EDITH PIAF

1.150 visualizações

Publicada em

EDITH PIAF

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.150
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
11
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
35
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

EDITH PIAF

  1. 1. Joao das Flores Apresenta Joao das Flores Apresenta
  2. 2. Piaf Piaf
  3. 3. Estava há pouco, ouvindo a música maravilhosa de Edith Piaf. Depois apaguei a luz e fiquei imaginando: Fui buscar cada nota de cada canção e ouvir cada frase - A delicadeza e a dor - Senti! Piaf é a mistura da alma francesa. É o sentimento da alma do mundo.
  4. 4. Toda época produz as suas alegrias e as suas tristezas, horrores e encantamentos, mas Piaf sozinha conseguiu produzir um tempo de encanto, usando o sentimento do mundo. Tornou-se a essência sagrada de uma época. Deu vida a essa época. Bastaria ela, para que este momento fosse percebido.
  5. 5. Às vezes eu fico imaginando: De que maneira a natureza se organiza, de que jeito ela é fecundada, que força espiritual é envolvida para que seja dada a luz, um ser tão magnífico, tão exuberante?
  6. 6. A França não me surpreende. Às vezes consegue voar tão longe, e trazer do alto estas criaturas que só conseguimos imaginar que estão entrelaçadas nas outras esferas, nos lugares reservados à graça, nos domínios de Deus. Ela consegue desatar o nó que amarra o lugar do divino e o humano, e arrebatar para a terra a beleza, para mostrar ao mundo o poder da alma de França.
  7. 7. Ouvir Piaf é estar em Paris, é respirar o seu romantismo, a sedução desta bela cidade, mesmo sem nunca ter estado lá. A sua música nos familiariza com Paris. A suas canções enchem o nosso coração das luzes e dos vinhos, das alamedas e dos amores, de todos os encantos e de todas as dores.
  8. 8. Piaf trazia isso na alma: todas as alegrias e todas as tristezas e por isso, cantava com o sentimento do coração e emocionava tanto.
  9. 9. Bastaria que fosse só uma cantora, mas conseguiu ir além daquilo que se pedia do seu gênio. Na verdade, até as suas mais belas canções foram feitas por ela. Certamente queria mostrar aos mortais a maneira como ela queria que fossem feitas as canções que ela iria imortalizar: Existe uma música tão eterna como o "hino ao amor", ou "la vie en rose"?
  10. 10. Ouço Piaf e vou para um momento que não foi  meu, mas me sinto à vontade. Qualquer de suas canções se insere no tempo do ontem e do agora, do amanhã e do sempre. É que não existe uma data certa para se cantar o amor. O que é belo, transcende o tempo e ilumina a eternidade.
  11. 11. Carinhosamente a chamavam de "cotovia de Paris", mas chamá-la de cotovia é muito pouco. Piaf estava além das cotovias e dos rouxinóis, estes são encontrados em todos os lugares. Piaf era um pássaro único.
  12. 12. Foi o belo anjo da música, que fugiu do seu lugar sagrado para estar junto dos homens, e tornar a vida mais sonora, e nos mostrar que às vezes, ela pode até ser cor de rosa.
  13. 13. Piaf A Cotovia de Paris
  14. 14. Crônica: Joao das Flores Formatação: Maysa Música: L’hymme a L’amour Cantora: Edith Piaf Copyright © 2007. Todos os direitos reservados. Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor. http://recantodasletras.uol.com.br/autores/maysa [email_address] www.macacosecolibris.com

×