Ainda busco-me em ti... Sandra M. Julio Com Som
Fiz-me teu amor, tua canção...  Estou em cada poema que nunca chegaste a ler,  Solta notas que embalam cada sonho... que j...
Sou o respeito que plantas em teu coração.  No céu brilho estrelas, em noites que passas distraído  e não me vês,  Em tu'a...
Perdida em teus medos... Oculta em teus silêncios... Sigo sombra e sol  A brincar lágrimas num rosado arrebol.  Sigo embri...
Esmaecida em infecundos desejos  Alimento-me da solidão. Esquecida na incompetência dos carinhos,  E na preguiça que rege ...
Corroída pela escassez das palavras  Que brincam em omissos poemas,  Na delirante ilusão vívida em teu peito  Em devaneios...
Em cada sorriso sou-te a alma Calma... Acarinhando realidade,  Santificando a delirante   saudade...  Ainda busco-me em ti.
Composição de imagens: Google  Música:  Ocean (Vangelis)  Formatação: adsrcatyb@terra.com.br  Site:  www.momentos-pps.com....
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

AINDA BUSCO-ME EM TI

727 visualizações

Publicada em

AINDA BUSCO-ME EM TI

Publicada em: Saúde e medicina, Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
727
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
78
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

AINDA BUSCO-ME EM TI

  1. 1. Ainda busco-me em ti... Sandra M. Julio Com Som
  2. 2. Fiz-me teu amor, tua canção... Estou em cada poema que nunca chegaste a ler, Solta notas que embalam cada sonho... que jamais sonhastes
  3. 3. Sou o respeito que plantas em teu coração. No céu brilho estrelas, em noites que passas distraído e não me vês, Em tu'alma sou teu maior segredo...tão secreto que nunca me encontras. Sou...verbo, carne e ilusão.
  4. 4. Perdida em teus medos... Oculta em teus silêncios... Sigo sombra e sol A brincar lágrimas num rosado arrebol. Sigo embriagada num futuro Tolo e imaturo.
  5. 5. Esmaecida em infecundos desejos Alimento-me da solidão. Esquecida na incompetência dos carinhos, E na preguiça que rege o silêncio do teu coração.
  6. 6. Corroída pela escassez das palavras Que brincam em omissos poemas, Na delirante ilusão vívida em teu peito Em devaneios soltos em qualquer leito...
  7. 7. Em cada sorriso sou-te a alma Calma... Acarinhando realidade, Santificando a delirante  saudade... Ainda busco-me em ti.
  8. 8. Composição de imagens: Google Música: Ocean (Vangelis) Formatação: adsrcatyb@terra.com.br Site: www.momentos-pps.com.br Um Abraço!

×