E Chiove  (tradução) Como é estreita esta rua que as pessoas mal cabem anadam em procissão devagar, bem devagar
ninguém morreu nem é dia de santo não se houve nenhuma voz nenhum sino toca no entanto o coração ainda tem esperanças que ...
onde o céu seja um céu que não escurece nunca e chove em terra de ninguém que não escurece nunca e chove em terra de ningu...
Como é longa esta rua que não termina mais se perde em meio às pedras, a papéis abandonados sob a hera dos muros que se al...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

CHOVE

393 visualizações

Publicada em

CHOVE

Publicada em: Tecnologia, Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
393
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
14
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

CHOVE

  1. 1. E Chiove (tradução) Como é estreita esta rua que as pessoas mal cabem anadam em procissão devagar, bem devagar
  2. 2. ninguém morreu nem é dia de santo não se houve nenhuma voz nenhum sino toca no entanto o coração ainda tem esperanças que jorrem as fontes E chove sobre as pessoas quisera enlaçar a lua com uma corda para me levar bem longe para me levar bem longe
  3. 3. onde o céu seja um céu que não escurece nunca e chove em terra de ninguém que não escurece nunca e chove em terra de ninguém quisera ter o poder de diminuir a dor neste rio amargo, que não conhece o mar porque o mar está tão longe e no entanto está tão perto
  4. 4. Como é longa esta rua que não termina mais se perde em meio às pedras, a papéis abandonados sob a hera dos muros que se alastram como praga sobre os dias e noites sem pão no entanto o coração tem esperança que jorrem as fontes E chove sobre as pessoas... Composição: Giuseppe Amoruso Música: Zizi Possi- E Chiove Montagem: [email_address] www.pranos.com.br

×