Ligações de amor by Verinh@
Alô, quem fala? ..................? Eu sou o namorado de sua mulher. Não fique surpreso e nem pense que é brincadeira... A...
Liguei para pedir que não a abandone quando ela mais precisa de você... Detesto saber que ela chora por se sentir abandona...
Eu sei porque sou eu quem a acompanha madrugada afora. Gostamos de falar de coisas boas, contamos piadas,  sorrimos e às v...
Sei que sempre chega tarde em casa e,  nos fins de semana, sempre inventa alguma coisa para fugir de seus compromissos em ...
Não fique preocupado, sua mulher é minha namorada virtual. Sou apenas um amigo mais íntimo que ela pode ter sem ter o risc...
Talvez eu possa entender você, mas também a entendo. Portanto, meu amigo, se posso chamá-lo assim, não faça a mulher de me...
Dedique um dia somente para ela. Neste dia faça tudo que ela deseja; caminhe com ela de mão dadas na praia, escute as piad...
Descubra a menina escondida atrás da sua mulher... Olhe nos olhos dela e diga que a ama... São poucas coisas, mas fará uma...
Trate-a com amor e respeito e talvez eu a perca para você. Mas ficarei feliz por saber  que a mulher que amo está feliz.
Texto: Autoria desconhecida,  publicado por  Augusto Servano Rodrigues no site: www. ecritoresdoamor.com Formatação: Vera ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

LIGACOES DE AMOR

463 visualizações

Publicada em

LIGACOES DE AMOR

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
463
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
13
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

LIGACOES DE AMOR

  1. 1. Ligações de amor by Verinh@
  2. 2. Alô, quem fala? ..................? Eu sou o namorado de sua mulher. Não fique surpreso e nem pense que é brincadeira... Apesar de nunca tocá-la eu sou muito íntimo. Eu sou o cara que escuta os lamentos e frustrações. Sou eu que me preocupo em mandar poemas  para que ela se sinta feliz... Sou um apaixonado pela sua mulher,  por isso eu liguei para você...
  3. 3. Liguei para pedir que não a abandone quando ela mais precisa de você... Detesto saber que ela chora por se sentir abandonada. E olha que sua mulher é uma gata muito bonita! Não fique preocupado, ela nunca te traiu Quer saber como tenho esta certeza?
  4. 4. Eu sei porque sou eu quem a acompanha madrugada afora. Gostamos de falar de coisas boas, contamos piadas,  sorrimos e às vezes, quando é preciso, choramos juntos. Mas a minha intenção não é de sacaneá-lo, não. Minha intenção é pedir a você que dê mais atenção a esta mulher maravilhosa que eu amo e que,  supostamente, você também deve amar.
  5. 5. Sei que sempre chega tarde em casa e,  nos fins de semana, sempre inventa alguma coisa para fugir de seus compromissos em casa. Não estou acusando, só estou preocupado  com a felicidade daquela que faz nosso coração bater descompassado, ou será que o seu parou?
  6. 6. Não fique preocupado, sua mulher é minha namorada virtual. Sou apenas um amigo mais íntimo que ela pode ter sem ter o risco de traí-lo, pois apenas divido o tempo com ela. O tempo que devia ser teu e você joga fora !
  7. 7. Talvez eu possa entender você, mas também a entendo. Portanto, meu amigo, se posso chamá-lo assim, não faça a mulher de meus sonhos chorar. Dedique a ela mais tempo, traga-lhe rosas amarelas, escreva alguma coisa bonita que ela vai adorar.
  8. 8. Dedique um dia somente para ela. Neste dia faça tudo que ela deseja; caminhe com ela de mão dadas na praia, escute as piadas que ela gosta de contar.
  9. 9. Descubra a menina escondida atrás da sua mulher... Olhe nos olhos dela e diga que a ama... São poucas coisas, mas fará uma diferença enorme. Sabe como são as mulheres, qualquer coisinha boba que fazemos, para elas, significa muito...
  10. 10. Trate-a com amor e respeito e talvez eu a perca para você. Mas ficarei feliz por saber  que a mulher que amo está feliz.
  11. 11. Texto: Autoria desconhecida, publicado por Augusto Servano Rodrigues no site: www. ecritoresdoamor.com Formatação: Vera Lúcia de Siqueira [email_address] Receba belos slides clicando:

×