os leitores do reais em mundo que anseia por elas. de apoio e pede ajuda. Outro problema citado Santa Teresa! Muito obrigado pela força Morro do Céu, e lá só cai água na sexta. nascente projeto, tornou-se impossível sua execução dentro da pequena garagem. nosso Impresso torçam pelo MC Quem não tem cisterna, fica sem água. foram os poucos adultos inscritos na alfabeti- e por sempre acreditarem em mim! Mudaram-se, então, para um espaço maior, cedido pela Igreja Cristã da Aliança. LEOZINHO, que participa do Reality Show PENSÃO 3comida caseira das Irmãs Venha experimentar a melhor IRMÃS Valeu mesmo! Cristiano Correia Pessoa Também estamos precisando de esgoto. Martinha Atualmente, o projeto atende cerca de 200 famílias, com atividades para todas as idades. Uma taxa simbólica é pedida (aos que podem pagar), no valor de dez reais. Márcio zação. Fafá pede aos moradores que aproveitem a oportunidade: A educação facilitará a vida deles.” Ele agradeceu aos “A Fazenda”, da TV Record. Segundo ela, o cantor é muito prestativo para a (Cris saman) Moradora do Morro do Céu explica que o recurso é investido na ajuda de custo dos voluntários e busca a comunidade, pois promove shows Niterói moradores e colaboradores que simpatizam Baianas na Ititioca Escultor valorização do trabalho por parte dos alunos. “O curso de corte e costura já está com a idéia. “Em breve, incluiremos no gratuitos em datas comemorativas, como Endereço: Rua A, lote 15, Ititioca - Tel: 2618-7767 montando uma cooperativa”, comenta entusiasmado, o coordenador. projeto, aulas de salão e Hip-Hop, com o no Dia das Crianças. X-X-X-X-X-X-X-X-X-X-X-X-X-X-X-X X-X-X-X-X-X-X-X-X-X-X-X-X-X--X- * SEGUNDA - FILÉ DE FRANGO / BIFE DE PANELA * TERÇA - FRANGO ASSADO / COSTELA COM AGRIÃO * QUARTA - CARNE ENSOPADA COM LEGUMES / FRANGO À O CESAC – Centro de Etno- conhecimento Sócio-cultural e Ambiental Estou desempregado há quase 5 anos. Não é por falta de procurar não. Já BENÉ TW DOCES Cauieré - entidade associativa sem fins espalhei meu currículo por aí. Empresa MILANESA * QUINTA - CARNE ASSADA / ISCA DE FÍGADO lucrativos de defesa de direitos e de ônibus, prédio, posto de gasolina... Se não vendesse minha pipoca e minhas CONFECÇÃO Bebidas, doces, e interesses indígenas, com sede na Rua * SEXTA - PEIXE FRITO / FRANGO COM QUIABO * SÁBADO - FILÉ DE FRANGO / BIFE COM FRITAS / FEIJOADA Maracá, nº 7 em Tomás Coelho, Rio de Janeiro (RJ), vem, por meio do presente balas... Cleber Lany Silva Soares biscoitos documento, solicitar o apoio de Ongs e Desempregado MODAS) (BELA MODAS) E DOBRADINHA * DOMINGO - BIFE C/ FRITAS Instituições indígenas e não-indígenas Morador do Morro do Céu Estamparia em geral O melhor preço com o objetivo de receber auxílio no Niterói projeto de reforma e da defesa para destinação à cultura indígena do imóvel X-X-X-X-X-X-X-X-X-X-X-X-X-X-X- Consertos de roupas ESTRADA da região. Uniformes do antigo Museu do Índio, na Cidade do Rio de Janeiro, que se encontra em Os jornais vêm aqui e saem dizendo que (todos os tipos) ALARICO DE FRUTAS, Seja bem-vindo! LEGUMES, ruínas, sendo um patrimônio histórico de valor inestimável. O espaço é ocupado está tudo bem. A impressão que temos lendo o jornal é que o Morro do céu é Escolares Esportes SOUZA, 586, CEREAIS, RAÇÕES, por indígenas e descendentes de várias etnias como centro de preservação e uma maravilha, mas temos muitos problemas. Não temos ônibus durante Bordados ATALAIA, TEL:261 8-8511 TEL:261 8-8511 ÁGUA, PAPELARIA, Malhas ARTIGOS PARA O LAR difusão da cultura indígena, além de ponto de abrigo e proteção para indígenas de a noite, domingo e feriados, por exemplo. É muito difícil aparecer um nesses Tel:2618-7756/9215-8769 PENDOTIBA Falar c/Jorginho E MUITO MAIS todo o Brasil, que chegam à Cidade do horários. 9830-7798 Est. Alarico de Souza, Rio de Janeiro sem amparo Morador do Morro do Céu que nos TEL: nº1439 TELEVENDAS: entregou sua mensagem, mas não Est. Alarico de Souza, nº 1349 2618-7497 governamental ou institucional. Os ocupantes estão lutando pelo sonho do quis se identificar Atalaia- Niterói 3603-0404 Gavião 3701-1371 Agradecimentos especiais a todos aqueles que ajudaram para esse jornal continuar existindo. Em especial ao grande guerreiro Fafa, da Ititioca, pela correria atrás dos anúncios. Sua ajuda foi indispensável. SE VOCÊ PENSA QUE JÁ LEU DE TUDO... www.umanodeberro.blogspot.com
  3. 3. IMPRESSO DAS IMPRESSO DAS 6 JANEIRO/2010 COMUNIDADES COMUNIDADES JANEIRO/2010 3 MENSAGEM FAMNIT Erosão provocada por esgoto na Garganta “Desejo a todas as comunidades PROMOÇÃO Texto e fotos por: Alexandre Mendes Escada da casa de JOSÉ LOPES que levava até o cômodo do cunhado. um feliz ano novo, cheio de No detalhe Alicerce do cômodo onde prosperidade! AMIGO DAS morava o cunhado de JOSÉ LOPES Feliz 2010!” Manuel Amanço dos Santos, Presidente COMUNIDADES do Conselho de Representantes da FAMNIT (Federação das Associações de Moradores de Niterói) O Impresso das Comunidades estará ressarcindo através de anúncios, IT Manuel Amanço dos Santos FAMN todas as pessoas, físicas ou jurídicas, O casal, José Lopes dos Santos, 65, e Fátima Vieira de Oliveira, que se interessarem em ajudar 50, relatam os problemas en- Retomada pavimentação em Campo Lindo uma ou mais comunidades frentados na comunidade da A Prefeitura Municipal de Itaboraí, de pavimentação, beneficiando as ruas mostradas em nosso veículo. Garganta . através da Secretaria de Obras, Serviços Francisco Cardoso, Antero Pinto, Públicos e Urbanismo (Semosp), retomou as Angelo Joaquim Pinto, Valério Moreira e Basta entrar em contato conosco obras de pavimentação das últimas ruas de Olívio Osório Rodrigues. A comunidade Campo Lindo, em Areal. Adiadas por conta aguarda ansiosa o fim das obras. e fazer sua parte. A pedra dentro do valão serve como das festas de fim de ano e também por causa No Parque Santa Rosa de Lima, O jornal também se compromete a mostrar a entrega passagem de uma margem a outra das fortes chuvas que impossibilitaram a outra localidade de Itaboraí, o desasso- atuação dos trabalhadores. reamento do Rio Aldeia está em do benefício a comunidade escolhida. Outras obras como a urbanização da andamento. Ao todo, mais de 1km de rio praça do bairro, cujo nome ainda não foi está sendo aberto. O objetivo é resolver definido, também estão previstas nesta etapa o problema de alagamentos das cidades O nosso e-mail para contato é: de intervenções. Ao todo serão mais de 3 km vizinhas ao local. impressodascomunidades@hotmail.com !! LA IGO! Acima esgoto pela rua, abaixo um FA M SEJA VOCÊ TAMBÉM UM AMIGO close no problema CO DAS COMUNIDADES Esgoto a céu aberto Fui convidado pelo meu amigo, o barranco, nos fundos. Subimos até a rua principal (General PROMOÇÃO: rodoviário José Lopes dos Santos, 65, para José Lopes afirma que o problema é Castro Guimarães), por uma escada de NA COMPRA DE UMA PIZZA conhecer e mostrar, no Impresso das muito antigo e que a Defesa Civil já tomou cimento, anexa a sua casa,destruída pela GIGANTE Comunidades, um drama que ele e sua família conhecimento, entretanto, nada resolveu. erosão. Constatei o esgoto brotando no Para fechar, mais uma do valão LEVE GRÁTIS vivem há muitos anos no local onde moram, a Mostrou-me um pequeno alicerce acima de barranco e o esgoto da rua principal, que, comunidade da Garganta ,ao lado da Igrejinha, sua casa, no qual era um cômodo onde seu apesar de estar encanado, com a REFRIGERANTE 2 LITROS SORVETES E PICOLÉS Moda Feminina, no Largo da Batalha, Niterói. cunhado morava e foi derrubado por um ocorrência de chuvas, os tubos não ENTREGA GRÁTIS Masculina e Infantil Ao chegar no local, me surpreendi com deslizamento de terra provocado pelo suportam e o esgoto fica escorrendo pela o caminho, pois tive que pisar em uma pedra esgoto, há aproximadamente dois anos. Ele sarjeta. ATACADO E AVAREJO Papelaria e Acessórios no meio de um valão para chegar até a casa ainda nos conta que, nesse trágico dia, sua José Lopes pede à Prefeitura, “ou ESTRADA ALARICO DE R: PADRE PEDRO em Geral dele. José Lopes, junto com sua esposa, Fátima casa foi tomada pela lama. “Pra mim, não quem mais puder”, para colaborar com a SOUZA, 725, LJ 03, LARGO MARTINOTT, N° 50 Vieira de Oliveira, 50, dona de casa, nascida e existe local melhor pra se morar, tirando Tudo que você precisa na Cris comunidade: “Precisamos que mandem DA BATALHA - NITERÓI criada na comunidade, me receberam muito esses problemas”, comenta José Lopes, tubos de 150mm. Precisamos o total de 25 LARGO DA BATALHA tem! TEL: 3603-2434 / 3603-0432 NITERÓI - RJ Est. Alarico de Souza,450-Atalaia bem e relataram juntos os problemas com os morador da Garganta há 31 anos. tubos”. O entrevistado afirma que, caso o quais são obrigados a conviver: Além do valão “Vale ressaltar o alto índice de material seja doado, os moradores ficarão 3° A DOMINGO Pendotiba-Niterói-RJ que corre a céu aberto em frente da sua casa, ratazanas e, no verão, mosquitos.” bem satisfeitos em realizar um mutirão para DE 18:00 AS 00:00 TEL: (21) 2610-5457 / 85674159 Tel: 3603-0001 há uma infiltração de esgoto que brota do Contou José restaurar o esgoto local. O BERRO - fanzine impresso - para pedidos e contatos - o.berro@hotmail.com REBOCO CAÍDO, para quem quer ir além: www.rebococaido.blogspot.com
  4. 4. IMPRESSO DAS IMPRESSO DAS 4 4 JANEIRO/2010 COMUNIDADES COMUNIDADES JANEIRO/2010 5 ult ura AMA N Galeria Saman Antiga Rua N pede socorro C RIS S C Cristiano Correa Pessoa, o Bairro Maceió (Santo Inácio) Texto e fotos: Alexandre Mendes famoso Cris Saman, está dando início ao projeto de ensinar sua técnica única Se o bairro Maceió fosse em de esculpir em barro no CENTRO Hollywood, a Rua Manoel Loureiro de CULTURAL LAURINDA SANTOS Freitas, antiga Rua N, seria usada pra filmar LOBO (CCLSL), no Rio de Janeiro. Será filmes de faroeste. Considerada como uma uma ótima oportunidade para quem se das piores ruas já visitadas pelo Impresso interessa pelo assunto. das Comunidades, o local está com o Para conhecer o trabalho de esgoto a céu aberto; em certo trecho, a rua Saman, o vídeo “Vida de Escultor” está está afinando com a erosão de um lado, A esquerda Vitor e Ricardo disponível no youtube. O curta mostra enquanto recebe o desmoronamento do esperam a urbanização da o artista em ação, construindo uma barranco que a margeia pelo outro. Fui rua, a cima casa abandona- máscara no Bar Cobreloa, Centro de convidado pelo morador Vitor da Costa da prestes a desmoronar, a Niterói. Andrade, 30, rodoviário, que junto ao seu direita escadaria que dá aces- Maiores informações sobre o curso no filho, Ricardo dos Santos Andrade, 13, so ao ponto final do ônibus Escultura feita por Saman próprio centro cultural ou com Saman estudante, me levaram para conhecer a triste 40 em péssimo estado e o lixo pelo telefone: 2719-2134. realidade da rua. acumulando por semanas. Andando pelo caminho, constatei o esgoto que faz uma trilha pelo meio da rua. barranco, ameaçando as casas abaixo da Clin aparece esporadicamente: “De três em autoridades competentes, um mínimo de Esporte Esporte Esporte Esporte Esporte Mais adiante, me assustei com o processo rua. Também falta asfaltamento em toda três semanas, aproximadamente.” Vitor e urbanização para a rua. O Impresso das de erosão que se encontra em um trecho. a sua extensão. A coleta de lixo é Ricardo, que moram na Comunidade do Comunidades compra a briga e promete As manilhas desceram junto com o imprecisa. segundo Vitor, o caminhão da Santo Inácio há cinco anos, pedem às voltar quando for notificado sobre melhorias. Futebol faz a festa na Martins Torres No Engenho do Mato valão a céu “Grupo de Ação Comunitária do Baldeador, Cova da Texto e fotos por: Fabio da Silva Barbosa contribuiu com uniformes no ano de 2007 e “Gosto muito do a Real Tortas vinha contribuindo com uma projeto. Eu e meu Onça e Nossa Senhora das Graças” se organiza Há 8 anos o projeto Nosso Amanhã foi fundado por Jorge Luiz Vitorino, o Dedé, torta para o aniversariante do mês. irmão Lucas iremos aberto ocasiona acidentes fatais Texto e fotos por: Fabio da Silva Barbosa Precisamos que esses colaboradores continuar esse ano, na Martins Torres, em Santa Rosa, Niterói. Texto e fopor: Fabio da Silva Barbosa pelo lugar lembraram também de um continuem conosco para dar andamento na não queremos sair São atendidas as faixa etárias de 4 a 17 anos cavalo que caiu e se afogou no fosso. idéia” Explicam Dedé e Tukinha. porque gostamos de de 8h até as 13h, com pausa às 9hs para o E não são só as crianças que se jogar futebol.” José Rodrigues de café. O foco do projeto são as Aulas de envolvem nas atividades. Rosalina Vieira Souza, 47, lamentou- futebol, mas a partir daí, são feitas outras Alves é uma das mães que apóiam a idéia e Débora Cristina Vieira Alves Azevedo se pelo grande nú- atividades. Lucas Vieira Alves Azevedo ajuda nos eventos. “Ela faz os cachorros Santos, 12 anos mero de mosquitos, Santos, 13, por exemplo, diz que gosta da hora quentes e ajuda em tudo que pode. Muitas caramujos e insetos “Vejo como um do bate-papo. Segundo ele, as conversas mães estão ajudando”, conta Tukinha. Outro que se alastram pela incentivo para as tratam de assuntos que buscam esclarecer motivo para comemoração é a vitória em região. “Tudo que é crianças se envol- pontos importantes. “A gente conversa sobre campeonatos, como o interbairros, de 2007. ruim vem dali.” Diz verem em coisas muitas coisas boas. Respeito é uma delas.” Dedé, que também é sambista e compositor, apontando a vala. positivas. Estive Outro destaque no projeto é o fato da criança Tukinha, Dedé e a criançada pensa em, futuramente, agregar elementos Dona Célia observando na ultima ter de estar estudando para poder participar, gosto sempre de lembrar que nossa culturais e musicais no projeto. Animado, festividade como as aproveitou para falar Mato alto toma conta de espaços que maior força vem da comunidade. Eles da pavimentação Os poucos galões de lixo não dão conta tendo de trazer a matrícula escolar, seus conta que algumas crianças já montaram crianças são trata- poderiam ser melhor utilizados documentos, autorização dos pais e atestado acreditam no projeto.” Diz Tukinha. grupos de dança. “Existem dois grupos precária na redondeza. Natanael da Silva Filho, o popular Natanael, que assumiu a presidência das... A alegria no rosto delas... Todo o médico no ato da inscrição. O boletim tem de Atualmente são cerca de formados por iniciativa das próprias Célia Leopoldina de Marins, 74, “As ruas 77, 78 e 82 estão com muito Neto Chupeta, e Luiz Antônio Reis, estão do Grupo, enfatizou o problema do mato alto ambiente é muito agradável e saudável. São ser apresentado todo o bimestre. 100 alunos praticando futebol e o crianças. Os Anjinhos e os Queridinhos.” reside há 18 anos no Engenho do Mato e é buraco. “Caminhões de entrega e do gás, à frente da nova fase do “Grupo de Ação na região. No terreno ao lado do CIEP, que coisas que valem muito a pena. Isso é muito Dedé ainda lembra de quando projeto conseguiu um espaço com as Eventos: referência no lugar. Ela nos recebeu em sua por exemplo, têm problemas para Comunitária do Baldeador, Cova da Onça segundo ele poderia ser uma quadra de importante para nossa comunidade. Tenho começou, com apenas 15 crianças na senhoras Lurdes e Marina para a prática Dia das crianças barraca (Barraca da Célia) para relatar o transitar. Quando chove a gente não e Nossa Senhora das Graças”, que esportes e lazer para a comunidade, o mato pedido sempre a Deus para esse projeto não escolinha de futebol. “Começou com o do esporte. Algumas parcerias são Festa Junina grande transtorno que um valão está passa. Pavimentação e saneamento são engloba essas três comunidades citadas se faz notar sem nenhum sacrifício. Houve acabar.” Carlos Martins, 49, morador da pessoal inteirando todo ano para fazermos a lembradas com carinho. “Ficamos felizes Passeio de final de ano trazendo para sua comunidade. “Três prioridade.” em seu nome. Um dos problemas que o relatos de cobras e ratos encontrados no festa do dia das crianças. Aí começamos a por ter pessoas que ajudam de coração. Martins torres Grupo está enfrentando é o lixo. Luiz lugar. Ele reclamou: “O lugar está Depoimentos: crianças já caíram ali. E é perigoso, porque achar que uma atividade por ano era pouco e Entre elas estão Reginaldo, Cláudio, “Meu pai me levou e foi em determinado ponto ele fica muito fundo. Antônio contou que antigamente o lixeiro abandonado!” A pracinha e o campinho pensamos em uma coisa maior. Em uma Dona Lídia, Márcia, Dona Nina, Gisele, muito legal porque me Uma senhora, conhecida como Dona vinha diariamente. “Depois começou a também foram lembrados. Natanael falou atividade constante que ocupasse o tempo Rogério Cachorro, Marcos, Rodrigo, receberam bem. Lá a email para contato Liduina, morreu afogada no meio desse passar de vez em quando. Os galões ficam sobre a necessidade de revitalizá-los. das crianças com algo produtivo. Apostamos Marquinhos de Odir, Rosalina, Dona gente faz exercício, esgoto.” Lembra Célia com pesar. Ainda cheios e transbordam. Aí os animais Como não poderia deixar de ser, o no futebol.” Aproximadamente 3 anos depois, Lurdes, Dona Marina, entre outros... conversa, joga bola... com o projeto: segundo ela, um manilhamento e a (cachorros, gatos...) espalham o lixo pelas saneamento não ficou de fora. De acordo com José Carlos Cunha de Souza, o Tukinha, viria Tem também a Citilar, a Clinica DERT, a Tem festa.”Lucas colocação de parapeitos já foram ruas” Uma solução apontada por ele, além o Presidente, houve uma substituição das a se unir a ele para somar forças. “Agora Padaria do Naldo, a Creche Comunitária Vieira A. A. Santos, tukinha.nit@gmail.com solicitados. da maior freqüência na coleta de lixo, é a tubulações, mas as novas não suportam a conseguimos apoio para os eventos. Mas, Amália Franco (IGE); a viação Araçatuba 13, aluno do projeto. Algumas crianças que brincavam substituição dos galões por caçambas. quantidade de esgoto que passa. CADA UMA QUE É CADA DUAS! BLOG ISSOCERTEZA: www.issocerteza.blogspot.com ENTRE EM CONTATO: impressodascomunidades@hotmail.com

×