OLÁ, SENHOR PIANISTA! Olá, senhor pianista, Toque pra mim uma canção  Que não tenha a palavra dor Nos versos da composição...
Olá, senhor pianista, Continue, não pare agora Porque não demora A lágrima vem e cai Na tosca mesa deste bar, Onde toda no...
Toque, toque para ofuscar a visão Da punhalada traiçoeira Que insiste em vir à tona Envolta nos vapores do álcool. Amigo, ...
Formatado por Angela Lopes São Paulo 28/03/2008 Música  Pedrinho Mattar e seu Piano Aquellos Ojos Verdes
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

OLA SENHOR PIANISTA

751 visualizações

Publicada em

OLA SENHOR PIANISTA

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
751
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
13
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
5
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

OLA SENHOR PIANISTA

  1. 1. OLÁ, SENHOR PIANISTA! Olá, senhor pianista, Toque pra mim uma canção Que não tenha a palavra dor Nos versos da composição, Mas que lembre a felicidade Que se tem naquela idade Quando tudo são flores.
  2. 2. Olá, senhor pianista, Continue, não pare agora Porque não demora A lágrima vem e cai Na tosca mesa deste bar, Onde toda noite o filme revejo Do passado, em câmera lenta Rodando, expondo as cenas da vida Que o tempo não pôde apagar.
  3. 3. Toque, toque para ofuscar a visão Da punhalada traiçoeira Que insiste em vir à tona Envolta nos vapores do álcool. Amigo, aceite o último gole, Solfeje a última melodia Pois a madrugada já se evapora Como a fumaça deste cigarro Que fumo em desespero. (Maria Hilda de J. Alão)
  4. 4. Formatado por Angela Lopes São Paulo 28/03/2008 Música Pedrinho Mattar e seu Piano Aquellos Ojos Verdes

×