Mãe África Eliza Teixeira Quando Olodunmare veio habitar a Terra enflorou-me a cerviz. Meus seios fartos e generosos alime...
Meus filhos - guerreiros ousados minhas filhas - moças gentis como aves do deserto viviam em campo aberto Abençoada raiz! ...
Os gritos dos que partiram ainda ecoam em meus ouvidos como o rugir do trovão em noite de tempestade... E ainda falam em h...
Não deixem perecer a fé que foi em mim plantada pelo Senhor Olodunmare. Música : Nkosi Silkelel' iAfrika (God Bless Africa...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

MAE AFRICA

616 visualizações

Publicada em

MAE AFRICA

Publicada em: Turismo, Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
616
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
22
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
18
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

MAE AFRICA

  1. 1. Mãe África Eliza Teixeira Quando Olodunmare veio habitar a Terra enflorou-me a cerviz. Meus seios fartos e generosos alimentaram minha prole numerosa que cresceu livre e feliz.
  2. 2. Meus filhos - guerreiros ousados minhas filhas - moças gentis como aves do deserto viviam em campo aberto Abençoada raiz! Hoje, minha prole espalhada, a minha alma amortalhada, como andarilha, não pára, - Vagueia pelo Saara!
  3. 3. Os gritos dos que partiram ainda ecoam em meus ouvidos como o rugir do trovão em noite de tempestade... E ainda falam em humanidade! Sinto-me só, abandonada, sem passado e sem presente - Meu coração está doente!
  4. 4. Não deixem perecer a fé que foi em mim plantada pelo Senhor Olodunmare. Música : Nkosi Silkelel' iAfrika (God Bless Africa) Montagem [email_address] www.pranos.com.br

×