MAES QUE PARTIRAM

1.193 visualizações

Publicada em

MAES QUE PARTIRAM

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.193
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
23
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
11
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

MAES QUE PARTIRAM

  1. 1. Mães que Partiram Letícia Thompson
  2. 2. Só de pensar dói. Corta bem fundo na alma, atravessa o âmago, serra a garganta e não sai.
  3. 3. Mães nunca deveriam partir, elas deveriam durar eternamente. Uma amiga muito sábia disse que "nunca se é velho demais para se ficar órfão." Ela tem razão. Todo adulto tem coração criança quando se trata de mãe e por mais que se tente agarrar na barra da saia, chega o dia em que, fatalmente, ela diz adeus.
  4. 4. Às vezes ainda jovem e ninguém está preparado para aceitar esse tipo de perda. Achamos injusto. Muito injusto mesmo. Por que mãe é mãe. Mas Deus conhece nossos caminhos e sabe quanto tempo deve durar a missão de cada um. E o que temos que aprender com os que partem.
  5. 5. Talvez, quem sabe, seja para que abramos novas janelas, novas portas, façamos novos encontros... para que a gente aprenda a voar só e alto.
  6. 6. Se algumas mães não partissem ou não fossem diferentes, outras mulheres jamais fariam a experiência da maternidade através da adoção.
  7. 7. Mas eu sei, com todo meu coração, que quem teve a sua mãe e esta se foi sente um vazio profundo. Mas é um vazio de saudade, a sensação de não ter mais do lado aquela que parecia preencher qualquer espaço e que preenche ainda nas lembranças.
  8. 8. Uma mãe não vai embora pra sempre de verdade. Ela fica nas nossas células, na nossa pele, no nosso coração e mente. Mãe é isso: aquela que, mesmo partindo, fica. E, ficando, reconforta.
  9. 9. As lembranças também nos fazem viver, nos fazem rir, sentir ternura e é isso que é importante guardar: o que de bom ficou. Mãe é eterna sim, no fim das contas. Ela dura, enquanto a gente dura...
  10. 10. Créditos: Autoria do Texto: Letícia Thompson Imagens: Getty Images Formatação: Mara Lúcia Música: La Vie en Rose - Ernesto Cortazar Maio/2006 Site da autora: www.leticiathompson.net Ao repassar, por favor, não retire nem modifique os créditos.

×