Na maioria das vezes, asNa maioria das vezes, as
respostas que almejamos,respostas que almejamos,
encontram-se dentro deen...
Solidão que queima aSolidão que queima a
alma, no fundo, nosalma, no fundo, nos
convida a refletir sobre oconvida a reflet...
Sofrimento que bate aSofrimento que bate a
nossa porta, com o tempo,nossa porta, com o tempo,
nos mostra outras portasnos ...
Tristezas que seTristezas que se
aproximam, no fim, seaproximam, no fim, se
tornam verdadeirastornam verdadeiras
reflexões...
Doenças que nosDoenças que nos
fragilizam, buscam nosfragilizam, buscam nos
levar ao encontro doslevar ao encontro dos
ver...
Dificuldades que nosDificuldades que nos
atingem, apenas buscamatingem, apenas buscam
preparar nosso Espíritopreparar noss...
Intrigas que seIntrigas que se
aproximam, tambémaproximam, também
trazem consigo, atrazem consigo, a
compreensão que devec...
Raiva que chega deRaiva que chega de
repente, nosrepente, nos
descontrola, mas a fédescontrola, mas a fé
dentro de nós tra...
Nenhuma dor chega se nãoNenhuma dor chega se não
tiver um porquê.tiver um porquê.
Nenhuma doença seNenhuma doença se
aprox...
Porém, em cada um dessesPorém, em cada um desses
momentos, estejamosmomentos, estejamos
confiantes, porque se oconfiantes,...
Lembremos que, uma vez aLembremos que, uma vez a
lição aprendida, a dorlição aprendida, a dor
cessará e novoscessará e nov...
E a luz que buscamosE a luz que buscamos
brilhará mais intensamentebrilhará mais intensamente
a nossa frente...a nossa fre...
CRÉDITOSCRÉDITOS
Texto: Sônia CarvalhoTexto: Sônia Carvalho
Música: You Ligtht Up My LifeMúsica: You Ligtht Up My Life
Geo...
A luz que buscamos
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

A luz que buscamos

300 visualizações

Publicada em

"Na maioria das vezes, as respostas que almejamos, encontram-se dentro de nós.
Algumas quedas sofridas, na verdade, depois se tornam a chance de nos reerguemos espiritualmente".
(Sonia Carvalho)

Publicada em: Espiritual
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
300
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A luz que buscamos

  1. 1. Na maioria das vezes, asNa maioria das vezes, as respostas que almejamos,respostas que almejamos, encontram-se dentro deencontram-se dentro de nós.nós. Algumas quedas sofridas,Algumas quedas sofridas, na verdade, depois sena verdade, depois se tornam a chance de nostornam a chance de nos reerguemosreerguemos espiritualmenteespiritualmente..
  2. 2. Solidão que queima aSolidão que queima a alma, no fundo, nosalma, no fundo, nos convida a refletir sobre oconvida a refletir sobre o caminho que escolhemoscaminho que escolhemos trilhar.trilhar. Desilusões que ontemDesilusões que ontem nos machucaram, hoje,nos machucaram, hoje, transformam-se emtransformam-se em bênçãos do Pai.bênçãos do Pai.
  3. 3. Sofrimento que bate aSofrimento que bate a nossa porta, com o tempo,nossa porta, com o tempo, nos mostra outras portasnos mostra outras portas que sempre estiveram aque sempre estiveram a nossa frente, porém, nãonossa frente, porém, não conseguíamos enxergar.conseguíamos enxergar. Mágoas que ferem oMágoas que ferem o coração, acabam,coração, acabam, perdendo a sua força eperdendo a sua força e cedendo lugar ao amor.cedendo lugar ao amor.
  4. 4. Tristezas que seTristezas que se aproximam, no fim, seaproximam, no fim, se tornam verdadeirastornam verdadeiras reflexões perante os atosreflexões perante os atos que estamos realizando.que estamos realizando. Derrotas que nosDerrotas que nos desanimam a continuar,desanimam a continuar, apenas estão nosapenas estão nos preparando parapreparando para verdadeiras vitórias.verdadeiras vitórias.
  5. 5. Doenças que nosDoenças que nos fragilizam, buscam nosfragilizam, buscam nos levar ao encontro doslevar ao encontro dos verdadeiros valoresverdadeiros valores espirituais.espirituais. Desespero que nosDesespero que nos consome, é nossoconsome, é nosso íntimo a gritar poríntimo a gritar por renovação.renovação.
  6. 6. Dificuldades que nosDificuldades que nos atingem, apenas buscamatingem, apenas buscam preparar nosso Espíritopreparar nosso Espírito para novas caminhadas.para novas caminhadas. Trevas que nosTrevas que nos envolvem, nos ensinamenvolvem, nos ensinam a importância daa importância da confiança no Pai,confiança no Pai, porque com confiança,porque com confiança, atravessaremosatravessaremos qualquer caminho.qualquer caminho.
  7. 7. Intrigas que seIntrigas que se aproximam, tambémaproximam, também trazem consigo, atrazem consigo, a compreensão que devecompreensão que deve ser exercida.ser exercida. Espinhos nos ferem,Espinhos nos ferem, porém, logo depois,porém, logo depois, passamos a perceber aspassamos a perceber as flores que osflores que os acompanham.acompanham.
  8. 8. Raiva que chega deRaiva que chega de repente, nosrepente, nos descontrola, mas a fédescontrola, mas a fé dentro de nós traz adentro de nós traz a serenidade.serenidade. Sim, todos os percalçosSim, todos os percalços que a vida nosque a vida nos apresenta, estão sempreapresenta, estão sempre acompanhados deacompanhados de grandes ensinamentosgrandes ensinamentos espirituais.espirituais.
  9. 9. Nenhuma dor chega se nãoNenhuma dor chega se não tiver um porquê.tiver um porquê. Nenhuma doença seNenhuma doença se aproxima se não quiser nosaproxima se não quiser nos mostrar algo.mostrar algo. Nenhuma tormenta pairaNenhuma tormenta paira sobre a nossa cabeça semsobre a nossa cabeça sem finalidade.finalidade.
  10. 10. Porém, em cada um dessesPorém, em cada um desses momentos, estejamosmomentos, estejamos confiantes, porque se oconfiantes, porque se o sofrimento bate a nossasofrimento bate a nossa porta, a esperança já seporta, a esperança já se encontra dentro de nós e éencontra dentro de nós e é com ela que iremos renovarcom ela que iremos renovar nossos caminhos enossos caminhos e compreender o que se fazcompreender o que se faz necessário.necessário.
  11. 11. Lembremos que, uma vez aLembremos que, uma vez a lição aprendida, a dorlição aprendida, a dor cessará e novoscessará e novos horizontes nos convidarãohorizontes nos convidarão a prosseguir a jornada.a prosseguir a jornada.
  12. 12. E a luz que buscamosE a luz que buscamos brilhará mais intensamentebrilhará mais intensamente a nossa frente...a nossa frente... Fique na Luz e na Paz doFique na Luz e na Paz do Mestre!Mestre!
  13. 13. CRÉDITOSCRÉDITOS Texto: Sônia CarvalhoTexto: Sônia Carvalho Música: You Ligtht Up My LifeMúsica: You Ligtht Up My Life George ZamfirGeorge Zamfir Formatação: VAL RUASFormatação: VAL RUAS http://valruas.wordpress.comhttp://valruas.wordpress.com

×