TEMPO PERDIDO

252 visualizações

Publicada em

TEMPO PERDIDO

Publicada em: Saúde e medicina, Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
252
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
20
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

TEMPO PERDIDO

  1. 1. Tempo perdido ... Deixei os amores pelas esquinas Em copos sujos de bar, perdi muitos anos Talvez os melhores anos da minha vida...   Minha alegre juventude joguei ao vento Não percebi a maldade daqueles amigos Que me levaram ao fundo do poço Ao mundo imundo das bestialidades Das cordas cruéis que me amarraram E me jogaram ao abismo do vício.
  2. 2. Minha família... oh... meus pais Quanta tristeza sentiram quando viram O trapo imundo em que me transformei Sentado em sarjetas quebradas Cheirando a esgoto de vielas podres!!!   Minha vida joguei ao vento O amor que insistiu em me querer, Cuspi-lhe na face e ri de sua cara Suas lágrimas puras não me comoveram Gargalhadas horrendas partiam de mim E este amor não se conteve e desabou!!!
  3. 3. Todos que tentaram mostrar-me o caminho, Tiveram suas costas apunhaladas por mim Estavam todos errados... só eu estava certo! Eu sabia o quanto todos eram ridículos. Eu e meus amigos quase morríamos de rir entre um trago e outro da bebida ardida... Ao contar daquelas pessoas que tentaram Tirar-nos do abismo profundo em que caímos Até que elas desistiram... E nos deixaram!!!
  4. 4. Que delírio... entregues ao prazer da carne que delícia... A noite fria entrar pelos ossos e uma bebida quente fazer o corpo suportar e em casa... Os cobertores dobrados num canto se empoeiraram no inverno da minha vida. Sei que não vivi tudo que devia Sei que sentei-me num canto e lastimei Sei que não lutei pela minha vida Sei que teria tido outro destino mais feliz Se tivesse tido coragem de enfrentar Se tivesse tido um pouco mais de audácia Ao invés da covardia que cometi comigo.
  5. 5. Hoje meus ossos se desmancham Meus pâncreas... acho que já os perdi Meu fígado... estou em uma fila de morte!!! Meus olhos não mais enxergam o horizonte Meu sorriso mostra dentes destruídos... Só restou meu coração... coitado... Cheio de esperança na vida!!!   Não sei se ainda a tenho.   (Lúcia Resende)
  6. 6. Música: Pearl Jam - Alive Elaborado por: Sérgio S. Oliver [email_address] Visite o Site: http:// www.leticiathompson.net/

×