Tudo passa

470 visualizações

Publicada em

“Dificuldades e lutas assemelham-se a materiais didáticos na escola ou andaimes na construção; amealhada a cultura ou levantado o edifício, desaparecem uns e outros.”
(Emmanuel)

Publicada em: Espiritual
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
470
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Tudo passa

  1. 1. Temos que convir que passamos por momentos muito difíceis emTemos que convir que passamos por momentos muito difíceis em nossa jornada terrena.nossa jornada terrena.
  2. 2. Às vezes, a vida se nos apresenta como grande espinheiro, colocandoÀs vezes, a vida se nos apresenta como grande espinheiro, colocando em prova nossa fé e paciência.em prova nossa fé e paciência.
  3. 3. Momentos há, em que tudo e todos estão contra nós, momentos deMomentos há, em que tudo e todos estão contra nós, momentos de céu cinza, carregados de nuvens negras e ameaçadoras.céu cinza, carregados de nuvens negras e ameaçadoras.
  4. 4. Tempestades de problemas nos envolvem e nos exigemTempestades de problemas nos envolvem e nos exigem soluções rápidas e difíceis.soluções rápidas e difíceis.
  5. 5. A dor passa a ser nossa companheira de todas as horas.A dor passa a ser nossa companheira de todas as horas.
  6. 6. É, entretanto, na hora da tempestade que temos de segurar nas mãosÉ, entretanto, na hora da tempestade que temos de segurar nas mãos de Deus, nos entregando a Ele, pois Ele conhece todas as dores ede Deus, nos entregando a Ele, pois Ele conhece todas as dores e mágoas que nos afligem.mágoas que nos afligem.
  7. 7. A vida jamais coloca sobre nossos ombros uma carga que estejaA vida jamais coloca sobre nossos ombros uma carga que esteja acima de nossa capacidade de resistência.acima de nossa capacidade de resistência.
  8. 8. São nestes momentos difíceis que surgem grandes oportunidades deSão nestes momentos difíceis que surgem grandes oportunidades de crescimento.crescimento.
  9. 9. Entretanto, temos que ter a certeza de que tudo passa em nossas vidas.Entretanto, temos que ter a certeza de que tudo passa em nossas vidas. Tudo tem começo, meio e fim.Tudo tem começo, meio e fim.
  10. 10. Se recordarmos, verificaremos que já passamos por inúmerasSe recordarmos, verificaremos que já passamos por inúmeras experiências muito difíceis e superamos todas.experiências muito difíceis e superamos todas.
  11. 11. Emmanuel nos ensina queEmmanuel nos ensina que: “Dificuldades e lutas assemelham-se a: “Dificuldades e lutas assemelham-se a materiais didáticos na escola ou andaimes na construção;materiais didáticos na escola ou andaimes na construção; amealhada a cultura ou levantado o edifício, desaparecem uns eamealhada a cultura ou levantado o edifício, desaparecem uns e outros.”outros.”
  12. 12. Assim também acontece com a alegria e o prazer.Assim também acontece com a alegria e o prazer. Cada emoção e humor que vivenciamos passaram fugazes por nossas vidas.Cada emoção e humor que vivenciamos passaram fugazes por nossas vidas.
  13. 13. Na vida tudo passa, tudo se dissolve.Na vida tudo passa, tudo se dissolve. Acolher esta verdade em nosso íntimo vai nos consolar e nos fazerAcolher esta verdade em nosso íntimo vai nos consolar e nos fazer muito bemmuito bem.
  14. 14. Aprendamos a conviver com esses estados d’alma e veremos que, apósAprendamos a conviver com esses estados d’alma e veremos que, após uma noite longa surgirá um novo dia e o sol voltará a brilhar.uma noite longa surgirá um novo dia e o sol voltará a brilhar.
  15. 15. Um momento presente é sempre sucedido por outro.Um momento presente é sempre sucedido por outro. Se vivemos momentos prazerosos gostaríamos que eles nunca seSe vivemos momentos prazerosos gostaríamos que eles nunca se fossem; se experimentamos a dor, gostaríamos que ela se fossefossem; se experimentamos a dor, gostaríamos que ela se fosse imediatamente.imediatamente.
  16. 16. Estejamos, pois, preparados para aceitar o inevitável e assimEstejamos, pois, preparados para aceitar o inevitável e assim sofreremos menos!sofreremos menos!
  17. 17. Mestre!Mestre! Que não reclamemos do peso da cruz que nos ensinaste a carregar.Que não reclamemos do peso da cruz que nos ensinaste a carregar. É ela a nossa divina escora, no acidentado caminho que percorremos.É ela a nossa divina escora, no acidentado caminho que percorremos. Não importa a característica que ela assuma aos nossos ombrosNão importa a característica que ela assuma aos nossos ombros cansados...cansados... A cruz é o nosso sinal de identificação contigo!A cruz é o nosso sinal de identificação contigo! Sem o fardo das dificuldades que passamos, tolhendo a nossa livreSem o fardo das dificuldades que passamos, tolhendo a nossa livre movimentação, com certeza nos perderíamos de ti.movimentação, com certeza nos perderíamos de ti. Nossas cruzes - nossas bênçãos!Nossas cruzes - nossas bênçãos! Sem elas, como haveríamos de nos redimir no calvário de nossasSem elas, como haveríamos de nos redimir no calvário de nossas provas?provas? Abençoa-nos, Senhor, para que possamos seguir em frenteAbençoa-nos, Senhor, para que possamos seguir em frente suportando com resignação e coragem, o peso de nossas cruzes.suportando com resignação e coragem, o peso de nossas cruzes. Que Assim Seja!Que Assim Seja!
  18. 18. Do livro “Sândalo”Do livro “Sândalo” Autor: Sergito de Souza CavalcântiAutor: Sergito de Souza Cavalcânti Música: Mandy – Richard CleydermanMúsica: Mandy – Richard Cleyderman Formatação: VAL RUASFormatação: VAL RUAS http://valruas.wordpress.comhttp://valruas.wordpress.com

×