OLHAR DO AMOR

517 visualizações

Publicada em

OLHAR DO AMOR

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
517
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
20
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
9
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

OLHAR DO AMOR

  1. 2. OLHAR DE AMOR Primeiro uma ilustração: Foi um choque muito grande para aquela jovem mãe quando recebeu o diagnóstico de câncer. Depois da extirpação do tumor maligno sucederam-se os tratamentos e, naquele dia, após o internamento, ela estava voltando para casa muito triste. Ela estava consciente da sua aparência e, além de tudo ela estava sem cabelos por causa da radioterapia.
  2. 3. Sentia-se desencorajada. Seu marido continuaria a amá-la? E seu filho?   Coitado, ele tinha apenas seis aninhos. . Quando chegou em casa, sentou-se na cozinha, pensando em como explicar a seu filho porque estava tão feia. E eis que ele aparece na porta e fica olhando para ela um tanto curioso. Quando ela iniciou o discurso que ensaiara para ajudá-lo a entender o que via, o menino se aproximou e se aconchegou no colo dela, quietinho, com a cabeça recostada em seu peito.
  3. 4. Ela acariciou a cabecinha do filho e disse: 'Você vai ver como daqui a pouco o meu cabelo vai crescer e eu vou parecer melhor, como era antes'. O menininho se levantou, olhou para ela, pensativo e depois disse com a espontaneidade da sua infância:   'Você está careca, mamãe, mas o seu coração, que sempre me quis tão bem , ainda é o mesmo!'
  4. 5. A mãe não precisava esperar mais nada  para melhorar e com os olhos cheios de lágrimas, ela se deu conta de que já estava se sentindo muito melhor. O essencial é invisível aos olhos!  Quem ama vê além da aparência física. É exatamente isto que distingue o Amor: A Essência . Quando o Amor é o autêntico laço de união em casamentos, a união permanece inabalável apesar dos anos transcorridos.
  5. 6. Para quem têm olhos de Amor, o olhar penetra além do corpo físico que perdeu um tanto do vigor e já não apresenta a exuberância plástica dos anos primaveris. Para esses felizardos, o Amor amadurece a cada ano, solidificando-se a cada dificuldade enfrentada, a cada óbice superado, a cada batalha vencida. Enquanto os cabelos vão sendo prateados por aquele exímio pintor chamado Tempo e enquanto a artista de plástica chamada Idade vai colocando pequenos sinais na face, aqui e ali, o Amor ainda está crescendo!
  6. 7. Este sentimento fica mais forte ainda  à medida que o passo deixa de ser  vigoroso e um se apóia no outro para descer ou subir os degraus da Vida. A solidariedade se torna mais intensa, apesar da visão se embaçar um pouco. . . Aquele maravilhoso computador de outrora, que é o cérebro, já não consegue fazer os corretos cálculos, para aquilatar se dá ou não tempo para atravessar uma simples rua. Aí nossa mão segura automaticamente a do ente amado enquanto sugerimos: 'É melhor esperar um pouco. . . '
  7. 8. Envelhecer ao embalo do Amor é maravilhoso! Descobrimos  com muita alegria que, afinal,  rugas não doem nem um pouquinho. . Desfrutar do aconchego um do outro é reconfortante! Felizes dos casais que envelhecem juntos! Felizes dos filhos que sabem aproveitar da companhia generosa dos pais e avós que o Tempo inexorável já alcançou! ! ! De todos os momentos da vida os mais preciosos são os desfrutados com Amor!
  8. 9. Quando as dificuldades se avolumam, os problemas crescem e os dias solitários chegam, é maravilhoso ter momentos de carinho para a gente recordar. Estes são momentos de carinho que recebemos ou que proporcionamos. Momentos que nos fizeram extremamente felizes. Momentos que, revividos pelos  neurônios invisíveis do pensamento, ainda nos confortam e aquecem o coração. . Amem muito e permitam serem Amados por seus entes queridos! Eloy Franco Música : Laura Montagem : [email_address] www.pranos.com.br

×