PALACIO GUANABARA

2.027 visualizações

Publicada em

PALACIO GUANABARA

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.027
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
10
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
10
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

PALACIO GUANABARA

  1. 1. Palácio Guanabara - Rio de Janeiro - RJ   Chácara particular de José Machado Coelho, que ali constrói a melhor casa do bairro e em 1865, vende ao Governo Imperial para servir de residência à Princesa Imperial Isabel quando do seu casamento com o Conde d’Eu.   Em 1888, nele foi assinada a “Lei Áurea”, que aboliu totalmente a escravatura.   Em 1889, com advento da República, é incorporado à União todos os bens patrimoniais dotais da Princesa Isabel,passando a chamar-se dois anos mais de Palácio Guanabara.   Em 1908, foi totalmente reformado pelo Prefeito do Distrito Federal, Marechal Souza Aguiar,adquirindo a feição atual externa em estilo eclético.   Em 1926, o Palácio Guanabara torna-se oficialmente a residência dos Presidentes da República.   Em 1947, durante o Governo do Presidente Dutra, é transferido à Prefeitura do Distrito Federal para servir de sede ao  Gabinete do Prefeito, tendo sofrido obras internas para adaptá-lo a sua nova destinação, perdendo dessa forma o caráter residencial.   Em 1960, com transferência da capital para Brasília, o Distrito Federal transforma-se no Estado da Guanabara,e o Palácio torna-se sede administrativa do Governo de Estado.   Em 1975, com a fusão dos estados da Guanabara e o antigo Rio de Janeiro, passa a servir como sede do Governo do novo Estado do Rio de Janeiro.

×